Compre Spirulina e Chlorella da OceanDrop na Tudo Saudável


Atualizações: Operação Jade Helm

Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 4 Votos - 5 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
03-02-2016, 06:57 PM
Resposta: #1
Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
[Imagem: Surto-do-Zika-V%25C3%25ADrus-Ligado-%25C...icados.jpg]


Notícias Naturais


Céticos dos transgênicos como nós vêm alertando há anos sobre as consequências não intencionais da poluição genética. Mesmo quando organismos geneticamente modificados são liberados para o mundo com a melhor das intenções, tais ações podem causar estragos no ecossistema e na civilização humana de uma forma que simplesmente não podem ser prevista pelos mais bem-intencionados cientistas do mundo.

Agora nós podemos estar vendo a primeira terrível onda de destruição que pode ser desencadeada por organismos geneticamente modificados auto-replicantes. O Zika vírus, agora se espalhando com ferocidade desenfreada, parece ter sido causado pela liberação de mosquitos geneticamente modificados que os cientistas esperavam reduzir drasticamente infecções da dengue e malária.

"O surto de Zika vírus atualmente assolando as Américas poderia ter sido provocado pela liberação de mosquitos geneticamente modificados em 2012", relata o jornal britânico The Mirror. "Os insetos foram projetados por especialistas em biotecnologia para combater a propagação da dengue e outras doenças e liberado para a população geral do Brasil em 2012... As sub-espécies do mosquito Aedes aegypti que transporta os vírus Zika e da dengue eram os tipos que eram os alvos dos mosquitos geneticamente modificados".

Mas algo deu terrivelmente errado.

Como apontado neste artigo fantástico por AntiMedia.org, os engenheiros genéticos que executam esta enorme experiência ao ar livre com mosquitos e seres humanos deixou de considerar o impacto de antibióticos no ambiente causados ​​por seu uso pesado em operações agrícolas.

Como o AntiMedia relata:

Somente o macho modificado do mosquito Aedes deve ser soltos na natureza - pois eles irão acasalar com suas colegas inalteradas. Uma vez a prole seja produzida, o modificado geneticamente supostamente aumentaria em quantidade e mataria as larvas antes de atingir a idade de reprodução - isto se a tetraciclina não estiver presente durante o seu desenvolvimento...

De acordo com um documento não classificado do Comité de Comércio e Agricultura datada de fevereiro de 2015, o Brasil é o terceiro maior "consumidor de antimicrobianos global na produção de alimentos de origem animal". Ou seja, o Brasil está em terceiro lugar no mundo na utilização de tetraciclina em sua comida para animais. Como um estudo da Sociedade Americana de Agronomia explicou, "Estima-se que aproximadamente 75% dos antibióticos não são absorvidos pelos animais e são excretados no lixo." Um dos antibióticos (antimicrobianos) ou especificamente mencionados nesse relatório para a sua persistência ambiental é tetraciclina.

A presença de antibióticos faz com que os mosquitos, que supostamente iriam morrer, sobrevivam e se reproduzam. Esses mesmos mosquitos geneticamente modificados podem então atacar humanos, injetando-os com o Zika vírus que agora está causando mutações horríveis na formação da cabeça e do cérebro em crianças.

Toda uma nova epidemia causada pela engenharia genética que altera ecossistemas inteiros

Pelo menos 4.000 bebês no Brasil nasceram com microcefalia em apenas nos últimos quatro meses, e a propagação do Zika vírus está explodindo rapidamente. Abaixo está apenas uma foto que mostra as deformações terríveis que se acredita ser causado pelo Zika vírus, transmitido por mosquitos:



À medida que mais relatos de crianças deformadas continuam aparecendo, a mídia está pirando, o CDC está pirando e o governo EUA está pirando, exigindo chamadas urgentes para ainda mais vacinas. De forma alarmante, os mesmos cientistas que pressionaram pela liberação dos mosquitos geneticamente modificados que podem ter causado tudo isso também já estão clamando por mais mosquitos geneticamente modificados, que alegam que irá resolver este problema.

Mas a incompetência e corrupção do governo e da ciência nunca foram mais evidentes: Nenhum dos testes com mosquitos transgênicos aconteceram na presença de tetraciclina ou outros antibióticos que são agora onipresentes no meio ambiente devido ao uso pesado de drogas em operações de fábrica de fazenda.

