Irrigador Nasal Lota pelo menor preço você encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais


Atualizações: Operação Jade Helm

Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 2 Votos - 3 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
16-12-2015, 12:35 AM (Resposta editada pela última vez em: 16-12-2015 12:38 AM por Padmé Amidala.)
Resposta: #21
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
Não li esse livro e nem entendo francês, mas muito me espanta uma pessoa ter a audácia de publicar um livro sobre uma outra pessoa, questionando a sua filosofia e cultura sem ao menos se dar ao trabalho de antes conhecer a cultura e filosofia desta.

O título do livro me chamou atenção: Dalai Lama não é tão Zen!

Seria a mesma coisa que publicar um livro com o título: Papa Francisco não é tão evangélico!
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Padmé Amidala pelo seu post:
Regulus T (16-12-2015), ruicoelho (16-12-2015)
Irrigador Nasal Lota pelo menor preço você encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
16-12-2015, 11:55 AM (Resposta editada pela última vez em: 16-12-2015 07:10 PM por ruicoelho.)
Resposta: #22
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
(16-12-2015 12:35 AM)Padmé Amidala Escreveu:  ()
O título do livro me chamou atenção: Dalai Lama não é tão Zen!
()

É assim minha amiga, por vezes somos confrontados com opiniões que chocam com as nossas convicções ou linhas de conduta, sejam elas religiosas, politicas, culturais ou sociais. O certo é aceitar e tentar transmutar a divergência em algo útil. O que para uns é uma afronta, para aqueles que querem saber mais, é um desafio...

Como sabes tenho vindo a encetar um diálogo que considero muito proveitoso com a senhorita (se ela me permite o trato), @Bruna T, Certamente nenhum de nós arredará pé daquilo que pensa, no entanto da discussão nasce a luz. Vou continuar a dialogar e apresentar mais alguns argumentos que julgo pertinentes. Assim que poder voltarei a comentar o que a Bruna falou e colocou na resposta anterior.

Não nos devemos chocar com opiniões divergentes... mas sim as as devemos encarar como mais um degrau na escada da nossa evolução. Em suma um desafio agradável...

Vá colaborando.
Abraço

Ab alio expectes, quod alteri feceris
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a ruicoelho pelo seu post:
Padmé Amidala (16-12-2015), Regulus T (16-12-2015)
16-12-2015, 01:23 PM
Resposta: #23
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
Grande amigo Rui!
Como sempre, sábias ponderações!
Aprendo muito contigo, sabes?
Obrigada!

Abraço!
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Padmé Amidala pelo seu post:
ruicoelho (16-12-2015)
16-12-2015, 09:23 PM (Resposta editada pela última vez em: 16-12-2015 11:22 PM por Bruna T.)
Resposta: #24
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
"O mito e a realidade a propósito do Tibet"

Este era o título de um texto publicado no Figaro (conhecido jornal da direita francesa), de 22.09.2000. Faço, apenas, referência aos três "mitos" enunciados no texto com brevíssimas anotações dele retiradas:
.
1. "A ocupação do Tibet pela China"
O Tibet faz parte integrante da China a partir do meio do século XIII. Pretender que a China ocupa o Tibet, é como se se alguém afirmasse que a França ocupa a Bretanha, a Borgonha, a Côte d'Azur ou a Córsega.

2. "Os direitos do homem são espezinhados no Tibet"
O governo chinês seria "o mau da fita" enquanto o dalai-lama seria o "santo dos santos". Antes de 1959, quando o dalai-lama governava o Tibet, o regime que se praticava era o da "servidão", sendo 95% da população composta por "servos", não considerados como seres humanos... pelo que a questão dos direitos humanos não se punha. Este regime foi abolido em 1959. Antes de 1959, a esperança de vida dos tibetianos era de 35,5 anos, agora (2000) é de 67 anos; antes de 1959, a taxa de escolaridade das crianças não chegava aos 2%, agora (2000) é de 81,3%.

3. "O governo chinês está a destruir a identidade cultural tibetiana"
A China é um país multi-étnico. Há 56 etnias na China. A cultura tibetiana, conservando a sua identidade, faz parte integrante da cultura chinesa. No Tibet, o estudo da língua e da escrita tibetiana é garantida pela lei.»
.
Isto é parte do que foi publicado, em 2000, no Figaro, podendo, por exemplo, substituir-se França e Bretanha, e Borgonha, e Côte d'Azur ou Córsega, por Portugal e Algarve, e Madeira ou Açores.

Ainda falta acrescentar, aparentemente a despropósito, que os Jogos Olímpicos são este ano e estão marcados para Pequim. E porque é que me lembrei de 1980, e dos Jogos Olímpicos de Moscovo? Porque teria sido?...

Fonte: http://anonimosecxxi.blogspot.com.br/200...tibet.html


O mito do Dalai Lama

[Imagem: lhasa.jpg]


O texto a seguir é uma colaboração de Antonio Sergio Ferreira Baptista, médico em Joinville (SC).


Com o conflito nas ruas de Lhasa, o Tibete voltou a ser o centro das atenções recentemente. Clamores pela libertação do país, idealizado como um Shangri-la, invadiram a mídia, mas este Tibete ilusório tem pouco a ver com a realidade histórica.

O povo tibetano é apenas uma das 56 minorias existentes na China, onde a maior parte da população é Han. Dentro do Tibete, além dos tibetanos, há outras nacionalidades, como os Moinbas, Lopas, Naxis, Huis, Dengs e Xiaerbas. Claro que só os tibetanos são estrelas em Hollywood, ou melhor, somente a antiga elite e seu “Deus-Rei”, o Dalai Lama.

O Tibete começou a se assemelhar a um Estado por volta do século VII com a adoção de um monarca, uma religião associada ao governo e uma linguagem escrita. Quinhentos anos depois, Genghis Khan e os mongóis conquistaram a China e o Tibete, fundando a dinastia Yuan e aliando-se à seita Gelupga do budismo tibetano, numa relação em que os mongóis ofereciam proteção militar em troca de orientação espiritual. Os monges também criaram o status de Dalai Lama. Conseqüentemente, o Tibete veio a se tornar parte do Estado chinês, embora um estado chinês governado por mongóis.

A dinastia étnica Manchu Qing (1644-1912) incorporou o Tibete à Grande China administrando-o através de um comissariado que, na realidade, raramente se envolvia nos assuntos tibetanos, ocasionalmente enviando exércitos para defendê-lo contra invasões estrangeiras.

No final do século XIX e início do século XX, o Tibete se tornou um joguete entre o imperialismo britânico e russo, culminando com o envio de uma força militar que o colocou sob influência britânica.

Com o colapso da dinastia Qing, em 1912, diversas partes do império chinês, incluindo o Tibete, tornaram-se de fato independentes até 1949. Embora tenha tido todos os atributos de um estado independente (incluindo moeda, exército, relações exteriores e um governo), nunca teve uma independência de jure, pois numerosos tratados internacionais reconheciam apenas a suserania sobre todo o Tibete.

Após a chegada ao poder do Partido Comunista Chinês, um governo central forte foi restabelecido na China, junto com uma determinação de retomar os territórios da antiga dinastia Qing, evoluindo com a integração total do Tibete à China em 1951.

No final de 1956, tibetanos armados emboscaram comboios do exército chinês, com ampla assistência da CIA, que incluía treinamento militar, apoio em bases militares no Nepal e suprimentos jogados de aviões. Enquanto isso, nos EUA a American Society for a Free Ásia (também financiada pela velha CIA) dava publicidade à causa da resistência tibetana, com o irmão mais velho do Dalai Lama, Thubtan Norbu, participando ativamente desta organização.

O outro irmão, Gyalo Thondup, organizava, juntamente com a CIA, operações de inteligência desde o início da década de 50, mais tarde formando unidades de guerrilheiros cujos recrutas eram enviados de pára-quedas ao Tibete (mais de 700 destes vôos foram feitos em 1950, de acordo com os Pentagon Papers). Muitos destes comandos e agentes eram chefes de clãs aristocráticos ou filhos destes. Muitos lamas e membros da elite, bem como do exército tibetano, juntaram-se aos insurgentes, mas a maioria da população não, assegurando assim o seu fracasso (Hugh Deane, “The Cold War in Tibet” – CovertAction Quaterly – winter 1987; à mesma conclusão chegaram Ginsburg e Mathos - “Comunist China and Tibet”, 1964). Logo após, o controle da China era total.

Em 1961 as autoridades chinesas expropriaram as terras dos latifundiários e lamas e as distribuíram aos camponeses. Incentivos à pecuária e à irrigação foram implementados e a introdução de novas variedades de vegetais, trigo e cevada trouxeram benefícios à produção. Escolas, hospitais, estradas, redes de eletricidade e água corrente supriram muitas das deficiências antigas do velho Tibete (Greene, “A Curtain of Ignorance” e A.Tom Grunfeld, “The Making of Modern Tibet”, 1996). Porém, durante a Revolução Cultural, um autêntico genocídio cultural assolou o Tibete, incluindo a destruição de vários templos religiosos, repressão e prisão de dissidentes, com repercussões até hoje.

Muitos afirmam que, antes da invasão chinesa, em 1959, o velho Tibete era um reino orientado espiritualmente, livre do estilo de vida egoísta, do materialismo vazio e dos vícios corruptores das modernas sociedades industriais ocidentais. Um verdadeiro Shangri-la. Nas palavras do atual Dalai Lama: “Desfrutávamos de liberdade e contentamento”. Mas a realidade sugere um quadro um pouco diferente.

Apesar dos livros de James Hilton (Horizonte Perdido) e de Heinrich Harrer (Sete Anos no Tibete) promoverem uma visão romântica do Tibete, este era, em 1940, uma região sem estradas, somente com trilhas para cavalos e praticamente intocada pela industrialização. Os paralelos entre o Tibete e a Europa medieval eram marcantes (A.Tom.Grunfeld – “The Making of Modern Tibet", 1996). Consistia no território de “U”, onde o Dalai Lama dominava, e no território de Tsang, onde mandava o Panchen Lama. Os que clamam pelo “Grande Tibete” referem-se ao Tibete incluindo grandes partes de províncias adjacentes: Sichuan, Yunnan, Gansu e Quinghai (também a Bacia de Tsaidam, rica em petróleo). Abaixo do Dalai Lama havia os membros da aristocracia (proprietários de terras que, em sua maioria, descendiam dos antigos monarcas tibetanos antes da invasão mongol), e a maior parte da população era de servos, com uma pequena parte, cerca de 5%, de escravos da nobreza.

