Balas de Colágeno pelo melhor preço é na Tudo Saudável


Atualizações: Operação Jade Helm

Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 1 Votos - 5 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
01-09-2013, 04:32 PM (Resposta editada pela última vez em: 02-09-2013 08:27 PM por Hubble.)
Resposta: #1
A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
http://www.tlaxcala-int.org/article.asp?reference=10449

O alvo do ocidente é o Irã, não a Síria


[Imagem: aut_1046.jpg]
Robert Fisk

Traduzido por: Coletivo de tradutores Vila Vudu


Antes que comece a mais estúpida de todas as guerras ocidentais da história do mundo – falo, é claro, do ataque contra a Síria que teremos de engolir – talvez se deva dizer que os mísseis teleguiados que tantos esperam, confiantemente, que chovam sobre as mais ancestrais cidades que a humanidade ergueu, nada têm a ver, absolutamente nada, com a própria Síria.


Todos eles visam a ferir o Irã. Estão mirados contra a República Islâmica, agora que já tem novo e vibrante presidente – em tudo diferente de Mahmoud Ahmadinejad, o doido – e quando pode bem estar um pouco mais estável.


O Irã é o inimigo de Israel. O Irã então, naturalmente, é o inimigo dos EUA. Assim sendo, fogo nos mísseis contra o único aliado árabe do Irã.


Não se trata de defender o regime sírio. Nem me interessa absolvê-lo antecipadamente na questão das bombas de gás. Mas tenho idade suficiente para lembrar que, quando o Iraque – aliado dos EUA – usou gás contra os curdos de Hallabjah em 1988, nós não atacamos Bagdá. O ataque teria de esperar até 2003, quando Saddam já não tinha gás algum nem qualquer dessas armas que habitam nossos pesadelos.


Também lembro muito bem que a CIA inventou, em 1988, que o Irã seria responsável pelos ataques químicos em Hallabjah, mentira completa, focada no inimigo dos EUA contra o qual, então, Saddam lutava em nosso nome. E milhares – não centenas – morreram em Hallabjah. Mas, sabem como é. Mudam os tempos, mudam os critérios.


E acho que vale a pena lembrar que quando Israel matou mais de 17 mil homens, mulheres e crianças no Líbano em 1982, numa invasão supostamente provocada por uma tentativa de assassinato contra o embaixador israelense em Londres (supostamente levada a cabo por membros da OLP, mas quem organizou a matança foi o parceiro de Saddan, Abu Nidal, não a OLP, mas não importa), os EUA limitaram-se a pedir que os dois lados praticassem a “moderação”. E pouco antes daquela invasão, Hafez al-Assad – pai de Bashar – mandara seu irmão a Hama para varrer de lá milhares de rebeldes da Fraternidade Muçulmana, e ninguém achou ruim. Meu velho conhecido Tom Friedman falou, cinicamente, de “Leis de Hama”.


Seja como for, há hoje uma Fraternidade diferente – e Obama não conseguiu nem gritar “buuuuu”, quando o Irmão presidente eleito foi derrubado.

[Imagem: gal_7199.jpg]
A próxima bola da vez, por Carlos Latuff


Ei, esperem! Mas o Iraque – quando era “nosso” aliado contra o Irã – também não usou gás contra o exército iraniano? Usou. Vi os feridos nesse ataque ensandecido, comandado por Saddam – e oficiais dos EUA, sim senhor, andaram depois pelo campo de batalha e informaram Washington –, e nós não dissemos sequer um palavrão contra aquilo. Milhares de soldados iranianos na guerra 1980-88 morreram envenenados por essa arma vil.


Viajei de volta a Teerã, à noite, num trem que transportava militares feridos e senti o cheiro, e abríamos as janelas dos corredores do trem, para nos livrar do fedor do gás. Aqueles jovens tinham feridas sobre feridas – literalmente. Sobre as feridas cresciam bolhas ainda mais dolorosas. Quase indescritível. E quando aqueles soldados chegaram a hospitais ocidentais para tratamento, os jornais chamavam aqueles feridos – apesar das provas muito mais convincentes que as que talvez se obtenham nos arredores de Damasco – de “supostamente atingidos por gás”.


