Goji Berry Pelo menor Preço Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais



Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
12-09-2018, 11:38 PM
Resposta: #1
Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
[Imagem: dwwsbjg455b4ei6mn.png]

Imagine uma sociedade em que tudo o que você faz, diz e compra é monitorado e avaliado pelas autoridades - uma sociedade em que os cidadãos são classificados de acordo com o comportamento bom ou ruim.

Na China, esse cenário orwelliano está se tornando realidade. O país está implementando um sistema de classificação de "crédito social", tornado possível graças à coleta em massa de dados sobre seus cidadãos.

Está previsto para ser implementado em todo o país em 2020. Mas o esquema já está sendo testado em algumas cidades chinesas. Nossos correspondentes relatam.
Programa preparado por Patrick Lovett.




FONTE: https://www.france24.com/en/20180508-focus-china-citizens-surveillance-social-credit-rating-system-big-brother-technology
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 3 usuários diz(em) obrigado a Bruna T pelo seu post:
Doc S (20-01-2019), FaNtOmAs (13-09-2018), Fire Fox (14-09-2018)
Chlorella Green Gem Pelo menor Preço Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
27-11-2018, 05:46 AM
Resposta: #2
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
Pequim projeta 'programa de pontos' para classificar reputação de residentes

[Imagem: dz12wi1f2p8ve40k2.png]

A partir de 2021, capital chinesa vai classificar 'crédito social' de indivíduos para recompensá-los - ou puni-los

O plano da China de julgar cada um de seus 1,3 bilhão de habitantes por seu comportamento social deu mais um passo para se tornar realidade. Pequim está pronta para adotar um programa de pontos sociais, vigente por toda a vida. A partir de 2021, o sistema atribuirá classificações personalizadas para cada residente da capital.

A cidade vai recolher dados de vários departamentos para recompensar e punir cerca de 22 milhões de cidadãos com base em suas ações e reputações até o fim de 2020, de acordo com o plano publicado no site do governo municipal de Pequim nesta segunda-feira. Aqueles que obtiverem melhor crédito social terão benefícios, e os que violaram leis terão a vida dificultada.

O projeto de Pequim é melhorar as listas de maus antecedentes, de modo que os residentes considerados indignos de confiança "não conseguirão dar nem um passo sequer", diz o plano. A agência chinesa Xinhua noticiou a proposta na última terça-feira, mas o relatório está publicado no site do governo municipal desde 18 de julho.

A China já experimentou sistemas que classificam seus cidadãos, recompensando o bom comportamento com serviços mais eficazes e punindo más ações com restrições e multas. Críticos avaliam que medidas do tipo são repletas de riscos e podem levar a sistemas que reduzem as pessoas a relatórios.

Plano ambicioso
O esforço da municipalidade de Pequim é o mais ambicioso até o momento entre as dezenas de cidades que articulam a criação de programas similares. Hangzhou passou a promover um sistema de crédito pessoal este ano, recompensando recompensar "comportamentos socialmente úteis", como trabalho voluntário e doações de sangue, e punindo os que violam as leis de trânsito e cobram taxas por fora do preço declarado.

Até o fim de maio, chineses com má reputação foram impedidos de reservar mais de 11 milhões de voos e 4 milhões de viagem em trem-bala, segundo a Comissão de Reforma e Desenvolvimento Nacional.

Segundo o plano de Pequim, diferentes agências vão conectar bases de dados para fornecer um retrato mais detalhado das interações de cada residente com uma série de serviços. A proposta convoca organizações ligadas ao turismo, à regulação de negócios e autoridades de tráfego a trabalharem juntas.

O rastreio do comportamento individual na China foi facilitado com a migração de serviços econômicos para o ambiente digital. Os aplicativos Tencent’s WeChat e Ant Financial’s Alipay, por exemplo, se tornaram centrais para fazer pagamentos, obtenção de empréstimos e reservar viagens. As contas nos aplicativos são, em geral, ligadas aos números dos celulares, que, por sua vez, requerem documentos de identidade.

A versão final do sistema nacional de crédito social permanece incerta. Se as regras que forçam redes sociais e provedores de internet a removerem o anonimato de usuários forem implementadas e os sistemas de reconhecimento facil se tornarem mais populares em órgãos policiais, é provável que as autoridades tenham mais facilidade para encontrar e punir qualquer pessoa, de dissidentes da internet a não pagantes de passagens de trem.