Em seu livro (com prefácio do Dalai Lama) “Tears of Blood – A Cry for Tibet”, Mary Craig descreve que o Tibete “era uma sociedade feudal medieval e, trabalhando para as propriedades do governo, nos latifúndios dos monastérios ou nas terras das duzentas e poucas famílias aristocráticas, o camponês tibetano, inegavelmente, pertencia ao seu senhor. Tinha que produzir uma quantidade de trabalho compulsório em troca de seu pequeno pedaço de terra e dar a maior parte de suas colheitas ao seu senhor, ficando apenas com o mínimo para sua subsistência e de sua família. O senhor (incluindo também os Lamas) não só tinha o direito de exigir as taxas que quisesse, como também de impor punições cruéis para os que não o obedeciam. Pena de morte e amputação de membros eram comuns em algumas regiões”. As mulheres eram consideradas inferiores aos homens e a poliandria e a poligamia eram comuns. O budismo era utilizado pelo Dalai Lama e o Panchen Lama para oprimir os servos. Enquanto isso, o Dalai Lama vivia no palácio Potala, de 14 andares, com 1000 aposentos e seu séquito de escravos.

Antecessores do atual Dalai Lama envolveram-se com amantes, festas e violência. Pelo menos cinco deles foram assassinados e inúmeros outros atos de violência contra outras seitas budistas foram perpretados. Meninos eram retirados de suas famílias e levados aos mosteiros para se tornarem monges. Uma vez lá, não mais saíam. O monge Tashi-Tsering relatou que era comum a criança camponesa ser abusada sexualmente nos monastérios, ele mesmo tendo sido vítima de repetidos abusos, desde os 9 anos (Melvin Goldstein, W.Siebenschuh e Tashi-Tsering, “The Struggle for Modern Tibet”, 1997).

Em 1937, Spencer Chapman visitou o Tibete (citado em Gelder e Gelder, “The Timely Rain: Travels in New Tibet”, 123-125, 1964), observando que “os monges não perdiam tempo pregando ao povo ou educando-o. Os mendigos ao longo das estradas não são nada para os monges. O conhecimento é uma prerrogativa dos monastérios, zelosamente guardado e é usado para aumentar sua influência e riqueza”.

Após o levante de 10 de março de 1959 o Dalai Lama resolve salvar sua atual encarnação fugindo para a Índia (Dharamsala) com a elite aristocrática e religiosa e criando assim um governo no exílio. Este, até pelo menos o início da década de 70, recebeu US$ 1,7 milhões da CIA. O dinheiro era para financiar operações de guerrilha contra os chineses, não obstante a posição de “ativista da não-violência” do Dalai Lama, ele próprio na lista de pagamentos da CIA de 1950 a 1974, recebendo cerca de US$ 15 mil por mês (Michael Backman, “Behind the Dalai Lama´s Holy Cloak”, The Age, May 23, 2007). No início deste século o congresso americano, através do National Endowment for Democracy, continuava a enviar anualmente US$ 2 milhões para a comunidade tibetana no exílio. Além destes fundos, o Dalai Lama receberia dinheiro do financista George Soros, segundo informa Heather Cottin (“George Soros – Imperial Wizard”, CovertAction Quaterly 74, Fall 2002).

Em abril de 1999, juntamente com Margareth Thatcher, o Papa João Paulo II e o presidente George Bush (pai), o Dalai Lama pediu à Inglaterra que não permitisse que o ditador Augusto Pinochet, em visita à Inglaterra, fosse obrigado a ir à Espanha, onde seria julgado por crimes contra a humanidade. Também apoiou a intervenção americana na Iugoslávia e, mais tarde, no Afeganistão, numa atitude muito curiosa para um Prêmio Nobel da Paz. Em relação à guerra do Iraque, foi mais cauteloso: “a guerra do Iraque – é muito cedo para dizer se é certo ou errado” (San Francisco Chronicle, nov. 2005).

Não se pode, no entanto, culpar o atual Dalai Lama pelos abusos do antigo regime tibetano, mesmo porque tinha 25 anos quando foi para o exílio. O que se critica é a mídia ocidental, juntamente com artistas de cinema, cantores etc., que se recusam a enxergar criticamente a figura do Dalai Lama e o budismo, que engendrou, como qualquer outra ditadura religiosa, um regime reacionário e assassino (em 1998, o U.S State Department listou trinta dos grupos extremistas mais perigosos e violentos do mundo; metade deles eram religiosos, incluindo budistas).

Por razões religiosas, muitos tibetanos querem o Dalai Lama de volta ao país, mas parece que poucos desejam um retorno à ordem social que ele representou (“Tibet Caught in China´s Web”, John Pomfret, Washington Post, 23 julho 1999).

É preciso deixar claro que celebrar o fim da teocracia feudal no Tibete não é aplaudir tudo o que os chineses fizeram neste país. Este é um ponto pouco compreendido pelos ocidentais, que sempre viram o Tibete como um Shangri-la.

Se o que os chineses levaram ao Tibete após a invasão foi uma melhora ou um desastre, não é o ponto central aqui. A questão é que tipo de país era o velho Tibete e a suposta natureza idílica espiritual deste velho país antes da invasão.

Podemos advogar uma liberdade religiosa e independência para o novo Tibete sem ter que abraçar a mitologia acerca do velho Tibete. Na verdade, o Tibete nunca foi o Paraíso Perdido. Era uma odiosa teocracia feudal retrógrada e repressiva - muito distante de um Shangri-la.

Fonte: http://otambosi.blogspot.com.br/2008/03/...-lama.html

(16-12-2015 11:55 AM)ruicoelho Escreveu:  Certamente nenhum de nós arredará pé daquilo que pensa, no entanto da discussão nasce a luz. Vou continuar a dialogar e apresentar mais alguns argumentos que julgo pertinentes.

Estou colocando material para apreciação de todos os demais participantes, és muito presunçoso, quando pensa que estou colocando textos, com o único objetivo, de querer mudar sua opinião, não somos os únicos participantes do Fórum, e o post aqui é aberto a todos opinarem, criticando, elogiando, fazendo perguntas, questionando e adicionando informações ao assunto.

Caberá ao leitor, ler, cruzar informações, verificar fonte, ler argumentos, e ai cada um terá algo para pensar, ter uma opinião sobre o assunto abordado.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Bruna T pelo seu post:
Chronoplast (17-12-2015), ruicoelho (17-12-2015)
Emagreça com saúde neste verão - Tudo Saudável Produtos Naturais
17-12-2015, 06:59 AM (Resposta editada pela última vez em: 17-12-2015 07:14 AM por ruicoelho.)
Resposta: #25
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
(16-12-2015 09:23 PM)Bruna T Escreveu:  ()
Estou colocando material para apreciação de todos os demais participantes, és muito presunçoso, quando pensa que estou colocando textos, com o único objetivo, de querer mudar sua opinião, não somos os únicos participantes do Fórum, e o post aqui é aberto a todos opinarem, criticando, elogiando, fazendo perguntas, questionando e adicionando informações ao assunto.

Caberá ao leitor, ler, cruzar informações, verificar fonte, ler argumentos, e ai cada um terá algo para pensar, ter uma opinião sobre o assunto abordado.
()

Bom, tenho noção que terei que trabalhar muito a minha humildade, isso é um facto muito consciente, mas me desculpe; "presunçoso" ? Terei que aceitar o "titulo qualificativo" que me concedeu, embora não esteja de acordo com ele. Mas nós nunca vemos o cisco no nosso olho...

Quanto à colocação de material no tópico só tenho que agradecer e, quanto a mudar a minha opinião... nem deveria ter sido abordada, pois tenho muitos defeitos, mas a teimosia é o maior. Mais um, que terei que de trabalhar para evoluir.

Na verdade, ao que parece, somos os dois, os únicos que encetámos um diálogo sobre o assunto e, muito me apraz trocar opiniões com a senhora, pois a considero... Claro que, certamente, outros deverão ler as colocações, assim o espero, mas de um modo pro-activo estamos sós. Dito isto, e para resumir não muito alargadamente o que penso sobre a sua corrente de pensamento, ou aquilo que julga ser a verdade sobre o assunto, pois a sua pesquisa se centra no facto de (desconsiderar) S.S. e de sublinhar informação contrária à corrente vigente no budismo tibetano e no seu líder, passarei a dizer o que sei e o que penso. Esteja ou não de acordo, é a minha opinião.


...

Tudo e todas as referencias, menções negativas, vídeos, etc, até agora colocadas no tópico por si, têm por base um "cisma". Penso que sabe ao que me estou a referir. Não sou um especialista em budismo, mas li e ouvi falar do assunto. Para que saiba e não querendo nada esconder, tenho o bom hábito de frequentar assiduamente a UNIÃO BUDISTA PORTUGUESA onde tenho aprendido muito, não só sobre o budismo na sua vertente humanista, mas muito sobre cultura oriental. Mas dizia eu, desculpe a "presunção", ou este auto-elogio, que tudo o que relatou está baseado num cisma.


Cismas, não são exclusivos do catolicismo, o budismo também os tem e, aqui temos um bom exemplo. Não sei, me desculpe, se estarei a falar correctamente, pois como disse não sou um especialista e, pouco me socorro das informações da Web, pois como falei anteriormente são dúbias em muitos os assunto. A meu ver, resumiria toda a informação que colocou num assunto: Shugden. Os partidários e adeptos desta corrente do budismo tradicionalista e mais purista, segundo eles, não sei se o é, lutam por fazer valer a sua causa. É um direito, mas já não é direito chamar crápula e outros "mimos" (naziztinha) a S. S. De facto, S. S. se desviou ele mesmo do seu mestre e iniciador, um defensor desta corrente. Terá seus motivos para o ter feito.

Me corrija se eu estiver a falar alguma asneira ou barbaridade, aceito com todo o gosto. Continuando; a situação se agravou quando em 1996 S.S. afirmou publicamente ser contra e proibir as práticas de adoração budistas desta corrente à deidade Shugden, que considerava um "deus" mau. A coisa caiu mal dentro da comunidade e logo, se gerou uma aureola de mal estar dentro do budismo em geral. O cisma estava criado. A partir desta data, assistimos a uma ingerência dos meios de comunicação ocidentais em geral, e alguns autores em particular, a explorar esta fractura. O resultado está a vista de todos. A nossa colega e amiga @Bruna T, tem feito as honras da casa. Com todo o direito que lhe assiste. Agora, ou aceitamos, ou refutamos... Eu estou fora dessa corrente de pensamento.