Mãe Natureza não é obediente à perigosa ciência da biotecnologia

Tal como acontece com as culturas transgênicas, esses mosquitos transgênicos foram liberados na natureza por cientistas arrogantes e incompetentes que assumem que a Mãe Natureza vai se comportar da maneira que querem. Mas a Mãe Natureza não recebe ordens das corporações de biotecnologia, e ao que parece, a vida tem um jeito de encontrar caminhos para a sobrevivência que os cientistas nunca parecem entender.

É por isso que os transgênicos são uma enorme ameaça para a civilização humana, e é por isso que os meios de comunicação que odeiam a vida como Forbes.com e Wikipedia são tão perigosos na sua propaganda da indústria de biotecnologia (empurrado por pagos shills setor de biotecnologia, como Henry Miller, Jon Entine , Keith Kloor e Kevin Folta). Veja a lista completa dos chamados membros da "Mafia Monsanto" (incluindo jornalistas prostitutas pagas como Amy Harmon e Tamar Haspel) em MonsantoMafia.com (em inglês).

Aqui está o tipo de sofrimento que a humanidade irá agora testemunhar cada vez mais através de nosso mundo a medida que mais organismos geneticamente modificados destruírem ecossistemas e fazer com que os seres humanos sejam infectados com vírus mortais:



Aqueles que alertaram sobre as ameaças ao ecossistema foram maliciosamente rotulados como "anti-ciência"

Eu e muitos outros alertaram o mundo sobre tudo isso, e, em contrapartida, temos sido maliciosa e repetidamente ameaçados de morte, caluniados, difamados, banidos e rotulados como "anti-ciência". No entanto, agora o mundo está começando a ver porque éramos sábios: Nós avisamos ​​sobre esse exato cenário, sabendo que a Mãe Natureza não segue os desejos de empresas com fins lucrativos e as suas loucas experiências com o ecossistema.

O Zika vírus pode ser apenas o começo. Os transgênicos e seus produtos químicos relacionados estão agora devastando populações de abelhas, destruindo a microbiologia do solo, poluindo rios e oceanos, e contaminando o abastecimento de alimentos com herbicida glifosato causador de câncer, uma substância química que pode causar câncer em concentrações de apenas partes por trilhão.

Dois anos atrás, a EPA levantou calmamente o limite permitido de glifosato em lavouras de alimentos, vendendo o público, fazendo um favor para a Monsanto e outras empresas de biotecnologia. O resultado é que comer veneno causador de câncer é agora considerado "seguro" pela EPA - a mesma incompetente reguladora do governo corrupto que conscientemente permitiu que os filhos de Flint, Michigan, bebessem água com chumbo, mês após mês, sem avisar o público .

Transgênicos e a ANVISA / EPA / FDA / USDA... um novo tipo de guerra contra a humanidade

Temos agora que perceber que a indústria dos transgênicos e seus reguladores do governo em cativeiro (Anvisa, EPA, USDA, FDA) estão ativamente engajados em uma guerra contra a humanidade. Não é por acaso que Bill Gates, um advogado vocal de despovoamento humano, também está envolvido no mesmo tipo de mosquitos geneticamente modificados agora ligados à pandemia do Zika Vírus. Quando os globalistas considerarem todas as várias maneiras em que eles podem assassinar seis bilhões de pessoas e "salvar o planeta" da superpopulação, mosquitos e vírus modificados se tornam os vetores óbvias para realizar esse objetivo.

Veja o grupo de cientistas que ovacionou de pé o plano para matar 90 por cento da população humana com o Ebola por via aérea para mais um exemplo de como "cientistas" estão entusiasmados com a ideia de usar vírus e entrega pelo ar (via mosquitos ou não) a cometer o genocídio em massa contra humanidade. Este é o tipo de coisa que eles sonham desencadear em sua guerra contra um problema de população que eles acham que vai acabar com o mundo se não reduzirem drasticamente o número de pessoas que vivem em nosso planeta.

O Zika vírus, em outras palavras, pode até não ser um acidente. Se você dá a estes cientistas o crédito mais otimista possível, pode-se dizer que destina-se a um resultado positivo, mas não percebe os riscos de que eles estavam fazendo. Mas uma análise mais pessimista das suas ações pode razoavelmente concluir que eles estão testando um sistema de entrega de arma biológica contra a humanidade.