FONTE: https://oglobo.globo.com/mundo/pequim-pr...s-23251197
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Bruna T pelo seu post:
Doc S (20-01-2019)
28-11-2018, 04:11 PM (Resposta editada pela última vez em: 28-11-2018 04:11 PM por CaféSemAçúcar.)
Resposta: #3
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
Pena que não tem legenda pra quem ainda não capta o inglês falado. Mas vale a pena ver, bom video.




Era a esquerda, agora ele se veste de direita liberal sionista. Troca-se a ração e seguimos para o abate. Mas os goyim estão acordando!

“Human beings are under the control of a strange force that bends them in absurd ways, forcing them to play a role in a bizarre game of deception.”
--Dr. Jacques Vallee

" Truth-seeking is a never-ending changing of directions"
--Wes Penre
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a CaféSemAçúcar pelo seu post:
Doc S (20-01-2019)
30-11-2018, 12:44 PM
Resposta: #4
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
Eu já concordo com essa vigilância toda.
Poderiam colocar uma câmera 24hs na minha sala que não teria problema.
(bem eu acharia ruim uma câmera no banheiro ou no quarto, certamente).

Só que exigiria acesso a todas informações, sem que nada fosse escondido.

Vigiar e não ser vigiado, é uma tremenda vantagem para quem vigia.

Mas se quem vigia é vigiado também, empata..

Não só aprovo algo assim como digo que não tem jeito não, a vigilância vai se expandir cada vez mais.

Bill Gates tem um projeto que já ta em andamento de colocar uma rede de satélites, parecidos com os do GoogleHearth, mas as imagens seriam em tempo real!

E hoje em dia há mais mecanismo de vigilância em potencial, como qualquer aparelho que trabalhe com tecnologia Wireless, incluindo um modem.
Aparelhos assim podem mapear as redondezas e indicar quem esta aonde, até mesmo criar mapas 3D em tempo real.

Concordo com um mundo vigiado.
Mas para dar certo, menos coisas precisariam ser consideradas inapropriadas.
Teria que ter uma mudança cultural.

Um dos pontos importantes seria a liberação das drogas.
Porque as pessoas vão continuar usando mesmo.
Então iriam burlar os sistemas para continuarem usando.
Isto poderia acarretar em corrução e a formação de uma máfia de informação.

Outro ponto é o relacionamento conjugal.
Hoje um homem casado arranjar uma namorada é um crime conjugal.
Mas teria que ser considerado algo mais normal, mas claro, direitos iguais.

Fora estes dois aspectos, restariam situações relacionadas a roubos materiais ou intelectuais.
Que são realmente condenáveis e deveriam sim ser repreendidas.

A ideia é.
Já que não podemos derrota-los, juntemos a eles.

Façamos a vigilância extrema nos beneficiar.

Escrevi uma matéria a respeito aqui => http://forum.intonses.com.br/viewtopic.p...1&t=288902

Sei que muitos se opõem ao meu ponto de vista.

E caso alguém queira fazer, me diga porque.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
Sua pele mais bonita com colágeno hidrolisado
30-11-2018, 10:22 PM (Resposta editada pela última vez em: 30-11-2018 10:24 PM por Aldebarâ.)
Resposta: #5
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
lembrete: petista, nao gostam de debater sobre países comunistas, lula, dilma, e tudo que esta esquerda maldita aprontou. Se olham para tras, fica em branco os 13 anos e que o pt esteve no poder destruindo o brasil.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
16-01-2019, 07:02 PM
Resposta: #6
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
Citar:
Bancada do PSL quer importar sistema chinês de reconhecimento de cidadãos


Deputados federais e senadores do PSL querem sistema de reconhecimento de cidadãos similar ao chinês; Projeto de Lei deve ser apresentado em fevereiro.

https://meiobit-com.cdn.ampproject.org/v...idadaos%2F

Já não sou quem eu era nem voltarei a ser quem fui, mas serei sempre fiel aos meus princípios.


Não há prisioneiro pior do que aquele que não busca conhecimento, mas pensa estar livre.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Beobachter pelo seu post:
Doc S (20-01-2019), Fire Fox (17-01-2019)
18-01-2019, 02:00 PM (Resposta editada pela última vez em: 19-01-2019 09:46 PM por Bruna T.)
Resposta: #7
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
(30-11-2018 12:44 PM)Xevious Escreveu:  Eu já concordo com essa vigilância toda.
Poderiam colocar uma câmera 24hs na minha sala que não teria problema.
(bem eu acharia ruim uma câmera no banheiro ou no quarto, certamente).