Citar:
De acordo com Kelsang Gyatso, que tem ajudado na defesa dos direitos dos tibetanos na Índia, afetados pela proibição, esta controvérsia tem surgido somente por motivos políticos. Há um ponto de vista espiritual sobre Dorje Shugden sustentados por aqueles que a praticam, e outro ponto de vista político por aqueles que não a praticam. Numa conversa em 2006 disse: "Nós sabemos que é bastante comum em nossos dias, as pessoas dizerem “Problema de Dorje Shugdän”. Dorje Shugdän não tem problema algum! Ele é um Ser iluminado completamente livre dos problemas do samsara. O problema, é problema de humanos, criado por pessoas engajadas na política. Estas pessoas criam problemas para preencherem suas próprias metas."


Com todo o orgulho, tive a honra de estar presente nesta simbólica cerimonia que S. S. XIV Dalai Lama fez na sua 1ª visita a Portugal. Iniciou a visita com uma deslocação a um dos maiores Santuários Marianos do mundo; Fátima. Salvo erro 28 de NOV 2001.

[Imagem: hqdefault.jpg]

Ab alio expectes, quod alteri feceris
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a ruicoelho pelo seu post:
Padmé Amidala (17-12-2015), Regulus T (17-12-2015)
17-12-2015, 10:07 AM (Resposta editada pela última vez em: 17-12-2015 10:14 AM por Bruna T.)
Resposta: #26
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
Tenzin Gyatso, o Dalai Lama mantinha relações extremamente amigáveis com oficiais nazistas.

Para entender de onde vem esta ligação com os nazistas, temos que voltar no tempo da Alemanha nazista se aventurava no Tibet.

Chega a ser curioso, o fato de se referirem a Dalai Lama, carinhosamente como S.S, o que traz uma lembrança da temida Waffen-SS , a tropa de elite de Hitler.

Vamos a um video, depois darei prosseguimento a mais informação.

O filme e narrado em alemão, aconselho a acessarem diretamente o Youtube e habilitar as legendas para inglês ou português.


Tibet Secreto (1943)


Em 1938, o líder nazista Heinrich Himmler patrocinado uma expedição ao Tibete liderança por vários cientistas da SS nazista para estudar a flora ea fauna das regiões, e para fazer as medições científicas das Terras campos magnéticos. A expedição também foi enviado para encontrar vestígios dos orgins da raça "ariana" no Tibete que foi onde Himmler pensei evidência de poderia ser encontrado. Este filme é um documentário que era nazista de expedição.



Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Bruna T pelo seu post:
ruicoelho (17-12-2015)
17-12-2015, 11:26 AM (Resposta editada pela última vez em: 17-12-2015 11:27 AM por ruicoelho.)
Resposta: #27
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
(17-12-2015 10:07 AM)Bruna T Escreveu:  ()
Tenzin Gyatso, o Dalai Lama mantinha relações extremamente amigáveis com oficiais nazistas.
(?=??)
...
Chega a ser curioso, o fato de se referirem a Dalai Lama, carinhosamente como S.S, o que traz uma lembrança da temida Waffen-SS , a tropa de elite de Hitler.
...
Vamos a um video, depois darei prosseguimento a mais informação.
()

Convém expor todos os dados de forma clara para que se não gerem equívocos.

Por exemplo:

- Data do documentário - 1938/9.
- Data de nascimento de S.S. XIV Dalai Lama Tenzin Gyatso 1935

Ou seja, S.S. tinha na altura 5 ou 6 anos!...

A maioria dos elementos graduados do regime nazi, principalmente Hitler, tinham uma firma convicção e uma crença patológica até, nas ciências ocultas bizantinas e orientais. Foi esse o motivo da expedição, sendo também de referir que foram convidados pelo governo de então para assistir ao ás comemorações de Ano Novo Tibetano, um ritual que dura cerca de 15 dias.

Já conhecia o documentário, conheço as crenças nazis na tradição ocultista, não conheço nada de ligações ao nazismo por parte de S.S.


Ab alio expectes, quod alteri feceris
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a ruicoelho pelo seu post:
Padmé Amidala (17-12-2015)
Aloe Vera Pelo Menor Preço Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
17-12-2015, 06:03 PM
Resposta: #28
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
(17-12-2015 11:26 AM)ruicoelho Escreveu:  - Data do documentário - 1938/9.
- Data de nascimento de S.S. XIV Dalai Lama Tenzin Gyatso 1935

Ou seja, S.S. tinha na altura 5 ou 6 anos!...

Sua Santidade o Dalai Lama começou sua educação monástica aos seis anos.
Fonte: http://www.dalailama.org.br/biografia/

(17-12-2015 11:26 AM)ruicoelho Escreveu:  Já conhecia o documentário, conheço as crenças nazis na tradição ocultista, não conheço nada de ligações ao nazismo por parte de S.S.

Algumas fotos antigas mostram uma realidade diferente.

Textos traduzido pelo Google, têm pequenos erros, algumas fotos de qualidade ruim, mas nada que possa prejudicar a leitura.

Amigo do Dalai Lama:
Campeão de Hitler


Gerald Lehner por Tilman e Müller - julho 1997


Há's um pequeno segredo, talvez não muito sujo, sobre o homem a quem Dharamsala considera um amigo e apoiante.

Tibet Goes Hollywood ", disse a capa da Newsweek, enquanto o jornal britânico The Independent escreveu sobre um" caso de amor "entre Beverly Hills eo planalto. Há sete grandes filmes em Tibet na calha este ano, incluindo uma biografia do Dalai Lama, Kundun, e uma adaptação do conhecido livro Sete Anos no Tibet .

É no papel de Heinrich Harrer, o principal protagonista e autor de Sete Anos no Tibet , Que Brad Pitt olha solenemente para fora da tampa Newsweek. "O filme é uma tremenda honra para mim", diz orgulhosamente Harrer, que nos fala na frente de sua casa na montanha, no alto da aldeia de Hüttenberg na província austríaca de Carinthia. "Cinqüenta milhões de pessoas leram meu livro, mas Brad Pitt vai chamar um público que vai ao cinema na casa dos bilhões, incluindo muitas pessoas que nunca ouviram falar de Tibet . "

Em certo sentido, parece justo que personagem Mr Harrer's deve personificar entrada Tibet's para o mundo de grande alcance de filmes. Pois era seu livro que introduziu Tibet para gerações inteiras ao redor do mundo desde que foi publicado pela primeira vez em 1953.

Sr. Harrer's história é certamente o material de filme. No caminho de volta de uma expedição de escalada para Nanga Parbat 1939, devido ao início da Segunda Guerra Mundial, ele foi internado em uma prisão britânica em Índia porque ele era alemão. Junto com outro internado, ele fez uma dramática fuga de Tibet e vagou sobre o planalto então proibida há mais de um ano antes de ele chegar Lhasa em 15 de janeiro de 1946.

Lá, ele serviu o 11-year-old Dalai Lama como um professor de Inglês, matemática, geografia e fotografia, que introduziu muitas inovações para a cidade que surpreender os tibetanos. Ele se dava bem com os tibetanos e viveu na cidade até 1951, quando a invasão chinesa de Tibet o obrigou a fugir às pressas.

Após a revolta tibetana em 1959 e subsequente exílio do Dalai Lama, o Sr. Harrer tem resistido firmemente por seus amigos tibetanos. Ela tem sido uma das mais altas vozes ocidentais contra a ocupação chinesa. Em 1987, ele expressou sua indignação quando chanceler alemão Helmut Kohl visitou os governantes chineses em Lhasa .

O primeiro chefe de governo ocidental a fazê-lo. Agora, ele diz que está feliz que não vai ser uma versão cinematográfica de Sete Anos no Tibet para "que será um grande golpe para a propaganda chinesa".

Sr. Harrer's amizade com o Dalai Lama permaneceu forte ao longo dos anos. Produções de TV que contam a história do Sr. Harrer eo Dalai Lama, tanto como um homem jovem e que a actual estadista mundano, foram transmitidos em todo o mundo ocidental. Toda vez, ele vem para Áustria ou A Europa Central , O líder tibetano passa o tempo com o Sr. Harrer. Ele estava lá durante a abertura de um museu de Tibetano história e cultura em Mr Harrer's cidade natal, e muitas vezes são vistos juntos realizando conferências de imprensa no Ocidente. E agora, como oportunidade teria, ambos são temas de grande Hollywood produções.

[Imagem: image001.jpg]

Heinrich Harrer com o Dalai Lama

Existe toda a possibilidade de que esses filmes vão cavalgar a onda do que os defensores dos direitos humanos têm proclamado a ser o "Ano Tibet no Cinema". Se isso acontecer, é muito provável que Sete Anos no Tibet vai montar a crista da onda, para o Sr. Harrer, como seu principal tema, idealiza a união perfeita do descobridor Ocidental com o do ativista politicamente correto direitos humanos. Este defensor dos direitos humanos, no entanto, tem um passado que ele não se importa de falar sobre.

SS- oberscharführer Harrer
Para saber mais sobre Heinrich Harrer's um passado oculto tem de visitar o escritório de Berlim dos Arquivos Federais Alemães, que abriga a exploração inicial do "Document Centre" que os americanos criada em 1945 usando arquivos nazistas capturados. Entre eles estão os documentos da Rasse - und Siedlungshauptamt ou RuSHA (Principal Escritório de Assuntos Raciais e Liquidação) que contêm informações sobre os membros do corpo de elite conhecido como o temido Schutzstafel (Echelon de Proteção Individual) ou "SS" para breve. Em algum lugar neste labirinto de registros é uma pasta de arquivo de mão-de-rosa marcado com tinta preta no canto superior direito: "Harrer, Heinrich, nascido 06 de julho de 1912". Abaixo disso: "SS Unidade 38, Sippennummer (número família) 73896".

O arquivo Harrer contém 80 páginas. Um item que chama a atenção nas primeiras páginas é um telegrama datado de 19 de dezembro de 1939, enviada a partir SS Seção 35 em Graz , Áustria , Onde o Sr. Harrer era um instrutor atlético no momento. O telegrama (abaixo) é dirigida ao "Head of the RuSHA" e diz: "A permissão para se casar é solicitada para SS- oberscharführer Heinrich Harrer, Sippennummer 73896. Harrer é o primeiro homem a escalar o Eiger North Face e pretende, no expressar pedido do Reichsführer-SS, para se casar já em 24 de dezembro de 1938. "

"Reichsführer-SS" significava nada menos que Heinrich Himmler, o temido chefe da SS, que exigiu que seus homens da SS e suas noivas-a-ser submeter árvores genealógicas detalhadas de rastreamento sua ascendência até AD 1800. Somente aqueles que poderiam provar a sua perfeita herança ariana foram autorizados a se casar.