Só o tempo dirá qual interpretação está correta. Seja qual for o resultado, não se enganem, hoje a ciência biotecnológica é incrivelmente insensata, e as ações dessas corporações de biotecnologia estão colocando o próprio futuro da humanidade em risco extremo. Agora, ao que parece, a humanidade está começando a testemunhar o verdadeiro custo da arrogância ao brincar de Deus com a natureza.

Leia mais:


Mosquitos Transgênicos são Aprovados, mas Pesquisadores Temem Riscos


Mosquitos transgênicos? A Flórida não quer

Fontes:
- Fórum Notícias Naturais: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
- Notícias Naturais: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Natural News: Zika virus outbreak linked to release of genetically engineered mosquitoes... disastrous unintended consequences now threaten life across the Americas
Natural News: S.O.S. - Stop Out-of-Control Science by The Health Ranger
The Mirror: Was Zika outbreak caused by release of genetically modified mosquitoes in Brazil?
The AntiMedia: Zika Outbreak Epicenter in Same Area Where GM Mosquitoes Were Released in 2015
Truth Wiki: Forbes (Forbes.com)
Truth Wiki: Wikipedia
Truth Wiki: Henry I. Miller
Truth Wiki: Jon Entine
Truth Wiki: Keith Kloor – GMO Advocate
- Truth Wiki: Dr. Kevin Folta (University of Florida)
Truth Wiki: Amy Harmon – Author
Truth Wiki: Tamar Haspel – Washington Post columnist
Monsanto Mafia
Notícias Naturais: OMS: Glifosato da Monsanto Usado nos Trangênicos Pode Causar Câncer
Truth Wiki: Glyphosate
Natural News: EPA hid truth about glyphosate and cancer for decades to protect Monsanto's corporate profits
Natural News: It's not just Flint! Another town caught covering up lead in the water supply
Natural News: Depopulation-advocating globalist Bill Gates comes out in full push for totalitarian socialism, says 'democracy is a problem'
Natural News: Group of scientists gave standing ovation for plan to kill 90 percent of human population with airborne Ebola

O Blog Sobre A Nova Ordem Mundial
[Imagem: banner_blog_nom_200x87.png]

Visitar o website do usuário Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 14 usuários diz(em) obrigado a admin pelo seu post:
Alimah (08-02-2016), DeOlhOnafigueira (04-02-2016), Discharge (10-02-2016), Infinite (04-02-2016), John Dickinson (05-02-2016), Justo (04-02-2016), Marck Vini (04-02-2016), Mediador (04-02-2016), Minerim (04-02-2016), ObservadorInfo (04-02-2016), Padawan (05-02-2016), Salsichinha (05-02-2016), spyroots (05-02-2016), Sunabouzu (11-02-2016)
Desodorante Bion Vitta sem Alumínio ou Triclosan Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
04-02-2016, 10:40 AM
Resposta: #2
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
O Brasil não está compartilhando amostras e dados o suficiente sobre o zika para permitir que pesquisadores determinem se o vírus está realmente por trás dos casos de microcefalia, afirmam autoridades dos EUA e da Organização das Nações Unidas (ONU).