Acredito que acharia igualmente ruim, o fato do governo controlar, gravar tudo que você fala e faz e colocar todo o sistema para calar vozes criticas, o governo usara tudo contra voce

O dia que você, eu ou alguém criticar o governo, como esta vigilância 24 horas, tudo que falar será registrado, e dependendo do governo, e de quem criticar e como criticar, podem ser nada agradáveis as punições aos "descontentes" com o governo.

Assim como acontece na China, vai desde perder o emprego, ser acusado injustamente pela policia, ser condenado a pena de morte, e o pior, a perseguição cruel não se limitará apenas a você, seus entes queridos serão igualmente perseguidos.

Chega a ser estranho uma pessoa que esta cadastrada em um Fórum Anti-Nova Ordem Mundial, concordar como este tipo de pratica de governos autoritários.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a Bruna T pelo seu post:
Doc S (20-01-2019), Xevious (04-02-2019)
Desodorante Bion Vitta sem Alumínio ou Triclosan Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
01-02-2019, 08:36 AM
Resposta: #8
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
Um artigo interessante, é uma coisa tão absurda que chego a duvidar, se o conteúdo e informação do texto for verdade, ilustra bem até onde vai o controle do um governo sobre a população.


Por que a televisão chinesa borra parte das orelhas dos atores

[Imagem: e0w3wrxvay1z2i5zw.png]

Os telespectadores chineses têm notado que, recentemente, parte das orelhas de alguns atores homens aparece esfumaçada. Muitos afirmam que a medida seria mais um ato de censura do governo.

A decisão recente do governo chinês de censurar as orelhas de atores que usam brincos tem provocado um debate acalorado na internet, na China.

Imagens de programas produzidos pelo IQiyi, serviço similar ao Netflix, mostram atores com grandes manchas que cobrem os lóbulos das orelhas.

Fotos deste tipo de censura têm sido amplamente compartilhadas nas redes sociais.

Uma hashtag em chinês que diz "Os atores podem usar brincos" foi reproduzida mais de 88 mil vezes no Weibo, principal rede social na China.

A controvérsia sobre a exibição ou não das orelhas de atores é o exemplo mais recente de controle governamental sobre os conteúdos de programas de televisão na China.

Tudo o que se refere à cultura hip hop, a tatuagens e símbolos da comunidade LGBT tem sido bloqueado dos meios de comunicação.

Centenas de chineses recorreram às redes sociais para dizer que a censura é impulsionada pelo desejo do governo de "proteger papéis de gênero tradicionais".

[Imagem: e0w3yoeuyx2qhwxy4.png]

Celebridades homens que possam apresentar características "femininas" se converteram num tema de controvérsia na China, nos últimos anos.

Críticas
Um usuário do Weibo fez uma crítica com ironia. "Os homens que usam brincos são afeminados. Genghis Khan era afeminado. Temos que tirá-lo dos nossos livros de história", escreveu, em referência ao grande conquistador mongol do século 13.

Outros afirmam que há "dois pesos duas medidas", já que as atrizes podem mostrar as orelhas com brincos.

"Quem pode afirmar que isso não é sexismo? Por que só os homens não podem mostrar as orelhas com brincos? Retrocedemos 100 anos", escreveu um usuário da rede social.

Uma terceira pessoa escreveu que a medida é uma "discriminação sexual tácita".

Mas, embora a maioria das mensagens seja crítica às imagens censuradas, alguns escreveram que concordam com a decisão. "Concordo que o governo deve se envolver nessa questão. Os homens devem parecer homens", escreveu um internauta.

Outros defensores da medida escreveram que homens que usam brincos são "esquisitos" e "afeminados".

Um usuário do Weibo questionou por que usar brincos se converteu em algo tão polêmico.

"Algumas pessoas dizem que isso influenciaria negativamente as crianças. Se isso é algo capaz de causar influência negativa numa criança, que tipo de sistema educacional vulnerável temos neste país?"

[Imagem: e0w404zyn1fpnx0po.png]

Censura
Todas as emissoras de televisão na China são estatais. Elas são fortemente reguladas e sujeitas à censura do governo.

Os programas de TV nacionais devem enviar documentos ao gabinete local do Partido Comunista com meses de antecedência para serem aprovados oficialmente antes de veiculados.

No caso de conteúdos estrangeiros, esse processo pode levar mais tempo. A regulação também se estende para além da televisão, alcançando a internet.