Os registros mostram que o RuSHA Harrer austríaco e sua Hamburg-nascidos de mulher-a-ser Lotte Wegener cumprido de forma quase exemplar. Noiva Lotte tinha pertencido à organização da juventude nazista BDM (Bund Deutscher Mädchen ou "alemão girls' League") desde 1936. noivo Heinrich entrou para a SS em 1 de Abril de 1938, e que tinha sido um membro da organização terrorista de Hitler segundo, o SA (Sturmabteilung ou "Tropas de tempestade") desde Outubro de 1933, altura em que a organização foi ainda operando ilegalmente em Áustria . Em um curriculum vitae escrito à mão, o jovem Heinrich Harrer confirmou que ele havia se juntado a SA e da SS. Ele anexou uma fotografia que ele mostrou com uma insígnia nazista na lapela.

Quando confrontado com os documentos, o Sr. Harrer primeiro negou tudo. "Eu nunca escreveu um pedido ou qualquer coisa do tipo", disse ele. "Eu só estava atribuída ao SS como um instrutor atlético." Sr. Harrer ainda negou que ele era um membro da SS. Até, isto é, ele foi mostrado o questionário RuSHA completado com seu CV escrita à mão e perguntou: "É este o seu manuscrito?"

"Sim", disse o Sr. Harrer ao ver que, sob a filiação SA a entrada no formulário lê "desde outubro 1933" e sob SS adesão "desde abril 1938". Após um momento de silêncio, ele disse: "Eu só queria se vangloriar um pouco ali."

Gozando! Nos julgamentos de Nuremberg crimes de guerra, a SS foi classificada como uma "organização criminosa". Claro que, como ele estava em Índia e Tibet 1939-1951, o Sr. Harrer provavelmente não pode ser responsabilizada por atrocidades SS durante a guerra. "Mas estes documentos, de fato, lançou uma nuvem de suspeita sobre alguém que nega ter alguma vez sido um membro", diz o historiador de Berlim e especialista SS Hans-Heinrich Wilhelm, que examinou registros Sr. Harrer's SS em nome da revista Stern.

Herói do Reich
Heinrich Harrer não era um homem comum SS. Em 24 de Julho de 1938, com a idade de 26, ele e três colegas alpinistas conseguiram a primeira subida do Eiger North Face, considerado o mais difícil desafio montanhismo no Alpes . Este triunfo foi comemorado em todo o Reich. O quarteto de montanhistas foi rapidamente lionised pela máquina de propaganda nazista. Um rapaz loiro montanha do "Ostmark", como Áustria era conhecido no jargão administrativo dos nazistas, Sr. Harrer se tornou o queridinho dos nazistas.

Logo após o triunfo Eiger, Adolf Hitler felicitou os escaladores pessoalmente diante de uma multidão de 30.000 torcedores em Braslau. "Meu, meu, você certamente ter alcançado muito!" disse o Führer. Himmler também estava lá. Relata o Sr. Harrer hoje, Himmler foi até ele e disse: "Eu sei de uma expedição vai Tibet se você gostaria de ir junto. "

O sonho do jovem casal Nazis' Sr. Harrer e sua primeira esposa, Lotte, estávamos com pressa para se casar ", porque eu", assim escreveu o Sr. Harrer ao RuSHA Berlim em 5 de Novembro de 1938, "sou um membro da equipe do Nunga alemão -Parbat Expedition e estará deixando para uma estadia de seis meses na Himalaya ". A permissão recebida, eles se casaram em 24 de dezembro de 1938, o dia em que os nazistas comemorou o festival germânico Yule em vez de véspera de Natal.

[Imagem: image002.jpg]

Heinrich Harrer com Adolf Hitler

SS- oberscharführer (o posto corresponde à de um sargento) Harrer esquerda para Índia maio 1939, onde ele e seu partido subir mais tarde foram presos. Foi apenas em 1944 que ele e seu companheiro falecido Peter Aufschneiter (que se juntou NSDAP, o partido nazista, em 1933) conseguiu escapar da prisão e fazer o seu caminho para Tibet .

Até que o confrontou em Carinthia , O Sr. Harrer nunca reconheceu sua ligação anterior às organizações nazistas. Ele escreveu dezenas de livros desde que voltou de Tibet , Mas nem uma palavra sobre os nazistas. De vez em quando, as vozes foram levantadas a respeito de seu passado nazista, mas nunca houve prova documental. Certa vez, alguém descobriu um livro intitulado na face norte do Eiger, publicado pela Central Publishing House do NSDAP, em que o Sr. Harrer escreveu: "Isso é uma recompensa de valor inestimável para nós, para ver o Führer e ter permissão para falar com ele . Subimos até a Face Norte do Eiger e sobre o cume até que finalmente chegamos ao nosso Führer ". Hoje, o Sr. Harrer afirma que ele foi entrevistado depois de seu triunfo Eiger, e que um ghostwriter fez a escrita.

Desnazificada nazista
Quando o herói de Tibet voltou para casa em 1952, chegando a um acordo com o passado de uma forma séria não estava na ordem do dia. "Meu marido foi entnazifiziert (desnazificada) naquela época", Carina Harrer, o climber's terceira esposa, explica hoje, "e, em seguida, ele continuou com sua vida."

Sr. Harrer certamente o fez ir em frente com sua vida. Na década de 1950, ele percorreu o Andes e atravessou a Amazônia. Ele foi o primeiro homem a escalar três picos do Alasca. Mais tarde, ele viajou para Borneo, Groenlândia , Congo E, uma e outra vez, Tibet . Seus livros são escritos com muito amor e compreensão para as pessoas estrangeiras. Não há vestígios de nacionalismo, nem qualquer resquício da ideologia nazista. Sr. Harrer sempre defendeu que conceitos como "primitivo" deve ser evitado a todo custo quando se lida com tribos indígenas. Se isso tivesse alguma coisa a ver com a sua longa estadia em Tibet só pode ser uma questão de conjectura.

Heinrich Harrer, filho de um carteiro passou a se tornar um superstar, foi homenageado em seu aniversário de 80 anos em Nova York's Waldorf Astoria hotel. Amigos ilustres do Explorers Club, as fileiras dos que incluía nomes como Thor Heyerdahl, Neil Armstrong, Edmund Hillary e Reinhold Messner, estavam na mão para levantar o brinde: ". Nós honramos o maior de todos nós"

Tudo o que ele poderia ter sido em sua juventude, seria difícil chamar Heinrich Harrer um obstinado nazista. O confronto com o seu passado SS parece ter dado o grande velho um susto na melhor das hipóteses. Como ele nos levou até a porta com uma mola feliz em seu passo, ele disse cordialmente: "Sabíamos que esse grande filme também estava indo para nos trazer alguns problemas."

Nazistas em Tibet
O "chic Tibet " a qual Hollywood homenageia hoje, os nazistas já haviam reivindicou para trás no final de 1930. Heinrich Harrer não foi o primeiro "Reichdeutsche" (Reich alemão) em Lhasa , Mas sim que era SS Untersturmführer (2º Tenente) Ernst Schäfer de Hamburgo . O especialista em Ásia Oriental , Que já morreu, costumava trabalhar no Centro de Investigação SS Genealógico instituído pela Heinrich Himmler.

Em 1938, o Sr. Schäfer à esquerda para Tibet com 30 homens e um grande esconderijo de armas, chegando a Lhasa no início de 1939. A viagem foi chamado de "SS Expedition Schäfer". Em 1964, um companheiro do Sr. Schäfer's admitiu o historiador Michael K. Kater que as tropas da SS tempestade estavam em uma missão para persuadir o exército tibetano, dando-lhes presentes, a desmamar-lo longe de influência britânica.

Os alemães tiveram mais do que uma agenda em Tibet , Contudo. Himmler considerados os tibetanos a ser "parentes raciais dos arianos" e muitos nazistas de alto nível viu um em Shangrila Tibet . Eles queriam estudar agricultura tibetano e estilo de vida. O plano era que, com todos os povos eslavos na Sibéria e Rússia eliminado, foi tibetanos que iria ensinar alemães como sobreviver no ambiente inóspito.

Schäfer tirou um monte de material de Tibet que pode ainda ser visto na Haus der Natur em Salzburg . Alguns anos atrás, quando o Dalai Lama abriu o Festival de Salzburgo de Música Clássica, o Sr. Harrer o levou para ver as exposições tibetanos lá. O que Sua Santidade não pôde ter sabido era que o Haus der Natur foi fundada por Paul Eduard Tratz, um biólogo, que também era um membro da SS.

© Gerald Lehner e Tilman Müller

Jornalistas G. Lehner e T. Muller são baseados em Salzburg , Áustria , e Hamburgo , Alemanha , respectivamente. Aversão deste artigo apareceu pela primeira vez na revista alemã Stern. Um dos Mr Harrer's primeiras reações após o artigo Stern apareceu foi que se poderia ser o trabalho dos agentes chineses enviado para destruir seu trabalho life's.


========================================================
Links:

Heinrich Harrer: Dalai Lama de Mentor , Nazista e Agente da CIA

http://www.celebritynetworth.com/watch/c...as-mentor/
========================================================

"Stern", um dos maiores revistas alemãs, publicou uma história muito bem pesquisado título na XIV. Dalai Lama. ("Stern" No 32, 30 de julho de 2009) Embora o líder tibetano não anunciou oficialmente sua aposentadoria política, este artigo não perdeu sua atualidade.

[Imagem: image003.jpg]


As duas faces do Dalai-lama

O soft tibetano e

Seu regime não democrático

Um ícone de Luz com um lado obscuro

por Tilman Müller e Janis Vougioukas


Ao visitar Alemanha esta semana, o Dalai Lama será novamente louvado como um messias. O chefe dos tibetanos é considerado como um símbolo de tolerância. Mas os críticos em sua comunidade de exilados falhar em exigir liberdade religiosa e democracia.