Assim sendo, o que estamos fazendo, santo deus? Depois que milhares incontáveis morreram na horrenda tragédia síria, de repente – de fato, depois de meses, de anos de prevaricação –, começamos a nos perturbar por causa de umas poucas centenas de mortos. Terrível. Inconcebível. Indecente. Sim, é verdade. Mas já deveríamos estar traumatizados, horrorizados e em ação contra essa guerra desde 2011. E durante 2012. Por que agora?


Acho que sei por quê. Acho que o impiedoso exército de Bashar al-Assad está afinal derrotando os ‘rebeldes’ que nós secretamente armamos. Com a ajuda do Hizbollah libanês – aliado do Irã no Líbano –, Damasco quebrou os ‘rebeldes’ em Qusayr e pode já estar perto de quebrá-los no norte de Homs. O Irã está cada vez mais profundamente envolvido na proteção ao governo sírio. Assim, vitória de Bashar é vitória do Irã. E o ocidente não admite vitórias iranianas.


E já que falamos de guerra, o que aconteceu àquelas magníficas negociações palestino-israelenses de que John Kerry tanto falava? Enquanto manifestamos nossa angústia pelos terríveis ataques a gás na Síria, a terra palestina continua a ser roubada. A política likudista de Israel – negociar a paz, enquanto ganha tempo até conseguir roubar toda a terra dos palestinos – prossegue a passos rápidos, e esse é o pesadelo do rei Abdullah da Jordânia (pesadelo pior que as “armas de destruição em massa que inventamos em 2003), que só cresce: que toda a “Palestina” logo estará na Jordânia, não mais na Palestina.


Mas, a dar-se crédito aos absurdos que vêm de Washington, Londres e Paris e do resto do mundo “civilizado”, é só questão de tempo, e nossa espada vingadora degolará os damascenos.


Ver lideranças do resto do mundo árabe a aplaudir essa destruição é talvez a mais dolorosa experiência histórica pela qual a região jamais passou. E a mais vergonhosa. Exceto pelo fato de que estaremos atacando muçulmanos xiitas e seus aliados, sob aplausos de muçulmanos sauditas. Disso se faz a guerra civil.

"O inferno é sempre o outro" - Jean-Paul Sartre
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 27 usuários diz(em) obrigado a Hubble pelo seu post:
alesantos (01-09-2013), chaves (01-09-2013), Cristã (01-09-2013), Daia (01-09-2013), Dwayne Johnson (02-09-2013), Embuscadaverdade (01-09-2013), Javelin (01-09-2013), jhoony libertario (02-09-2013), LIRMC ...8 (02-09-2013), Mediador (02-09-2013), Minerim (01-09-2013), Motta (02-09-2013), mr.newface (01-09-2013), Paulo2011 (01-09-2013), probra (02-09-2013), rasabino (02-09-2013), rogcon (02-09-2013), ronaldo sarmento (02-09-2013), ruicoelho (01-09-2013), Sann (01-09-2013), Sergio Santos (01-09-2013), SoulFactor (02-09-2013), Technologic Monk (02-09-2013), tufoeffect (01-09-2013), Unknow (02-09-2013), Werwulf (02-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
Shoyu e Missô Orgânicos Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
01-09-2013, 06:44 PM
Resposta: #2
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Finalmente alguém de bom senso. decidiu expor a verdadeira razão da guerra na síria.

Sempre foi esse o principal motivo e objectivo desta guerra. O Irão.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 9 usuários diz(em) obrigado a ruicoelho pelo seu post:
Embuscadaverdade (01-09-2013), Hubble (01-09-2013), jhoony libertario (02-09-2013), LIRMC ...8 (02-09-2013), Mediador (02-09-2013), mr.newface (01-09-2013), probra (02-09-2013), Sergio Santos (01-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
01-09-2013, 08:01 PM
Resposta: #3
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
O Irã é um alvo há muito tempo que o ocidente deseja atingir para colocar na sacola, sim porque é um grande produtor de energia petrolífera, gás e outros commodities...mas ainda acho que o Irã não é o Fim e sim um meio e talvez o final do caminho para chegar á Russia.........porque este sim é verdadeiro ator principal.......mas e então?????O que vai acontecer quando:???

- Atacarem a Síria?
- Atacarem a Síria e o Irã Reagir (direta ou indiretamente)?
- A China vai se meter?
- A Russia vai se meter?
- O irã entraria com os dois pés na briga?
- Ou será que ninguém vai por a cara pela Síria e tudo não vai passar de bla-bla-bla????