A falta de dados está forçando laboratórios americanos e europeus a trabalharem com amostras de surtos anteriores e está frustrando esforços para desenvolver testes diagnósticos, drogas e vacinas. Cientistas afirmam que não são capazes de acompanhar a evolução do vírus.
Um dos principais problemas parece ser a legislação brasileira. No momento, é tecnicamente ilegal para pesquisadores e institutos brasileiros compartilhar material genético, incluindo amostras de sangue contendo zika e outros vírus.
"É um assunto muito delicado, esse compartilhamento de amostras", afirmou Marcos Espinal, diretor de doenças comunicáveis da Organização Mundial da Saúde (OMS).
Espinal afirma que o problema deve ser resolvido por meio de discussões entre os presidentes dos EUA e do Brasil. Ele afirma que o papel da OMS é majoritariamente o de estimular países a compartilharem. Segundo ele, porém, é provável que o Brasil tenha providenciado menos de 20 amostras até agora para colaboradores fora do país.
"Não é possível deixar isso para ser resolvido depois", ele afirmou. "Esperar é sempre arriscado durante uma emergência."
Mesmo quando queremos mandar esse material [amostras do vírus] para o exterior, não podemos, porque é considerado um crime"
Paulo Gadelha, presidente da Fundação Oswaldo Cruz
Bioburocracia
Em maio de 2015, quando os primeiros casos de zika estava emergindo no Brasil, a presidente Dilma Rousseff sancionou uma nova lei para organizar como pesquisadores usam os recursos genéticos do país. Mas o arcabouço legal não foi regulamentado ainda, deixando cientistas em um limbo jurídico.
"Até que a lei seja implementada, somos legalmente proibidos de enviar amostras para fora", afirmou Paulo Gadelha, presidente da Fundação Oswaldo Cruz, um dos maiores centros de pesquisa em doenças tropicais no país. "Mesmo quando queremos mandar esse material para o exterior, não podemos, porque é considerado um crime."
A proibição não necessariamente significa que pesquisadores estrangeiros não possam ter acesso a amostras. Algumas foram compartilhadas com os EUA, incluindo amostras de tecido de dois recém-nascidos que morreram e dois fetos recentemente examinados pelos Centros de Controle e Prevenção dos EUA (CDC).
Mas uma autoridade americana afirmou que isso não é suficiente para desenvolver testes precisos para o vírus ou determinar se o zika está de fato por trás do recente aumento no número de casos de defeitos congênitos. O fenômeno fez a OMS declarar o vírus uma emergência internacional na segunda-feira (1º).
Caso relação seja comprovada, professor diz que pesquisa mostrará detalhes importantes sobre o zika, como mês de maior risco à gestante

Dada a escassez de amostras brasileiras, autoridades sanitárias ao redor do mundo estão recorrendo a cepas (linhagens) antigas do vírus – ou discretamente obtendo-as de pacientes por meio de instituições privadas.
Um funcionário de saúde dos EUA que concedeu entrevista sob anonimato afirma que os CDC estão trabalhando com uma linhagem de zika de um surto de 2013 na Polinésia francesa para aperfeiçoar seus testes. Pesquisadores americanos tentando sequenciar o código genético do zika se viram obrigados a trabalhar com amostras de vírus de Porto Rico pela mesma razão.
Nossa única fonte [de amostras do vírus] são pessoas ricas que querem um diagnóstico"
Jonas Schmidt-Chanasit, especialista alemão
Na Inglaterra, pesquisadores estão usando amostras obtidas na Micronésia, no Pacífico, onde ocorreu um surto em 2007. Os franceses estão usando amostras da Polinésia e da Martinica. Na Espanha, cientistas obtiveram uma linhagem de Uganda, por intermédio dos EUA.
Nem mesmo Portugal, país que compartilha laços históricos com o Brasil, não possui cepas brasileiras do vírus. O Instituto Nacional de Saúde em Lisboa afirma que seus testes são baseados em uma cepa obtida dos EUA nos anos 1980, ente outras.
Alguns pesquisadores estão contornando a burocracia brasileira ao obter amostras enviadas a eles por laboratórios de diagnósticos privados, afirma Jonas Schmidt-Chanasit, especialista em doenças transmitidas por mosquitos no Instituto Bernard Nocht de Medicina Tropical em Hamburgo, Alemanha.
"É quase impossível conseguir amostras do país", diz. "Elas não estão vindo por canais governamentais oficiais. Nossa única fonte são pessoas ricas que querem um diagnóstico."
Condenação pública
Em público, autoridades sanitárias têm elogiado o clima de colaboração. A diretora-geral da OMS, Margaret Chan, afirmou na segunda-feira que o Brasil e o EUA estavam trabalhando "muito de perto" nos estudos. Quando questionado sobre o compartilhamento de amostras, Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Doenças Alergênicas e Infecciosas dos EUA (NIAID), disse: "Não acho que seja um problema".
Nos bastidores, a história é outra.
A OMS não obteve nada de lá [do Brasil], nenhuma descoberta clínica ou de laboratório"
Autoridade da OMS, sob anonimato
Quatro autoridades da OMS, concedendo entrevista sob anonimato, afirmaram que o Brasil não está passando informação atualizada suficiente a parceiros internacionais. "A OMS não obteve nada de lá, nenhuma descoberta clínica ou de laboratório", afirmou um deles.
Ben Neuman, virologista da Universidade de Reading, na Inglaterra, afirma que milhares de amostras – ou ao menos centenas – são necessárias para rastrear o vírus e determinar como ele está se modificando. "A ciência só funciona quando compartilhamos", disse.
"O problema de compartilhamento de vírus não está limitado ao Brasil", afirma Gadelha, da Fiocruz. "Isso não é um problema unilateral, é global", afirmou.
Mais de uma década atrás, a OMS enfrentou um problema similar quando a Indonésia se recusou a entregar amostras de gripe aviária, argumentando que cientistas ocidentais as usariam para fabricar drogas que o país não poderia adquirir.
Lawrence Gostin, diretor do Centro de Colaboração para Legislação Sanitária e Direitos Humanos da Universidade de Georgetown, em Washington, afirma que não há regras que obriguem governos a entregar vírus, tecidos ou informações biológicas. "Se países não compartilham, a única repercussão que enfrentam é a condenação pública", diz.
Fonte: G1 - 04/02/2016