Ele sempre vem em um grande comboio como um presidente, guarda-costas que o cercavam, estrelas de cinema e gestores formando guardas de honra. Os políticos responsáveis ​​pressa para recebê-lo. A cena pode ser o mesmo esta semana em Frankfurt [ Alemanha ], Assim como era no Nuremberg ano passado. O Dalai Lama saudou a multidão com sua adorável ondulação infantil de mãos. Mas seu discurso na Câmara Municipal fez as pessoas parar de respirar, como relatado por um jornal local no dia seguinte.

Ele é oferecida ao público eleito dizendo que ele viu Nuremberg já em fotografias quando ele ainda era uma criança: "muito atraente com generais e armas" e com "Adolf Hitler e Hermann Goering".

Alguns dos auditores parecia estar "envergonhado", alguns foram "separados por um segundo". Nuremberg 's-chefe Ulrich Maly prefeito chama de "momento de choque". Os convidados especiais tentou levá-lo auto posteriormente fora do caso, afirmando que, quando criança, ele não foi capaz de prever a catástrofe nazista.

Se o próprio Papa deu espaço para tais declarações na cidade dos [cimeiras do partido NSDAP] Reichsparteitage e as leis raciais, teria havido um clamor alto na república [da Alemanha]. Mas o chefe dos budistas tibetanos é de bom grado desculpado por tais palavras, embora Sua Santidade tem razão suficiente para pensar criticamente sobre a história nazista. Aquele que tem o título de " Oceano de Sabedoria "Sempre teve uma relação muito estreita com seu professor Heinrich Harrer, um alpinista e escritor famoso (" Sete anos no Tibet "). Harrer tinha sido um nazista áspero que por muito tempo tentou esconder o fato de que ele usou para manter o posto de SS- oberscharführer [Líder Sênior Pelotão da Schutz-Staffel (SS) ou Echelon Protecção de Adolf Hitler]. O tribunal tibetano costumava ter laços estreitos com o NS-regime.

SS-expedições foram acolhidos Lhasa com a marca de cheio de respeito. Até hoje, Sua Santidade não se distanciou essas relações inglória. Mas este não é o único capítulo negro na sua história de sucesso.

O Dalai Lama sorri longe todas as dúvidas. Quase todos os lugares que ele recebe a mesma veneração god-like. No Ocidente, ele aparece como o super ídolo da nova idade, mas nos Himalayans ele governa como um potentado medieval. Um benfeitor suave que pode mostrar um comportamento surpreendentemente intolerante ditador-like sim. Triste destino de seu povo, suprimida por Pequim e expulso, esconde os problemas internos do Dalai Lama-regime.

Aqui Alemanha ] Pessoas atraídas por ele encher estádios como voltar para ver uma estrela pop. Dentro Nuremberg 7.000 pessoas o ouviam, em Hamburgo há dois anos, 30.000 e Frankfurt Commerzbank -Arena espera 40.000 visitantes nos dias de hoje. Os ingressos variam de € 10 a € 230 e geralmente são reservado um ano de antecedência. Em conjunto com seus enormes eventos, lá surgiu um supermercado espiritual única. 728 alemão e 908 livros em inglês de e sobre o Dalai Lama são listados com amazon, 13.200 vídeos no youtube, quase 8 milhões de entradas no google. O filho de camponeses tibetanos é o mais popular de todos os laureados nobres que vivem.

Membros de todas as religiões e ateus também vêm como peregrinos para suas one-man-show. "Tivemos contato visual direto", uma jovem mulher na cidade alemã de Moenchengladbach gritou over-alegremente e imediatamente prometeu parar de fumar a partir de agora. "Ele me faz sentir bem", uma mulher na Boston diz em emoção e coloca-lo em poucas palavras, "que é a sua aura, esta simplicidade".

Apenas na Europa e os EUA, os lugares de nascimento da Era da Iluminação, este messias budista formaram novos redutos de sua religião e ele também encontra favor com a geração geralmente de pensamento crítico de 68 [a asa movimento de protesto estudantil esquerda na Europa] Em 1971, , Stern Revista [A revista onde este artigo foi publicado] celebrou-o como o "santo na montanha", Spiegel Revista romantizada-lo para ser um "deus para tocar" dois anos atrás.

O chefe da poderosa editora alemã Springer, Mathias Döpfner, rainha da ex-porn Dolly Buster, estrela do futebol alemão Mehmet Scholl, ex-ministro da Economia Otto Graf Lambsdorff, eo inventor da famosa Love Parade Dr. Motte venerar Tenzin Gyatso, o 14º Dalai Lama.

Onde é que isso enorme excitação vem? O cristianismo está perdendo prestígio e crentes. Isso deixou um vácuo dando Budismo um espaço para desenvolver no oeste como uma espécie de bem-estar-religião. E a tranquilidade pacífica do Dalai Lama faz você se sentir confortável na corrida de ratos diariamente áspera. Seu carisma positivo parece proibir todo o medo da crise. Além de tudo isso, surgiu uma Tibet romantismo no Ocidente transfigurating a terra neve no teto do mundo, onde o Dalai Lama tinha nascido em 1935 em uma cabana com zimbro chuva-pipes.

o Ásia Orville Schell especialista, presidente da New York Centro de Relações sino-americanas, explicou o desenvolvimento do Tibet-Mito da sua posição remoto durante séculos em inúmeras obras. A falta de conhecimento deu origem a fantasias. Tudo começou em 1933 com o romance de James Hilton "Lost Horizon", publicado pela primeira vez em alemão intitulado "Irgendwo em Tibet - Somewhere in Tibet ". A ação foi definido no paraíso sol Shangri-La, onde ninguém tinha que trabalhar e todo mundo está vivendo em paz eterna. A fábrica de sonhos de Hollywood mais tarde pode usar todas essas fantasias, criando uma simbiose de Tibet e da cultura pop, e criou um monumento para Tenzin Gyatso com o filme "Kundun". "Porque Tibet Sempre foi assim inacessível, que existia na imaginação ocidental sim como um sonho do que como realidade. Era para ser um país que nós poderíamos projetar nossos desejos pós-modernas para ", diz Schell.

"Eu sou para você tudo o que você quer que eu seja para você", diz o Dalai Lama e, dessa forma, alpinista Reinhold Messner considera-o como "um lutador pela proteção do meio ambiente". Diretor de cinema alemão e vencedor do prêmio Oscar Florian Henckel von Donnermarck aprecia que "ele faz a felicidade um dos diretores do núcleo de sua religião." Atriz Uma Thurman espera absolvição para fazer o filme violento sanguinário "Kill Bill": "O Dalai Lama poderia morrer de rir" se assistir o filme. E o Dalai Lama participa nesse jogo, ele está aberto a todas as direções em sua vontade.

Ele é uma ferramenta perfeita para os presidentes e chefes de governo como até mesmo George W. Bush parece pacífico quando estar com ele. A hiper ativo Nicolas Sarkozy parece gentil, e chato Roland Koch [primeiro-ministro do estado alemão de Hessen], pelo menos, parece ter algum esprit. Especialmente com os políticos conservadores e de direita neste jogo de instrumentalização mútuo funciona especialmente bem. O Dalai Lama teve forte simpatia pela ala direita austríaco Jörg Haider-e visitou-o várias vezes em seu estado austríaco de Kaernten.

Embora o chefe de tibetanos já é de 74, ele está em turnê no Ocidente tão intensamente só por um tempo relativamente curto agora. Em junho de 1979, ele visitou Mont Pèlerin em Lake Geneva dando seu primeiro ensinamento público para uma maior audiência no oeste. "Não houve muito interesse em relação ao Dalai Lama e nós não poderia mesmo obter proteção policial para ele", um dos organizadores, em seguida, hoje vivendo em Suíça , diga-nos.

No entretanto, o Dalai Lama tornou-se popular para o mundo, mas não é mais isso para todos os mosteiros. "Houve uma pausa de nossa comunidade cerca de dez anos atrás", diz um ex-companheiro. Na primeira linha foi cerca de um santo protetor da fraternidade não é permitido para adorar mais. Mas, basicamente, essa discussão religiosa é uma luta pelo poder com intrigas, difamação e intimidação continuou até hoje. Por medo de repressão a confidente do Dalai Lama pede para ficar anônimo. A "Comunidade tibetana da Suíça", uma organização fortemente dedicado ao Dalai Lama apelou a todos os tibetanos na Suíça tendo passado seu aniversário de 18 anos para "imediatamente" parar o culto da divindade protetora tibetano Dorje Shugden e para assinar um 8 pontos-acordo : "Aqueles poucos tibetanos e publicamente por nenhuma razão criticar o Dalai Lama são considerados para ser colaboradores chineses por nós."

Esta estratégia de "ou estar comigo ou contra mim" eo tom rígida absolutamente não se encaixam com a maneira gentil em que o "Übervater" [super-pai] é geralmente apresentando-se para o Ocidente. Sua corte real em Dharamsala ainda segue a estrutura feudal da antiga Tibet e é governado por oráculos e ritos que não têm muito em comum com a tolerância ocidental e transparência. Repentina proibição do Dalai Lama da deidade protetora Shugden que tinha sido adorado desde o século 17 e é um fora de centenas de santos no cânone tibetano em 1996 profundamente alienados muitos tibetanos religiosos. Para eles, é incompreensível e outsiders dificilmente pode entender como rigoroso ela é aplicada. Cerca de um terço dos 130 mil exilados tibetanos devem ter adorado Shugden antes da proibição. Hoje há apenas alguns milhares de mostrar abertamente a sua conexão com o culto. Não há estimativas independentes sobre os 5 milhões de tibetanos dentro China .

The Beat jornalista Regli em 1998, pela primeira vez mostrou imagens emocionais de que o conflito iminente nas comunidades exiladas indianos na televisão suíça [Schweizer Fernsehen, SF - Dalai Lama e Dorje Shugden]. Altamente monges com idades entre lamentou chorando que não já morrer antes de a proibição de Shugden. Uma família desesperada cuja casa havia sido incendiada é apresentado, bem como cartazes queria denunciar Shugden seguidores e um Dalai Lama intransigente defesa da sua proibição. "Errado, errado", ele soa fora em uma maneira ninguém frio e afiado no oeste jamais esperava do nobre laureado sempre sorridente.

Em Dharamsala essa discussão continua até os dias atuais. Monks não seguinte relatório ordem do Dalai Lama de discriminação maciça. Parentes e amigos são colocados sob pressão e vendedores colocar cartazes nas portas de sua loja dizendo "Sem entrada" para Shugden -believers.