Minha aposta é de que a Me**A vai feder desde já e bem forte o cheiro, me atrevo inclusive a dizer que este é o acender dos pavios da WW3.............o que vcs acham????

O Irã é um objetivo, mas o grande peixe é ainda maior!!!

"Toda a matéria somente é energia condensada a uma vibração lenta. Então nós somos todos uma consciência que se experimenta subjetivamente. Não há nenhuma tal coisa como a morte. A vida é só um sonho. E nós somos a imaginação de nós mesmos." - Bill Hicks
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 8 usuários diz(em) obrigado a tufoeffect pelo seu post:
Fire Fox (02-09-2013), Hubble (01-09-2013), jhoony libertario (02-09-2013), LIRMC ...8 (02-09-2013), Mediador (02-09-2013), probra (02-09-2013), vitor hugo dias (03-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
01-09-2013, 08:17 PM
Resposta: #4
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Essa imagem que ilustra o tópico resume muito bem tudo isso. Não é preciso nem uma maior explicação.

Mas, acredito que com a saída do Ahmadinejad e a entrada do Rouhani na presidência, as coisas se acalmem um pouco e o Irã torne-se um pouco mais submisso ao "império". Já que o próprio Rouhani admitiu ter uma política um pouco menos agressiva internacionalmente falando, e aí já sabemos.

Logo, acho que isso ainda não é o que acenderá o pavio para uma WW3 nuclear. Aliás, os resquícios da guerra fria precisam evoluir ainda, para algo um pouco maior do que o cenário atual.

A Síria é só mais uma tomada estratégica para o futuro ato final.
O que os "donos do mundo" estão tentando fazer, é tomar o controle absoluto, estrategicamente sem utilizar de artefatos nuclearmente destrutivos.

Mas a história já mostrou que, instintivamente, de ciclo em ciclo, a humanidade em sociedade, costuma sempre despertar de seus sonos mais profundos e destruir impérios.
Roma é o exemplo mais clássico.

isso é o que me faz achar também, que a ideia dos "donos do mundo" é o contrário, é descentralizar o poder e dar uma falsa sensação de liberdade para as sociedades do mundo.

Estão usando de outras estratégias mais invisíveis a nós, meros mortais.

Em fim, vamos ver o desenrolar da situação e tentar analisar o próximo passo, a próxima jogada do pau mandado, senhor Obama junto de seus amiguinhos!

"O populismo ama tanto os pobres, que os multiplica." - Gloria Alvarez
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 6 usuários diz(em) obrigado a Technologic Monk pelo seu post:
djaga (01-09-2013), GU4RD1ÃO (01-09-2013), Hubble (01-09-2013), LIRMC ...8 (02-09-2013), rasabino (02-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
Onde Comprar  Cloreto de Magnésio PA
02-09-2013, 11:17 AM
Resposta: #5
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
E já estão preparando legalmente o ataque ao Irã também.
-----------------------------------------------------------------
Um ex membro da administração Bush: resolução para a Síria poderia autorizar ataque ao Irã e Líbano.

Um ex-oficial da administração Bush, alertou que o texto da resolução do presidente Barack Obama, que autoriza o uso da força militar contra a Síria é tão ampla que poderia justificar ataques ao Irã e Líbano. Jack Goldsmith, um professor de Direito de Harvard, escreveu hoje em lawfare que "a proposta centra-se na Síria WMD mas de resto é muito amplo" e que "não contém limites específicos de alvos".

Depois do discurso de Obama ontem no Rose Garden, ele enviou ao Congresso o texto de sua proposta de resolução sobre a Síria em resposta ao ataque com armas químicas em Ghouta. Enquanto o Congresso pode modificar a resolução, tal como está é um documento que autoriza o uso da força em uma ampla gama de alvos e pode justificar profundo envolvimento militar dos EUA no Oriente Médio. Aqui está mais da análise de Goldsmith:
(1) Será que a proposta é para autorizar o Presidente a tomar partido na guerra civil da Síria, ou para atacar rebeldes sírios associados à al Qaeda, ou para remover Assad do poder? Sim, contanto que o Presidente determina que qualquer uma destas entidades tem uma ligação (simples) para a utilização de WMD na guerra civil síria, e que a utilização da força contra uma delas iria impedir ou deter a utilização ou a proliferação de WMD dentro ou para a Síria, ou proteger os EUA ou seus aliados (por exemplo, Israel) contra a simples ameaça representada por essas armas. É muito fácil imaginar o Presidente fazer tais determinações no que diz respeito a Assad ou um ou mais dos grupos rebeldes.