No entanto, a popularidade de aplicativos que permitem acesso a transmissões ao vivo tem prejudicado o esforço do governo chinês em ter domínio absoluto sobre o que é veiculado no país.

E usuários de redes sociais vem expressando descontentamento com uma lista crescente de conteúdos censurados.

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/por-qu...8bo1g.html
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Bruna T pelo seu post:
Doc S (01-02-2019)
03-02-2019, 02:41 PM
Resposta: #9
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
China cria ‘fábricas de censura’ para fiscalizar conteúdo online

[Imagem: 42559_resize_620_380_true_false_null.jpg]

O presidente Xi Jinping quer que a internet ajude a fortalecer o domínio do Partido Comunista sobre a sociedade

Li Yuan
The New York Times


Li Chengzhi teve muito o que aprender quando conseguiu um emprego de censor. Como muitos jovens na China, o jovem recém-formado na universidade sabia pouco sobre a repressão na Praça Tienanmen de 1989. Ele nunca ouvira falar do mais famoso dissidente chinês, Liu Xiaobo, prêmio Nobel da Paz, que morreu na prisão há dois anos.

Agora, depois da reciclagem, ele sabe o que deve procurar – e o que bloquear. Ele fica horas escaneando conteúdo online para as companhias de mídia chinesas à procura do que possa provocar a ira do governo. Ele sabe como detectar palavras em código que se referem indiretamente a líderes chineses e a escândalos, ou os memes relativos a assuntos que o governo chinês não quer que o público leia.

Li, 24, leva muito a sério o seu emprego. “Ele ajuda a limpar o ambiente online”, observou. Para as companhias chinesas, manter-se do lado seguro dos censores oficiais é uma questão de vida ou morte. As autoridades exigem que as companhias exerçam previamente a própria censura, instando-as a contratar milhares de pessoas para policiar seu conteúdo. Isso, por sua vez, criou uma nova indústria lucrativa: as fábricas de censura.

Li trabalha para a Beyondsoft, uma empresa de serviços de tecnologia sediada em Pequim, que se encarrega de fazer este serviço para outras companhias. Ele trabalha em Chengdu. Seu escritório se assemelha ao das start-ups de Pequim e de Shenzhen. Li se mudou para este espaço porque os clientes se queixaram de que o espaço anterior era muito apertado para que os funcionários pudessem fazer o melhor trabalho possível. “Uma pequena falha pode acarretar um grave erro político”, disse Yang Xiao, chefe da operação de serviços da internet da Beyondsoft.

A China construiu o sistema de censura online mais abrangente do mundo. E hoje é ainda mais forte sob o presidente Xi Jinping, que quer que a internet exerça um papel mais importante no fortalecimento do domínio do Partido Comunista sobre a sociedade. A China hoje prega a visão de uma internet supervisionada pelo Estado que tem um reflexo surpreendente em outros países. A Europa Ocidental e os Estados Unidos estudam a possibilidade de estabelecerem seus próprios limites digitais. Plataformas como Facebook e YouTube anunciaram que pretendem contratar milhares de pessoas para controlar o seu conteúdo.

Funcionários como Li mostram os extremos desta estratégia – que fiscaliza o que mais de 800 milhões de usuários de internet na China veem diariamente. A Beyondsoft emprega mais de 4 mil funcionários em suas fábricas de revisão de conteúdo. Em 2016, eram cerca de 200.

A Beyondsoft tem uma equipe de 160 pessoas em Chengdu que trabalham em quatro turnos por dia para rever conteúdo político potencialmente sensível com um novo aplicativo que agrega notícias. Para o mesmo aplicativo, ela tem outra equipe em Xi’an que revê conteúdo potencialmente vulgar. Ao entrar no edifício do escritório de Chengdu, os funcionários precisam deixar os seus smartphones nos armários no saguão. Eles não podem tirar fotos do monitor nem enviar informações dos seus computadores.

Quase todos os funcionários têm curso universitário completo e pouco mais de 20 anos. Frequentemente não têm noção de política ou são indiferentes a ela. Na China, muitos pais e professores dizem aos jovens que interessar-se por política só cria problemas. Para superar esta lacuna, Yang e os seus colegas criaram um sistema sofisticado de treinamento. Os recém-contratados começam com um treinamento “teórico” de uma semana de duração, ao longo da qual os mais antigos lhes transmitem as informações sensíveis. “Eles não sabiam coisas como o 4 de junho”, ele disse, referindo-se à repressão na Praça de Tienanmen, em 1989.