Se estão escondendo é porque realmente não existe vírus nenhum. É só os nossos governantes seguindo a agenda da NOM.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 7 usuários diz(em) obrigado a Eu Acredito pelo seu post:
Guigo Xavier (05-02-2016), MARCELO DF (04-02-2016), Marck Vini (04-02-2016), ObservadorInfo (04-02-2016), Padawan (05-02-2016), pequeno gafanhoto (04-02-2016), Salsichinha (05-02-2016)
04-02-2016, 12:01 PM
Resposta: #3
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Imaginem se alguma organização decide implantar suas ideologias em determinados locais, e para este fim, deve seguir aquele esquema de criar uma crise para apresentar determinada solução desejada. Primeiro, sob a desculpa de 'querer ajudar', cria-se um organismo geneticamente modificado, e sem que sejam feitos testes relevantes, tal organismo é liberado no meio ambiente. E como o próprio Darwin (cuja teoria 'eles' tanto defendem) disse, a seleção natural irá separar os vencedores dos perdedores.
Aliado à isto, temos este fator dos antibióticos, que apenas torna o ambiente 'perfeito' para a propagação de qualquer vírus ou doença.

Mas qual seria o objetivo de criar essa nova 'epidemia' (como já tantas outras já houveram)?

Minha opinião é que 'eles' querem mudar a legislação dos países afetados para então legalizar o aborto, e continuar com sua agenda de colonização cultural global.

Pois é, caros amigos anti nom, tá ficando feio. É tudo incrivelmente revoltante e me causa nojo destes que abraçaram o mal!
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 6 usuários diz(em) obrigado a CICLANO pelo seu post:
DeOlhOnafigueira (04-02-2016), Guigo Xavier (05-02-2016), John Dickinson (05-02-2016), MARCELO DF (04-02-2016), ObservadorInfo (04-02-2016), pequeno gafanhoto (04-02-2016)
04-02-2016, 01:33 PM
Resposta: #4
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Não, não faça isso a deusa Ciência é tão pura e casta é mil vezes virgem e inocente. Eu não creio que seus sarcedotes de jaleco branco possam cometer erros e é insolente de sua parte afirmar que qualquer coisa produzida pela deusa ciência produz maléficos e é pura heresia, pura HERESIA ( estou babando de raiva) com essa sua insinuação de que isso pode ser programado. O governo nunca permitiria. Quanto a Monsanto, bem, eles só querem o bem da humanidade. É claro que é apenas um detalhe eles considerarem 90% da humanidade não tão humana assim e por isso querer a todo custo controlar a produção de alimentos e a distribuição da mesma, para quem sabe num futuro próximo criar uma falsa quebra de produção e matar bilhões de fome.