Ela lembra da resolução aprovada no rescaldo do 11 de Setembro. Enquanto que a resolução era diretamente direcionada contra a Al Qaeda e do Taliban , foi mais tarde ampliado para justificar ataques de drones no Paquistão , Iêmen e Somália , mesmo em alvos que não eram claramente parte da Al Qaeda.

A administração Obama fez o seu caso para um ataque à Síria, enfatizando que seria um ataque limitado. " Isso não seria uma intervenção aberta . Nós não iríamos colocar as tropas no chão. Em vez disso, a nossa ação que se destina a ser limitado no tempo e espaço ", disse o presidente ontem.

Mas as conseqüências de um ataque na Síria são tão imprevisíveis, como o International Crisis Group , disse hoje em um comunicado alertando contra o uso da força militar e pressionando por uma solução diplomática para a crise síria. Qualquer ação militar dos EUA contra a Síria aumenta a chance de uma escalada regional do conflito.

Enquanto a escalada regional não está garantida, as declarações duras do Irã cheias arrogância, injeta mais poder de fogo em uma guerra civil brutal poderia facilmente criar um espiral fora de controle. Se Obama recebe sua resolução Síria, ele terá o apoio político para envolver a América em outra guerra do Oriente Médio, se o incêndio Síria se espalha como resultado de um ataque dos EUA.

http://mondoweiss.net/2013/09/former-bus...banon.html
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 5 usuários diz(em) obrigado a Tito Pito pelo seu post:
GU4RD1ÃO (02-09-2013), Hubble (02-09-2013), LIRMC ...8 (02-09-2013), Mediador (03-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
02-09-2013, 11:40 AM
Resposta: #6
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Esta imagem diz todo o contexto desta insanidade:

[Imagem: gal_7199.jpg]

"A maior forma de controle é quando você acha que está livre quando você está sendo manipulado e fundamentalmente ditado."
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 7 usuários diz(em) obrigado a Dwayne Johnson pelo seu post:
Hubble (02-09-2013), Mediador (03-09-2013), Omega (02-09-2013), probra (02-09-2013), Technologic Monk (02-09-2013), Unknow (02-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
02-09-2013, 12:29 PM
Resposta: #7
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Pessoal na minha opinião a SIRIA não vai ser atacada.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Humildadever pelo seu post:
probra (02-09-2013), yuryrodrigues (02-09-2013)
Emagreça com saúde neste verão - Tudo Saudável Produtos Naturais
02-09-2013, 12:35 PM (Resposta editada pela última vez em: 02-09-2013 12:39 PM por weirdo.)
Resposta: #8
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
(02-09-2013 12:29 PM)Humildadever Escreveu:  Pessoal na minha opinião a SIRIA não vai ser atacada.


Colega, por que diz isso? O que vc pensa que está para ocorrer? Gostaria de refletir! Obrigado.

/quit
Visitar o website do usuário Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a weirdo pelo seu post:
Cristã (02-09-2013), Humildadever (02-09-2013)
02-09-2013, 12:58 PM
Resposta: #9
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Vamos ao ponto: o fato de Obama 'autorizar' o ataque à Síria não implica necessariamente que o mesmo aconteça nos moldes anunciados antes. A Europa não deve apoiar o ataque, o que em termos de relação política internacional significa: 'EUA, vocês estão errados e sozinhos. Recuem ou se virem'

O quadro atual, segundo últimas informações, é este: EUA partindo para o Mediterrâneo, Rússia com os poços de petróleo na Arábia Saudita sob sua mira, Israel de prontidão para defesa de um possível ataque do Irã em retaliação à ajuda militar que dará aos EUA, Irã de prontidão para defesa de um possível ataque dos EUA e China na 'rebarba', pronta para qualificar uma ajuda à Rússia e/ou ao Irã. Ou seja, o cenário é péssimo. Mas ainda aposto numa 'negociação de paz' de última hora. Os EUA são arrogantes, presunçosos e vorazes, mas não são burros e sabem muito bem que sem o apoio da União Europeia já chegariam perdedores à Síria.