Na cidade indiana de Mundgod , Ganden Shartse mosteiro no ano passado comemorou a inauguração de uma nova sala de oração. "Era para se tornar uma grande festa" um monge presente no momento lembra. Ele tem medo de dizer o nome dele. O próprio Dalai Lama chegou e com ele uma série de outros dignitários de alto escalão. Mas quase tudo falado nos discursos e palestras era o velho tema controverso de Dorje Shugden. Pouco depois, os monges são disse ter sido dito para assinar uma declaração de que não estavam mais praticing Shugden. A administração do mosteiro mesmo erguido um muro alto-homem por meio do quintal monástica.

No entretanto, a disputa foi entregue ao tribunal. Dorje Shugden Society apresentou uma queixa em Nova Delhi 's High Court, a fim de verificar se esta "discriminação religiosa" é aceitável pela legislação indiana. Uma decisão é esperada para o final deste ano. Dalai Lama diz adoração Shugden é prejudicial para a sua vida e com a "causa de Tibet "Sem mais declarações disponíveis. Sua oposição suspeita que Shugden, que também é exortado como um oráculo, foi proibida por ser um concurso para oracle estado do Dalai Lama.

O Governement tibetano -em Exile (TGE), no entanto, rejeita todas as acusações. "Há muito poucos dessas pessoas à esquerda e eles estão completamente financiado pela RPC. Eles são os únicos ainda falando sobre este tópico", primeiro-ministro da TGE Samdhong Rinpoche diz. Sendo pagos pelos chineses é a pior acusação para qualquer tibetano.

O capital social da refugiado tibetano está situado na pequena cidade de Mc Leod Ganj , Junto à capital do distrito Dharamsala e doze horas de ônibus de Nova Delhi . O Dalai Lama e membros de sua equipe mais próxima se mudou para a antiga residência da administração britânica em 1960 com milhares de devotos seguindo-o. Entre muitos índios daquela região, Mc Leod Ganj é conhecido como "Little Lhasa". É um pequeno lugar com dois ida estradas poeirentas sinuosas até a montanha.

Cerca de 600 mil turistas a iluminação-vindo aqui todos os anos. Adornos música flui de cafés e bares para o vale e barraquinhas com o lado kitsch posição religiosa a lado ao longo das estradas, um deles até mesmo oferecendo "moda de monge". Tibetanos jovens aqui usar calças jeans e camisetas enquanto os turistas ocidentais costumam vestir-se como atores de filmes bíblicos. Pequena Lhasa tornou-se o "Ballermann" [uma área com muitos clubes, bares, discotecas e em Palma de Mallorca famosos entre os turistas alemães para a ilha espanhola] para buscadores espirituais.

O pequeno distrito do governo é uma forma curta descendo a colina com pequenos ministérios, um parlamento e uma biblioteca. O Dalai Lama repetidamente sublinha que os tibetanos no exílio construíram um sistema democrático. Existe também um Parlamento com 43 a 46 assentos. Todas as sessões são gravadas em DVD e, em seguida, enviado para os assentamentos de refugiados. Em uma base teórica o parlamento pode decidir contra o Dalai Lama. "Mas isso nunca aconteceu", diz o presidente do parlamento Penpa Tsering. "Todo mundo tem grande confiança em Sua Santidade. Ele vê a questão tibetana de muitos ângulos diferentes, recebe muita informação e é muito, muito lógico."

Por um longo tempo, seus "membros da família Santidade ocupou cargos elevados. Desde 2001, o primeiro-ministro é eleito diretamente. Em eleições de 2006 de, ele recebeu mais de 90% dos votos e, portanto, foi confirmado no cargo. O principal objetivo da estrutura política de Little Lhasa é confirmar as decisões do Dalai Lama e para solidificar seu poder. Partes são absolutamente irrelevantes e a separação de Estado e Igreja não é mencionada no exílio tibetano Charta embora confessa-se para os "ideais de democracia" em agradáveis ​​palavras de sonoridade.

Em 1990, o jornal independente tibetano "mang-tso" (democracia) foi publicado pela primeira vez e rapidamente se tornou a mais importante peça de mídia para a comunidade de refugiados de Little Lhasa. "Nós escrevemos sobre a fraude eleitoral, corrupção e tudo o resto existente em todos os outros países também", diz Jamyang Norbu, então editor-chefe. "Mang-tso" era desconfortável e seus editores não se deixam intimidar quando alguns deles receberam ameaças de morte e os meninos de papel foram ameaçados nas ruas. Em 1996, a situação ficou ainda pior, pouco depois de o jornal publicou um artigo sobre a seita Aum, que foi responsável por ataques com gás venenoso em Tóquio 's metro em 1995 matando 12 e deixando centenas de feridos. O líder da seita terrorista, Shoko Asahara em várias ocasiões conheceu o Dalai Lama. Mesmo semanas após o primeiro assalto, Dalai Lama chamou-o de "amigo, ainda não um perfeito." Só mais tarde ele passou a distância para a seita. "Repórteres Sem pensionistas", em seguida, disse que, devido a esse artigo "as autoridades religiosas imediatamente colocar 'mang-tso" sob pressão ". Ele teve que fechar; que era o fim da "democracia".

Críticas ou debates públicos não são bem-vindas em Little Lhasa. Dalai Lama prefere pedir deuses e demônios para o conselho. Sua Santidade 'oráculo oficial do estado é chamado Thubten Ngodup, nascido em 1958. Ele está vivendo no mosteiro Nechung logo atrás do parlamento.

Durante séculos agora, o Dalai Lamas consultar oráculo em todas as decisões políticas e religiosas importantes. Depois de seu antecessor tinha morrido, Thubten Ngodup tornou-se oficial cartomante do Dalai Lama em 1987. Diz-se que ele se tornou ciente de sua qualificação em vários sonhos e visões para o primeiro tempo. Outra dica para suas habilidades sobrenaturais era seu nariz muitas vezes sangramento.

Sempre que o Dalai Lama tem uma pergunta, Thubten Nodup iria colocar em seu 40 kg de vestuário ritual. Incenso seria queimada e seus assistentes iria colocar uma enorme coroa em sua cabeça. Em seguida, o oráculo iria começar a dançar ao som de buzinas e címbalos até que ele iria entrar em transe murmurando palavras apenas ouvidos bem treinados podem entender. Dalai Lama acredita fortemente em suas previsões. Olhando para trás, ele descobriu que "o oráculo estava sempre certo", disse ele uma vez.

Este não é o que a democracia parece e ainda não há muito crítica em relação à sua forma de governar por razões de solidariedade para com um povo reprimidas de frente para o super poder China . Desenhada para fora de seu país, o chefe tibetano tem que ver a injustiça cruel acontecendo lá ea velha cultura lentamente sendo destruído.

Os líderes comunistas na Pequim tentar difamar o Dalai Lama, chamando-o "lobo em roupas de monge" ou "diabo com face humana e coração de animal". Ao mesmo tempo, as forças de segurança chinesas suprimir até mesmo o menor movimento em direção à liberdade no planalto tibetano. Então, a pessoa não tem que perguntar para a maioria dos Westeners pisando do lado dos fracos.

Mas Tibet nunca foi o paraíso é na imaginação ocidental. Quando os chineses marcharam para que, em 1950, foi preso na era medieval com monges e aristocratas que partilham o poder. A maioria das pessoas eram escravos, servos, ou sob a servidão por dívidas. O sistema foi protegido por uma polícia religiosa brutal com chicotes e bares e muitos monastérios tinham suas próprias prisões. Amigo de até mesmo o Dalai Lama Heinrich Harrer ficou chocado: "regra dos monges em Tibet é único e só pode ser comparado a uma ditadura forte. Eles são suspeitos de qualquer influência do exterior que possam pôr em perigo o seu poder. Eles são inteligentes o suficiente para não acreditar em seu poder ilimitado, mas eles vão punir imediatamente quem se atreve a duvidar. "Harrer relatos de um homem que roubou uma lamparina de manteiga dourada de um templo. Na primeira mão foram amputadas publicamente e, em seguida," a sua corpo mutilado foi costurado em uma pele de iaque molhado. Eles deixe secar e, em seguida, jogou-o um barranco. "

Após a ocupação, os chineses apresentaram-se como libertadores do povo tibetano e destruiu os mosteiros. E eles construíram um novo sistema de supressão. Eles muitas vezes ressaltar que, apesar de suas mensagens de paz, o Dalai Lama apóia a resistência armada em sua terra natal, ele mesmo sendo apoiado por "imperialistas estrangeiros". Na ação dois irmãos mais velhos do Dalai Lama construiu conexões com o NOS agência de inteligência. Durante vários anos, a CIA treinou cerca de 300 tibetanos em técnicas de guerrilha em Acampar Robusto no montanhas Rochosas . Em uma noite de lua cheia em outubro de 1957, os primeiros soldados de elite tibetanos saltou de um B-17 sem nacionalidade marcação sobre Tibet . Para o caso de ser apanhado pelos chineses, cada um deles levava um pequeno recipiente de cyanite.

Estes agentes tibetanos também protegido voo do Dalai Lama para Índia estando permanentemente em contacto com a CIA de mensagens através de Morse. Mais tarde, o NOS financiou a formação de um exército rebelde tibetano no Nepal reino de Mustang . Os programas foram interrompidos quando o NOS intensificou sua negociação com China no início de 1970.

Em relação Budismo sim como um culto esotérico do que como uma religião, muitos dos seguidores do Dalai Lama se espantam quando ouvir da sua mão trabalhando ídolo na mão com a NOS agências de inteligência. Ou quando ouvem que o budismo se espalhou na Ásia como com muito derramamento de sangue como fez no Islã Saudita ou como as cruzadas cristãs. Mosteiros tibetanos novamente e novamente teve lutas brutais uns contra os outros. O budismo não é necessariamente mais tolerante do que outras religiões. Em entrevista à "Playboy" da revista, Dalai Lama chamado práticas homossexuais "má conduta". Os ensinamentos também condenam "fazer sexo oral ou anal com sua esposa ou outro parceiro do sexo feminino". Passagens semelhantes tinha sido excluído do seu "Ética para um novo milénio" sobre o conselho de seu editor.

Dalai Lama é a favor da harmonia. Mas ele terá que enfrentar o confronto como há cada vez mais críticas no seu próprio exílio. "Sua Santidade está vivendo em uma bolha, sem contato com o mundo exterior", diz Lhasang Tsering, um ativista de longa duração. Ele agora está em execução uma livraria em Little Lhasa. "Religião e política deve finalmente ser separados."