A Beyondsoft criou um enorme banco de dados com mais de 100 mil termos sensíveis básicos, e mais de 3 milhões de palavras derivadas. As palavras politicamente sensíveis constituem um terço do total, seguidas por palavras relacionadas à pornografia, prostituição, jogatina e facas. Os recém-contratados devem estudar o banco de dados como se se preparassem para o exame de ingresso na universidade. Depois de duas semanas, são submetidos a um teste.

No início do respectivo turno, os funcionários são informados sobre as instruções mais recentes relativas à censura enviadas pelos clientes, que, por sua vez, os próprios clientes recebem dos censores do governo. Eles precisam ainda responder a dez questões que testam a sua memória. Os resultados do exame influem no seu pagamento.

Um teste mais rigoroso consiste em avaliar como os usuários da internet na China driblam a rigorosa censura para conversar sobre assuntos correntes, como as fotos de uma cadeira vazia. Elas se referem a Liu, o Prêmio Nobel que não pôde sair da China para participar da cerimônia da premiação e foi representado por uma cadeira vazia. Referências ao romance “1984”, de George Orwell também são proibidas.

Funcionários como Li ganham de 350 dólares a 500 dólares por mês, o salário médio em Chengdu. Cada um deles deve rever de 1 mil a 2 mil artigos por turno. À pergunta se ele compartilhava com a família e os amigos o que aprende no trabalho, como a repressão na Praça de Tienanmen, Li negou veementemente. “Se as pessoas souberem disso, poderão surgir boatos”. Mas a repressão entrou para a história. Não foi um boato. “Como ele pode conciliar isto? “Em certas coisas, é preciso obedecer às regras".

FONTE: http://www.defesanet.com.br/china/notici...do-online/
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Bruna T pelo seu post:
Doc S (03-02-2019)
04-02-2019, 02:45 PM
Resposta: #10
RE: Big Brother está te observando: como a China classifica seus cidadãos
(18-01-2019 02:00 PM)Bruna T Escreveu:  Chega a ser estranho uma pessoa que esta cadastrada em um Fórum Anti-Nova Ordem Mundial, concordar como este tipo de pratica de governos autoritários.
Existe um porém
tem que ter duas vias este controle
tudo poderia ser visto
mas quem viu também deveria se saber

e quem tomou uma atitude contra alguém devido a alguma informação
também teria que ser mapeado

isto o impediria de ter alguma ação de censura ou mais radical, pois seria descoberto.

Se as informações não tiverem duas vias, não me serve.

Porque a vantagem não esta em esconder informações.
E sim em esconder as suas e ver as dos outros.

Se este último fator não ocorre, ninguém tem uma real vantagem.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
Loja Tudo Saudável
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
  O experimento mais avançado do Big Brother da China é uma bagunça burocrática Bruna T 0 73 14-09-2019 03:56 PM
Última Resposta: Bruna T
  Não é fake news: China lançará a primeira Lua artificial até 2020 Fire Fox 5 817 17-02-2019 11:00 PM
Última Resposta: Beobachter
  Na China, o Big Brother se transfere para casas uigures Bruna T 0 459 19-01-2019 10:23 PM
Última Resposta: Bruna T
  Por que as montadoras ajudam a China a espionar motoristas em carros elétricos? Bruna T 0 467 30-11-2018 11:14 PM
Última Resposta: Bruna T
  China: entre Estado ‘Big Brother’ e líder em inteligência artificial Bruna T 1 1,017 25-11-2018 02:57 PM
Última Resposta: Bruna T

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Publicidade:
Loja de Produtos Naturais Tudo Saudável

Recomende o Fórum


Sites Associados: Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas
Rastreando Chemtrails
Site Notícias Naturais
Fórum Notícias Naturais Blog Anti-Nova Ordem Mundial

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 86 usuários online.
» 3 Membros | 83 Visitantes
anomia, Marcelo Almeida

Estatísticas do Fórum
» Membros: 21,194
» Último Membro: A Resistência
» Tópicos do Fórum: 26,322
» Respostas do Fórum: 280,318