Vamos aguardar.

[/b]Sob proteção daquele que traz o segredo da vida e da cura em suas mãos e o Sol em seu rosto oculto e sublime...
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 6 usuários diz(em) obrigado a Motta pelo seu post:
Hubble (02-09-2013), jhoony libertario (02-09-2013), Mediador (03-09-2013), probra (02-09-2013), Tito Pito (02-09-2013), yuryrodrigues (03-09-2013)
02-09-2013, 01:15 PM
Resposta: #10
RE: A guerra vergonhosa contra a Síria deve começar esta semana. Mas o alvo é o Irã
Síria: As armas químicas foram fornecidas pelos sauditas
– "Rebeldes" e residentes locais em Ghouta acusam o príncipe saudita Bandar bin Sultan de fornecer armas químicas a um grupo ligado à al-Qaida
por Dale Gavlak e Yahya Ababneh [*]
Ghouta, Síria – Quando a maquinaria para uma intervenção militar dos EUA na Síria ganha ritmo após o ataque de armas químicas da semana passada, os EUA e seus aliados podem estar a visar o culpado errado.

Entrevistas com pessoas em Damasco e Ghouta, um subúrbio da capital síria, onde a agência humanitária Médicos Sem Fronteiras disseram que pelo menos 355 pessoas morreram na semana passada devido ao que acreditaram ser um agente neurotóxico, parecem indicar isso.

Os EUA, Grã-Bretanha e França bem como a Liga Árabe acusaram o regime sírio do presidente Bashar al-Assad de executar o ataque com armas químicas, o qual atingiu principalmente civis. Navios de guerra dos EUA estão estacionados no Mediterrâneo para lançar ataques militares contra a Síria como punição por executar um ataque maciço com armas químicas. Os EUA e outros não estão interessados em examinar qualquer prova em contrário, com o secretário de Estado John Kerry a dizer que a culpa de Assad era "um julgamento ... já claro para o mundo".

Contudo, das numerosas entrevistas com médicos, residentes em Ghouta, combatentes rebeldes e suas famílias, emerge um quadro diferente. Muitos acreditam que certos rebeldes receberam armas químicas através do chefe da inteligência saudita, príncipe Bandar bin Sultan, e foram responsáveis pela execução do ataque com gás.

"Meu filho procurou-se há duas semanas perguntando o que eu pensava que eram as armas que lhe fora pedido para carregar", disse Abu Abdel-Moneim, o pai de um combatente rebelde que vive em Ghouta.

Abdel-Moneim disse que o seu filho e 12 outros rebeldes foram mortos dentro de um túnel utilizado para armazenar armas fornecidas por um militante saudita, conhecido como Abu Ayesha, que estava a liderar um batalhão de combate. O pai descreveu as armas como tendo uma "estrutura como um tubo" ao passo que outras eram como uma "enorme garrafa de gás".

Os habitantes de Ghouta disseram que os rebeldes estavam a usar mesquitas e casas privadas para dormir enquanto armazenavam suas armas em túneis.

Abdel-Moneim disse que o seu filho e outros morreram durante o ataque de armas químicas. Naquele mesmo dia, o grupo militante Jabhat al-Nusra, o qual está ligado à al-Qaida, anunciou que atacaria da mesma forma civis no território [apoiante] do regime de Assad de Latáquia, na costa ocidental da Síria, em retaliação.

"Eles não nos disseram o que eram estas armas ou como utilizá-las", queixou-se uma combatente mulher chamada "K". "Nos não sabíamos que eram armas químicas. Nunca imaginámos que fossem armas químicas".

"Quando o príncipe saudita Bandar dá tais armas a pessoas, ele deve dá-las àqueles que sabem como manejá-las e utilizá-las", advertiu ela. Ela, tal como outros sírios, não querem usar seus nomes completos por medo de retaliação.

Um bem conhecido líder rebelde em Ghouta chamado "J" concordou. "Os militantes do Jabhat al-Nusra não cooperam com outros rebeldes, excepto com combate no terreno. Eles não partilham informação secreta. Simplesmente utilizaram alguns rebeldes comuns para carregar e operar este material", disse ele.