Este é também o que Jamyang Norbu é estipular. "Dalai Lama não é uma má pessoa", diz o ex-editor-chefe "do mang-tso". "Mas ele começa a ser um obstáculo ao nosso desenvolvimento Não temos democracia Muitas coisas hoje são ainda piores do que em 1959. Em seguida, teve três poderes políticos:... Dalai Lama, os mosteiros, e da nobreza" Hoje, a única figura principal esquerda é o Dalai Lama.

© STERN

Fonte alemão: http://dl.dropbox.com/u/714713/STERN-30-07-2009.pdf

Fonte: http://www.trimondi.de/EN/Harrer.htm



O Dalai Lama: amigo e aprendiz dos nazistas

[Imagem: Heinrich+Harrer+y+Dalai+Lama.jpg]

O Dalai Lama e seu amigo e mentor Heinrich Harrer, um oficial da SA e da SS nazista.

Cidade de Graz, na Áustria, 1933. Com a chegada ao poder de Adolf Hitler ea máquina nazista e sangrenta inferno acima, havia muitos que começaram a mostrar a sua verdadeira face e fazer o que eles achavam que deveria fazer.

Os candidatos a enrrolarse em SA (Secções de Assalto Partido Nazista que foram responsáveis ​​pela manutenção da ordem nas mobilizações do Partido Nacional Socialista e "instruir" os adversários) não eram exatamente curto, nem foram poucas pessoas (sem ninguém os forçou) começou a expressar sua simpatia pelo ditador tirano que comandou o Terceiro Reich.

Não apenas os alemães, mas praticamente toda a Europa parecia apertar a mão de Hitler e os inúmeros pedidos para fazer parte da SA e da SS foram uma demonstração clara de que apoio e que o entusiasmo nacional socialista mortal que era então. Entre milhares de candidatos a aderir à temível SA foi um jovem que em 1933 tinha 21 anos e que, como estudante na cidade austríaca de Graz "não pude resistir" à tentação de fazer parte da história que a Alemanha integrar Secções de Assalto. Seu nome era Heinrich Harrer. Harrer era um especialista em montanhismo e suas habilidades, é claro, você não pode escapar Hitler e sua máquina de propaganda.

Em 1938, ele foi capaz de cumprir um de seus sonhos para escalar a face norte do monte Eiger difícil (Suíça) antes de retornar para a Alemanha e orgulhoso "oferta" suas proezas ao Führer. Heinrich Harrer e seus colegas alpinistas reuniron Hitler e depois da bem-vindo tirano Harrer disse com entusiasmo: "Subimos a parede para chegar até o topo, ao nosso Fuehrer".

[Imagem: Heinrich+Harrer+y+Hitler.jpg]

Heinrich Harrer (segundo à esquerda) com Hitler e seus colegas alpinistas após seu feito na Suíça.

Aderindo às idéias do partido nacional-socialista Harrer reafirmou em 1938, quando, após a anexação da Áustria ao Terceiro Reich, ele enviou seu pedido de ajuda para se juntar a temida SS. Harrer pode imediatamente entrar no "porta grande" nazismo é um dos membros da expedição nazista ao Tibete, juntamente com outros representantes do Terceiro Reich quando Bruno Beger e Ernst Schäffer, entre outros.

Expedição nazista ao Tibete organizada pelo Ahnenerbe (uma sociedade de estudos ancestrais Aryan curso criado pelo próprio Heinrich Himmler, chefe da SS) estudaram com a população local, reunindo medições e análises de base científica duvidosa. Beger alguns anos mais tarde viria a ser um dos principais responsáveis ​​pelos assassinatos em massa em campos de concentração nazistas para completar julgamento em Nuremberg em 1946.

Esses "especialistas" e "cientistas" nazistas fez no Tibete, como de costume: as pessoas gostam de experimentar com se fossem de ratos. Em Lhasa, a cidade proibida do Tibete, Harrer poderia começar a dar passos importantes em sua vida.

[Imagem: DALAI+LAMA.jpg]

Tenzin Gyatso, o Dalai Lama, em 1939.


Enquanto isso, em 1939, ele foi entronizado o XIV Dalai Lama, o líder espiritual do Tibete. Era apenas uma criança de quatro anos nascido em 6 de junho de 1935 em Amdo (Tibet oriental) sob o nome de Tenzin Gyatso, também conhecido como Kundun (Presença).

O Dalai Lama, em seguida, tinha uma habilidade especial que o colocou acima dos outros monges (apenas 9 anos de idade): Tenzin Gyatso conseguia se lembrar e compreender a partir de seu primeiro contato todos e cada um dos textos esotéricos, que mostrou virtualmente desde o nascimento até ser alguém acima do resto e que acabou de empurrar para se tornar o Dalai Lama.

Essa criança cresceu e em 1959, aos 24 anos de idade, depois da invasão chinesa do Tibete fugiu para a Índia, onde fundou um governo tibetano no exílio. O povo do Tibete não passou nada certo até então (após a chegada dos chineses também). Sociedade tibetana foi dividido em 9 classes.

Os servos e as mulheres eram a classe mais baixa e foram tratados como pouco mais que lixo, além de ser "considerado", assim como "animais falantes". Assim, a empresa foi chefiada esta divindade moderna tibetano consubstanciado na Dalai Lama, considerado (por seus súditos e ele mesmo) como um ser superior e da própria reencarnação do Dalai Lama anterior.

O poder do Dalai Lama era (e é) enorme, sendo o líder de uma rede que se estendeu a cerca de 6.000 monastérios que eram nada mais do que o centro do poder político e econômico no Tibete. Enquanto o Dalai Lama viveu (vidas) nos opulentos palácios (alguns dos quais têm até mil quartos ...) a população foi reduzida à servidão e viver com animais.

Uma estranha paz deste líder que tem conotações de líder espiritual dos novos meios de idade e misturados com hierarcas possui políticas ditatoriais do passado.

Infelizmente isso pode ser testemunhado e verificado por aqueles que têm tentado sair do sistema totalitário imposto pelo atual Dalai Lama desde o início, que ousou contradizer o tibetano "Deus" ou tentando fugir em busca de uma vida decente, inevitavelmente, acabou com as mãos decepadas .. .

As características dos estados feudais tibetanos foram modificados formas (nem sempre para melhor) com a entrada dos chineses no Tibete, um facto que, no entanto causou o alívio de muitos habitantes daquela região do mundo.

[Imagem: DALAI+lAMA+-+TORTURAS+EN+TIBET.jpg]

Mãos cortar dissidentes e esfolados vítimas no Tibete ...

O Dalai Lama impôs sobre o Tibete sistema opressivo e fechado apertado.

Muitas coisas são proibidas para as "pessoas comuns".

Rigidez na sexualidade não impede, contudo, que dizem candidatos do sexo feminino budistas para "espiritualizada" o melhor é que encontram-se na mesma cama com o Dalai Lama. O voto de silêncio e lealdade absoluta rodada fora da melhor maneira possível o plano perfeito e "divino" o líder tibetano.

Ele teve bons professores, é claro ...

A "amizade" e "ensinamentos" de Harrer deve adicionar o dado por de Bruno Beger. Beger depois dos anos sombrios de expedições nazistas ao Tibete, após as atrocidades do Nacional Socialista Alemanha e depois de "soltar" da justiça (muito especial) dos Aliados após a guerra, tantas vezes voltou para o Tibete em caráter amigo equipe, professor e parceiro (de várias maneiras) o Dalai Lama. Você não pode esquecer facilmente as imagens de Beger "experimentar" com o Tibete nativa e não é fácil esquecer as suas reuniões quentes e repetidas com Beger, que nunca deixou de ser um espelho onde sempre quis assistir.

[Imagem: Dalai+Lama+y+Bruno+Beger.jpg]

Acima: (. L) Dalai Lama e Bruno Beger em '90 - de Bruno Beger "experimentar" no Tibete (der.)
Abaixo Bruno Beger com o regente Reting Rinpoche Tibet antes da entronização do Dalai Lama (1938)


Desde o passado de Heinrich Harrer foi descoberto e até sua morte em 2006, o navegador nazista desapareceu completamente da vida pública. Seus encontros com o tibetano "Deus", no entanto, eles continuaram a dar sistematicamente ea proliferação de fotos e testemunhar.

Em 2002, quando ele virou 90, Harrer tinha sido visitado pelo Dalai Lama novamente. "Heinrich Harrer era meu amigo pessoal", escreveu o monge. "Eu aprendi muitas coisas com ele, particularmente em relação à Europa. Nós sentimos que perdemos um amigo leal do Ocidente.

Enquanto tnato Beger, estava fazendo a ronda, apesar das lições da história e dos anos e por isso as coisas profugaba aos 86 acusações de crimes de ódio durante a Segunda Guerra Mundial que um tribunal alemão imposta, mas isso não imepdía para se encontrar com o Dalai Lama inocente e despreocupado no Tibete com a freqüência que agradou tanto ... Beger, finalmente, morreu em 2009 e sua saída também foi lamentada pelo "líder espiritual" tibetano.

[Imagem: Heinrich+Harrer+y+Dalai+Lama+-+2.jpg]

Dias felizes por Heinrich Harrer.

Mas o Dalai Lama sempre dado o dúbio prazer de causar metade da humanidade, apesar dos comentários de quem o fez lembrar de atrocidades abomináveis ​​de amigos alemães nazistas e parceiros, ele insistiu para se reunir com outros nazistas em diferentes partes do mundo.

Talvez o exemplo mais flagrante é o da indecorosa Miguel Serrano, o escritor deplorável, diplomata e explorador chilena, líder nazista de seu país.

[Imagem: Dalai+Lama+y+Miguel+Serrano+-+Nazi+-+Chile.jpg]

O Dalai Lama eo líder nazista chileno Miguel Serrano.

O homem transformado em divindade tibetana, o homem acusado de ser um deus tibetano na terra, sabia muito bem como fazer uma coisa e mostrar-se ao mundo de uma forma diametralmente oposta. "Faça o que eu digo, mas não dizem o que eu faço" é uma frase que pintura de corpo inteiro.

Enquanto particular um corpo de carne e osso, nada espirtual, mundano como poucos.

Fonte: http://historiasladob.blogspot.com.br/20...e-los.html
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 3 usuários diz(em) obrigado a Bruna T pelo seu post:
Alkin (17-12-2015), Angelick (17-12-2015), ruicoelho (17-12-2015)
17-12-2015, 07:14 PM (Resposta editada pela última vez em: 17-12-2015 07:14 PM por Alkin.)
Resposta: #29
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
Nunca dei tanta importância ao que este cidadão tem a dizer. Até respeito a filosofia de paz que ele prega mas não há nada de especial. De guru o mundo tá cheio.