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
Chefe indígena, defensor da Amazónia, sugerido para Nobel da Paz 2020
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
Hoje 03:46 PM
» Respostas: 14
» Visualizações: 247
Ex-Presidente brasileiro Temer diz que destituição de Dilma Rousseff foi golpe.
Última Resposta Por: Velho Druida
Hoje 02:25 PM
» Respostas: 7
» Visualizações: 152
Últimos acontecimentos ONLINE
Última Resposta Por: ULTRON
Hoje 01:09 PM
» Respostas: 1386
» Visualizações: 241988
A campanha de ódio, mentiras e desinformação contra a ativista Greta Thunberg
Última Resposta Por: ruicoelho
Hoje 01:03 PM
» Respostas: 10
» Visualizações: 189
Flávio Bolsonaro e o PT tem uma pauta em comum: enterrar a CPI da Lava Toga
Última Resposta Por: ULTRON
Hoje 12:57 PM
» Respostas: 9
» Visualizações: 344
Greenpeace protesta do lado de fora do Salão Automóvel de Frankfurt contra a poluição
Última Resposta Por: Velho Druida
Hoje 12:53 PM
» Respostas: 3
» Visualizações: 150
Hélio-3: o combustível do futuro, uma razão para voltar à Lua
Última Resposta Por: Bruna T
Hoje 10:11 AM
» Respostas: 1
» Visualizações: 93
O Homem foi a Lua?
Última Resposta Por: Bruna T
Hoje 10:10 AM
» Respostas: 205
» Visualizações: 55858
Será que protestar nos leva a algum lado?
Última Resposta Por: CaféSemAçúcar
Hoje 09:03 AM
» Respostas: 3
» Visualizações: 95
O Estatuto dos Animais e Sua Liberdade.
Última Resposta Por: Bogoton
Hoje 08:51 AM
» Respostas: 39
» Visualizações: 3900
A engenharia social da pedofilia.
Última Resposta Por: jonas car
Ontem 10:29 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 124
Rússia considera "inaceitável" resposta militar ao ataque na Arábia Saudita
Última Resposta Por: Bruna T
Ontem 07:48 PM
» Respostas: 3
» Visualizações: 132
CPI da Lava Jato, vingança que afronta a Constituição
Última Resposta Por: Bruna T
Ontem 11:49 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 45
[VIDEO] 11 de Setembro: Uma Teoria da Conspiração (em cinco minutos)
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
Ontem 10:30 AM
» Respostas: 40
» Visualizações: 32107
FMI propõe fundo de US$100 bilhões contra aquecimento global
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
Ontem 09:26 AM
» Respostas: 9
» Visualizações: 5434
Fake News: Céu de São Paulo fica escuro por causa das queimadas na Amazônia
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 09:34 PM
» Respostas: 21
» Visualizações: 1620
Taiwan pede à China que cesse hostilidades em seus laços com a ilha
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 07:52 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 264
Que tipo de informação é vazada pelo seu navegador?
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 07:41 PM
» Respostas: 6
» Visualizações: 678
Edward Snowden: O maior perigo ainda está por vir, com os aprimoramentos de IA
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 07:40 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 112
Justiça gasta R$ 4,3 bilhões com dinheiro extra para juízes e desembargadores
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
16-09-2019 03:20 PM
» Respostas: 1
» Visualizações: 103
Google no banco dos réus? O cerco se fecha sobre as gigantes de tecnologia
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 12:44 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 52
Por que o socialismo não funciona?
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 12:39 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 55
2.246 bebês abortados foram encontrados na casa de um abortista
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 12:31 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 63
A Santa Sé no Clube Bilderberg?
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 11:39 AM
» Respostas: 4
» Visualizações: 446
Ataque à Aramco pode afetar cerca de 5% da produção mundial de petróleo bruto
Última Resposta Por: Bruna T
16-09-2019 11:17 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 47
Sinto, logo existo.
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
16-09-2019 10:13 AM
» Respostas: 29
» Visualizações: 4398
Cristina Martín, a mulher que desmascarou o clube Bilderberg
Última Resposta Por: Bruna T
14-09-2019 03:57 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 106
O experimento mais avançado do Big Brother da China é uma bagunça burocrática
Última Resposta Por: Bruna T
14-09-2019 03:56 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 73
EUA sancionam hackers norte-coreanos pelo Swift hack, WannaCry e outros ataques
Última Resposta Por: Bruna T
14-09-2019 03:55 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 59
Mais um produto falsificado Made in China: a democracia vendida por Pequim
Última Resposta Por: Bruna T
14-09-2019 03:54 PM
» Respostas: 6
» Visualizações: 249

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!

Camisetas:
camisetas resista à nova ordem mundial