"Nós estávamos muito curiosos acerca destas armas. E infelizmente alguns dos combatentes manusearam as armas inadequadamente e começaram as explosões", disse "J".

Médicos que tratavam as vítimas do ataque de armas químicas aconselharam os entrevistadores a serem cautelosos acerca de perguntas respeitantes a quem, exactamente, era o responsável pelo assalto mortal.

O grupo humanitário Médicos Sem Fronteiras acrescentou que trabalhadores da saúde cuidando de 3.600 pacientes também relataram experimentar sintomas semelhantes, incluindo espuma na boca, sofrimento respiratório, convulsões e visão turvada. O grupo não foi capaz de verificar a informação de modo independente.

Mais de uma dúzia de rebeldes entrevistados informaram que os seus salários vêem do governo saudita.

Envolvimento saudita

Num recente artigo no Business Insider, o repórter Geoffrey Ingersoll destacou o papel do príncipe Bandar nos dois anos e meio da guerra civil síria. Muitos observadores acreditam que Bandar, com seus laços estreitos a Washington, tem estado no próprio cerne do impulso para a guerra dos EUA contra Assad.

Ingersoll referiu-se a um artigo no Daily Telegraph britânico acerca de conversações secretas russo-sauditas alegando que Bandar propôs ao presidente Vladimir Putin petróleo barato em troca do abandono de Assad.

"O príncipe Bandar comprometeu-se a salvaguardar a base naval russa na Síria se o regime Assad fosse derrubado, mas ele também aludiu a ataques terroristas chechenos aos Jogos Olímpicos de Sochi, na Rússia, se não houvesse acordo", escreveu Ingersoll.

"Posso dar-lhe uma garantia de proteger os Jogos Olímpicos no próximo ano. Os grupos chechenos que ameaçam a segurança dos jogos são controlados por nós", disse alegadamente Bandar aos russos.

"Juntamente com responsáveis sauditas, os EUA alegadamente deram ao chefe da inteligência saudita o sinal de aprovação para efectuar estas conversações com a Rússia, a qual não foi surpresa", escreveu Ingersoll.

"Bandar tem uma educação americana, tanto militar como em faculdade [civil], actuou como um embaixador saudita altamente influente nos EUA e a CIA ama completamente este rapaz", acrescentou.

Segundo o jornal britânico Independent, foi a agência de inteligência do príncipe Bandar que pela primeira vez trouxe alegações da utilização de gás sarin pelo regime à atenção de aliados ocidentais, em Fevereiro último.

O Wall Street Journal informou recentemente que a CIA percebeu que a Arábia Saudita era "séria" acerca do derrube de Assad quando o rei saudita nomeou o príncipe Bandar para liderar esse esforço.

"Eles acreditam que o príncipe Bandar, um veterano das intrigas diplomáticas de Washington e do mundo árabe, podia entregar aquilo que a CIA não podia: cargas por avião de dinheiro e armas e, como disse um diplomata americano, intermediação (wasta), a palavra árabe para influência debaixo da mesa".

Bandar tem avançado o objectivo de política externa da Arábia Saudita, informou o WSJ, de derrotar Assad e seus aliados iraniano e Hezbollah.

Para esse objectivo, Bandar actuou em Washington para respaldar um programa de armar e treinar rebeldes a partir de uma planeada base militar na Jordânia.

O jornal informa que ele deparou-se com "jordanianos constrangidos acerca de uma tal base".

Sua reunião em Amman com o rei Abdullah da Jordânia por vezes demoravam oito horas numa única sessão. "O rei brincaria: Oh, o Bandar vem outra vez? Vamos reservar dois dias para a reunião", disse uma pessoa habituada às reuniões.

A dependência financeira da Jordânia em relação à Arábia Saudita pode ter dado forte influência aos sauditas. Um centro de operações na Jordânia começou a funcionar no Verão de 2012, incluindo uma pista de aviação e armazéns para armas. Os AK-47s e munições encomendados pelos sauditas chegaram, informou o WSF, citando responsáveis árabes.

Embora a Arábia Saudita tenha oficialmente sustentado que apoiava rebeldes mais moderados, o jornal informou que "fundos e armas estavam a ser canalizados para radicais ao lado, simplesmente para conter a influência de islamistas rivais apoiados pelo Qatar".