Para mim budismo e este senhor são irrelevantes.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Alkin pelo seu post:
Angelick (17-12-2015), ruicoelho (17-12-2015)
17-12-2015, 07:14 PM (Resposta editada pela última vez em: 17-12-2015 09:40 PM por ruicoelho.)
Resposta: #30
RE: Absurdo e criminoso: China acusa Dalai Lama de «simpatia» pelo Estado Islâmico.
(17-12-2015 06:03 PM)Bruna T Escreveu:  ()
Sua Santidade o Dalai Lama começou sua educação monástica aos seis anos.
...
E?...
()
Algumas fotos antigas mostram uma realidade diferente.
...
Não nego evidencias, contudo, deveria atentar nos comentários, (14), 2 dos quais apagados certamente por conveniência do administrador do blog e um só a favor. Citaria só dois, pois os seguintes são ainda mais "agressivos".

Citar:
- Definitivamente propaganda comunista... historicamente falso...se hace una intepretación antojadiza y personal de los hechos. Definitivamente es absurdo.

- Se tu pudésses revelar as fontes de pesquisa e bibliografia, poderíamos submeter teu relato a uma análise que te comprovaria como verdadeiro. Não estou a dizer que mentes, entretanto quem fala coisas desse nível, deve ter a responsabilidade de poder provar o que diz.

Citar:
En 2002, cuando cumplió 90 años, Harrer había recibido nuevamente la visita del Dalai Lama. “Heinrich Harrer fue mi amigo personal, escribió el monje. “Aprendí muchas cosas de él, particularmente acerca de Europa". Sentimos que hemos perdido un leal amigo de Occidente.


Bom, polémicas as declarações. Contudo é necessário ter em conta que foi explorado o valor da (amizade) por conveniência do autor, claro. De qualquer forma a amizade não tem em conta certamente a ideologia, ou outro atributo social. No entanto me parece algo politicamente incorrecto, pois acho que tal amizade e tais declarações deveriam ser do domínio privado. O que está dito dito está, e, não acho que seja por motivos como este que se possa imputar o epíteto depreciativo de nazista a S. S. Sinceramente acho que não o é.

Aproveito a oportunidade para agradecer toda a informação que tem vindo a colocar, não querendo com isto dizer ou afirmar que, tanto eu como a minha cara amiga, (no caso os autores dos textos e documentos), tenhamos razão. Não querendo me desviar ou passar ao lado do debate, penso que da minha parte se esgotou a argumentação. Poderia colocar aqui também imensa informação pró S.S. Preferi não o fazer e responder mediante o que sei, mas como não sei muito e o pouco que sei não chega para contra-argumentar com historiadores e investigadores que teve a amabilidade de me apresentar, saio, saio vencido mas não convencido. Ainda assim, acredito naquele que é o líder do budismo tibetano e que representa um povo antigo fustigado pelos ventos da desgraça.

'in memoriam', a todos os budistas e pacifistas que lutaram e lutam por um Tibete livre.


Ab alio expectes, quod alteri feceris
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a ruicoelho pelo seu post:
Padmé Amidala (17-12-2015)
Shoyu Orgânico Fermentado Naturalmente Você Encontra na Tudo Saudável
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
  China declara: Em 10 anos haverá uma nova ordem mundial com a união de China e Rússia Peter Joseph 51 6,868 01-11-2016 02:17 AM
Última Resposta: ked
  É realmente necessário haver um estado para termos segurança e ordem? John Dickinson 0 899 19-06-2016 06:53 PM
Última Resposta: John Dickinson
  Rússia Contra a Nova Ordem Mundial | Desmascarando a Farsa do Estado Islâmico (ISIS) Véia Silidonia 3 2,549 01-03-2016 02:00 PM
Última Resposta: Marcusmho
  O que na verdade se esconde por trás do Estado Islâmico? Cimberley Cáspio 15 3,122 11-02-2016 08:03 AM
Última Resposta: Alkin
  Plano Rockefeller para os BRICS na NOM - A China e a amizade entre Putin e Kissinger naste.de.lumina 15 11,886 01-02-2016 10:04 AM
Última Resposta: Álvaro

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Publicidade:
Loja de Produtos Naturais Tudo Saudável

Recomende o Fórum


Sites Associados: Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas
Rastreando Chemtrails
Site Notícias Naturais
Fórum Notícias Naturais Blog Anti-Nova Ordem Mundial

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 155 usuários online.
» 2 Membros | 153 Visitantes
Angelick, Camarada02

Estatísticas do Fórum
» Membros: 19,708
» Último Membro: viniciusrodriguesag
» Tópicos do Fórum: 24,284
» Respostas do Fórum: 257,778

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
Nibiru, Elenin, - Transformações da Terra - o que ninguém te conta
Última Resposta Por: Beobachter
Hoje 11:28 AM
» Respostas: 1156
» Visualizações: 485406
Projeto AURORA/TR-3 Black Manta
Última Resposta Por: Beobachter
Hoje 12:25 AM
» Respostas: 11
» Visualizações: 802
Jovem do Acre envolvido com ocultismo desaparece misteriosamente. Fato ou farsa?
Última Resposta Por: Beobachter
Hoje 12:16 AM
» Respostas: 118
» Visualizações: 10625
Dono da JBS grava Temer dando aval para comprar silêncio de Cunha
Última Resposta Por: Beobachter
Ontem 04:41 PM
» Respostas: 229
» Visualizações: 10832
Descongestionante nasal leva ao vício e pessoa pode até perder o olfato
Última Resposta Por: Angelick
Ontem 12:31 PM
» Respostas: 10
» Visualizações: 2020
A caixa preta do BNDES
Última Resposta Por: Beobachter
Ontem 12:23 AM
» Respostas: 34
» Visualizações: 5715
Ataque a Show de Ariana Grande no Reino Unido Mata 19 e Fere 50 Pessoas
Última Resposta Por: Sanderson S. Pierre
26-05-2017 06:31 PM
» Respostas: 14
» Visualizações: 1502
Como Traduzir Artigos de Inglês para Português
Última Resposta Por: Rodrigovps2
26-05-2017 06:16 PM
» Respostas: 17
» Visualizações: 91927
GUERRA CIVIL na Venezuela
Última Resposta Por: Digory Kirke
26-05-2017 06:11 PM
» Respostas: 317
» Visualizações: 78092
Fundador do Facebook diz que é Preciso uma "Superestrutura Global" (NOM)
Última Resposta Por: Sanderson S. Pierre
26-05-2017 05:38 PM
» Respostas: 5
» Visualizações: 465
[Protestos no Brasil] O pau está comendo!
Última Resposta Por: Xevious
26-05-2017 03:59 PM
» Respostas: 534
» Visualizações: 173495
Medidas de Segurança - Ataque Nuclear
Última Resposta Por: Doc S
26-05-2017 03:07 PM
» Respostas: 15
» Visualizações: 2631
INWO: Todas as Cartas do Jogo Illuminati New World Order
Última Resposta Por: venaveia
26-05-2017 02:31 PM
» Respostas: 111
» Visualizações: 577536
Zika Vírus foi criado para Controle Populacional e é vendido em site
Última Resposta Por: Doc S
25-05-2017 06:48 PM
» Respostas: 27
» Visualizações: 5362
Soberania ameaçada com a nova Lei de migração?
Última Resposta Por: Beobachter
25-05-2017 06:01 PM
» Respostas: 93
» Visualizações: 4538
Sírio é preso após provar através de imagens que Israel comanda o terrorismo
Última Resposta Por: DeOlhOnafigueira
25-05-2017 04:07 PM
» Respostas: 7
» Visualizações: 756
Site Illuminati
Última Resposta Por: Jaspion
25-05-2017 12:45 PM
» Respostas: 31
» Visualizações: 23061
Traidores da pátria - Collor, FHC e Lula venderam a Amazônia
Última Resposta Por: Sanderson S. Pierre
25-05-2017 12:26 PM
» Respostas: 50
» Visualizações: 32287
Nova tecnologia WiFi pode mapear o interior de um edifício de "20 a 30 segundos"
Última Resposta Por: Doc S
25-05-2017 11:57 AM
» Respostas: 3
» Visualizações: 529
COREIA DO NORTE: Centralização de Notícias importantes
Última Resposta Por: Beobachter
24-05-2017 09:49 PM
» Respostas: 146
» Visualizações: 12423
CUIDADO: O Google está gravando tudo o que você procura e diz
Última Resposta Por: Beobachter
24-05-2017 08:15 PM
» Respostas: 19
» Visualizações: 2507
Filmes e series de graça Em HD.
Última Resposta Por: Beobachter
24-05-2017 05:28 PM
» Respostas: 76
» Visualizações: 12969
As Plantas sentem, pensam e memorizam. Mas seriam capazes de falar?
Última Resposta Por: Sanderson S. Pierre
24-05-2017 03:08 PM
» Respostas: 15
» Visualizações: 2411
Cada enxadada, uma minhoca
Última Resposta Por: pequeno gafanhoto
24-05-2017 09:59 AM
» Respostas: 35
» Visualizações: 4563
Revelado: Fim do Fórum Anti Nova Ordem Mundial
Última Resposta Por: ked
24-05-2017 01:26 AM
» Respostas: 15
» Visualizações: 3169
Infowars na Casa Branca !
Última Resposta Por: Salsichinha
23-05-2017 11:05 PM
» Respostas: 3
» Visualizações: 582
Ciberataque Atinge Mais de 57 mil Usuários em Todo o Mundo
Última Resposta Por: Beobachter
23-05-2017 09:32 AM
» Respostas: 27
» Visualizações: 2233
Robert De Niro Produzirá um Documentário Expondo a Conspiração das Vacinas
Última Resposta Por: justiceiro
22-05-2017 04:15 PM
» Respostas: 11
» Visualizações: 1646
Máfia Portuguesa :Sociedades Secretas: Maçonaria, Oculto, Opus Dei
Última Resposta Por: Sanderson S. Pierre
22-05-2017 02:44 PM
» Respostas: 4
» Visualizações: 17635
Superpopulação?
Última Resposta Por: Xevious
22-05-2017 02:28 PM
» Respostas: 13
» Visualizações: 1452

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!

Camisetas:
camisetas resista à nova ordem mundial