Mas rebeldes entrevistados disseram que o príncipe Bandar é tratado como "al-Habib" ou "o amado" pelos militantes al-Qaida que combatem na Síria.

Peter Oborne, no Daily Telegraph de quinta-feira, acautelou que a corrida de Washington para punir o regime Assad com os chamados ataques "limitados" não significava derrubar o líder sírio mas sim reduzir a sua capacidade de utilizar armas químicas:

Considere-se isto: os únicos beneficiários da atrocidade foram os rebeldes, anteriormente a perderem a guerra e que agora têm a Grã-Bretanha e a América prontas a intervirem ao seu lado. Se bem que pareça haver pouca dúvida de que foram utilizadas armas químicas, há dúvida acerca de quem as disponibilizou.

É importante recordar que Assad foi acusado antes de utilizar gás venenoso contra civis. Mas naquela ocasião, Carla del Ponte, comissária da ONU para a Síria, concluiu que os rebeldes, e não Assad, foram provavelmente os responsáveis.

Alguma informação neste artigo não pôde ser verificada de modo independente. Mint Press News continuará a proporcionar nova informação e actualizações.


29/Agosto/2013

Ver também:

Chemical Hallucinations and Dodgy Intelligence
(Alucinações químicas e inteligência trapalhona), William Bowles

"We Informed US of Chemical Weapons Transfer to Syria 9 Months Ago"
("Informámos os EUA da transferência de armas químicas para a Síria nove meses atrás"), Javad Zarif

Did the White House Help Plan the Syrian Chemical Attack?
(Será que a Casa Branca ajudou a planear o ataque químico sírio?), Yossef Bodansky

[*] Dale Gavlak: correspondente da Mint Press News no Médio Oriente com base em Amman, Jordânia, dgavlak@mintpressnews.com ; Yahya Ababneh: jornalista jordano.

O original encontra-se em http://www.mintpressnews.com/... e em http://www.silviacattori.net/article4776.html

Este artigo encontra-se em http://resistir.info/ .
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 4 usuários diz(em) obrigado a Bill Goldberg pelo seu post:
Hubble (02-09-2013), Mediador (02-09-2013), probra (02-09-2013), yuryrodrigues (03-09-2013)
Shoyu Orgânico Fermentado Naturalmente Você Encontra na Tudo Saudável
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
Exclamation (Importante) III Guerra Mundial GU4RD1ÃO 663 420,838 Ontem 09:45 PM
Última Resposta: ULTRON
  O verdadeira causa da guerra na Síria. Véia Silidonia 10 2,433 01-11-2017 11:21 AM
Última Resposta: Elenin20182024
  [Atualizações] Conflitos na Síria GU4RD1ÃO 724 156,447 28-09-2017 01:47 PM
Última Resposta: Sanderson S. Pierre
  [Atualização] Pentágono diz que o Texas não Deve Temer o Jade Helm admin 47 40,217 14-09-2017 11:38 AM
Última Resposta: NeoX
  High Hitler: Como o uso de drogas mudou o desfecho da 2ª Guerra Daia 2 6,383 12-09-2017 03:03 PM
Última Resposta: Daia

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Publicidade:
Loja de Produtos Naturais Tudo Saudável

Recomende o Fórum


Sites Associados: Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas
Rastreando Chemtrails
Site Notícias Naturais
Fórum Notícias Naturais Blog Anti-Nova Ordem Mundial

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 171 usuários online.
» 3 Membros | 168 Visitantes
NoNOM, Toxisystem

Estatísticas do Fórum
» Membros: 20,133
» Último Membro: Alberto Bechara
» Tópicos do Fórum: 24,642
» Respostas do Fórum: 264,135

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
O império Chinês está criando uma colônia no Brasil
Última Resposta Por: NoNOM
Hoje 03:04 PM
» Respostas: 12
» Visualizações: 590
O estranho "movimento" dos combustíveis fosseis.
Última Resposta Por: NoNOM
Hoje 02:48 PM
» Respostas: 8
» Visualizações: 293
1º Medicamento de Maconha no Brasil
Última Resposta Por: Beobachter
Hoje 02:42 PM
» Respostas: 4
» Visualizações: 846
Ex-membro do HAMAS desmascara palestinos
Última Resposta Por: ASAFernandes
Hoje 02:32 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 216
Últimos acontecimentos ONLINE
Última Resposta Por: Beobachter
Hoje 12:48 PM
» Respostas: 642
» Visualizações: 141524
O Fim do Mundo e o Ocidente
Última Resposta Por: O Mensageiro
Hoje 11:03 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 97
Os Bancos estão morrendo de medo: Bitcoin
Última Resposta Por: Nelson Ferreira
Hoje 10:00 AM
» Respostas: 15
» Visualizações: 1194
Trump a caminho de reconhecer Jerusalém como capital de Israel?
Última Resposta Por: O Atalaia
Hoje 09:04 AM
» Respostas: 104
» Visualizações: 6955
Donald trump:O pervertido predador pedófilo
Última Resposta Por: Binho C.R.
Ontem 11:21 PM
» Respostas: 7
» Visualizações: 1417
(Importante) III Guerra Mundial
Última Resposta Por: ULTRON
Ontem 09:45 PM
» Respostas: 663
» Visualizações: 420838
Seul exige que EUA lhe entreguem o comando das tropas sul-coreanas.
Última Resposta Por: Nikoloz
Ontem 08:54 PM
» Respostas: 6
» Visualizações: 491
Padrão de ouro 2.0' da Rússia e China promete acabar com dólar
Última Resposta Por: jonas car
Ontem 07:45 PM
» Respostas: 4
» Visualizações: 258
Expo 2020: O 'Espírito Global' - A NOM em Dubai
Última Resposta Por: O Mensageiro
Ontem 06:26 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 646
Chile vende base de submarinos a Israel. 10.000 soldados israelenses na Patagônia.
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
Ontem 06:22 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 177
Presidentes americanos permitiram venda de urânio para os russos.
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
Ontem 02:06 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 123
Ivanka Trump: A mão do pai nos negócios com Israel
Última Resposta Por: ASAFernandes
Ontem 01:53 PM
» Respostas: 2
» Visualizações: 302
Suspensas por tempo indeterminado operações da Belo Sun na Amazônia.
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
Ontem 12:27 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 164
Feliz 2018?? Sei não...
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
Ontem 11:17 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 215
Não há crise financeira e sim, crise de ódio e desprezo pelos mais pobres.
Última Resposta Por: fil
Ontem 11:12 AM
» Respostas: 3
» Visualizações: 282
Não há nenhum Gene para o Espirito Humano - A Armadilha Saturno
Última Resposta Por: O Mensageiro
Ontem 09:25 AM
» Respostas: 1094
» Visualizações: 113595
Presidente da Nestlé:" a água não é um direito básico humano."
Última Resposta Por: jonas car
Ontem 03:42 AM
» Respostas: 5
» Visualizações: 666
I.A, singularity, cripto-moedas e blockchain = Sistema da Besta
Última Resposta Por: CaféSemAçúcar
12-12-2017 04:35 PM
» Respostas: 39
» Visualizações: 3915
Juiz justifica adicionais no supersalário devido emboscada com jararaca.
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
12-12-2017 11:36 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 268
Brasil: traidores de ontem e de hoje.
Última Resposta Por: Zunim
12-12-2017 11:10 AM
» Respostas: 4
» Visualizações: 437
A nova religião em que Deus é um robô
Última Resposta Por: Beobachter
11-12-2017 08:27 PM
» Respostas: 5
» Visualizações: 653
Jerusalém - o objetivo pode até ser justo, mas o preço a pagar pode ser alto.
Última Resposta Por: Xevious
11-12-2017 05:55 PM
» Respostas: 11
» Visualizações: 1224
2018 (pros e contras)
Última Resposta Por: Nelson Ferreira
11-12-2017 01:09 PM
» Respostas: 12
» Visualizações: 1646
Investigação revela exército de perfis falsos usados para influenciar eleições
Última Resposta Por: Guigo Xavier
11-12-2017 12:58 PM
» Respostas: 3
» Visualizações: 482
Feliz Natal???
Última Resposta Por: NoNOM
11-12-2017 12:46 PM
» Respostas: 12
» Visualizações: 751
Japão planeja despejar toneladas de água radioativa de Fukushima p/ o mar.
Última Resposta Por: Cimberley Cáspio
11-12-2017 11:50 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 218

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!

Camisetas:
camisetas resista à nova ordem mundial