Não julgue mal a deusa ciência, vai ver que ela é pura como uma semente de milho transgênico e a culpa mesmo é do governo. Ah! Se fôssemos geridos pelos cientistas, seria uma bela coisa. Tudo planejado. Esse pode nascer, aquele ali não, tantas pessoas podem morar aqui e só essas. Devemos ingerir determinadas calorias e não outras, Deus não existe proiba-se a religião e coloque em seu lugar o culto ao número Pi, o glorioso que apesar de ser apenas uma ideia permeia o Universo e a natureza.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 4 usuários diz(em) obrigado a MARCELO DF pelo seu post:
Guigo Xavier (05-02-2016), Minerim (04-02-2016), Padawan (05-02-2016), Sunabouzu (11-02-2016)
Compre Cúrcuma em Pó na Tudo Saudável
04-02-2016, 04:03 PM (Resposta editada pela última vez em: 04-02-2016 04:04 PM por DeOlhOnafigueira.)
Resposta: #5
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Excelente tópico.

A tristeza é que nenhuma autoridade devidamente reconhecida divulgará isso.

E em relação ao caos no mundo, devido a zica, vergonhosamente no Brasil, praticamente nenhuma providência de fato foi tomada.

Absurdamente o tal kit que descobre antes da doença ficar crônica, teria sido encomendado pelo Governo Federal e somente daqui a 2 meses será produzido. E depois, ainda, será distribuído. No momento os médicos somente avaliam através dos sintomas, com grande margem de erros.

Nos EUA, no primeiro caso constatado, o Governo soou o alarme e tomou medidas. No Brasil, burlam as pesquisas. E o Governo diz que "está tudo sob controle".

Enfim, esse é o Brasil. O país do PT. E de um povo que somente toma alguma atitude quando o problema lhe atinge diretamente. E enquanto isso não acontece, danem-se todos. É cada um para sí.

Bom, mas é isso. Vou alí... vigiar se o vizinho está deixando água parada no quintal. Farei a minha parte. Por enquanto, é assim que estamos...

Vergonhoso.

_____________________________________________________
Blog DeOlhOnafigueira
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 4 usuários diz(em) obrigado a DeOlhOnafigueira pelo seu post:
John Dickinson (05-02-2016), Marck Vini (04-02-2016), Mediador (04-02-2016), Sunabouzu (11-02-2016)
05-02-2016, 08:47 AM (Resposta editada pela última vez em: 05-02-2016 09:27 AM por Guigo Xavier.)
Resposta: #6
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
(04-02-2016 12:01 PM)CICLANO Escreveu:  Imaginem se alguma organização decide implantar suas ideologias em determinados locais, e para este fim, deve seguir aquele esquema de criar uma crise para apresentar determinada solução desejada. Primeiro, sob a desculpa de 'querer ajudar', cria-se um organismo geneticamente modificado, e sem que sejam feitos testes relevantes, tal organismo é liberado no meio ambiente. E como o próprio Darwin (cuja teoria 'eles' tanto defendem) disse, a seleção natural irá separar os vencedores dos perdedores.
Aliado à isto, temos este fator dos antibióticos, que apenas torna o ambiente 'perfeito' para a propagação de qualquer vírus ou doença.

Mas qual seria o objetivo de criar essa nova 'epidemia' (como já tantas outras já houveram)?

Minha opinião é que 'eles' querem mudar a legislação dos países afetados para então legalizar o aborto, e continuar com sua agenda de colonização cultural global.

Pois é, caros amigos anti nom, tá ficando feio. É tudo incrivelmente revoltante e me causa nojo destes que abraçaram o mal!

Bem colocado.

E outra, a legislação já está autorizando a entrada dos agentes de saúde sem permissão do dono da casa em virtude dessa tal epidemia. Os caras poderão entrar em casas vasculhar tudo "atrás de focos do mosquito". Restringindo, ainda mais, as liberdades individuais.

Tu também tenho em mente que é difícil ligar esse zika a má formação fetal. São tantos fatores que levam a isso que ligá-la a zika me parece inconsistente.

Vejamos:

De zika a rubéola: as doenças que podem causar más-formações em fetos

Não é só o vírus zika que pode trazer complicações para o bebê se a mãe for infectada durante a gravidez. Outras doenças podem provocar problemas na formação do feto, sobretudo se adquiridas pela mulher nos três primeiros meses de gestação.
Rubéola, toxoplasmose, sífilis e infecções causadas pelo citomegalovírus são as principais causas conhecidas de más-formações fetais – entre elas a microcefalia, quando o bebê nasce com o diâmetro da cabeça igual ou inferior a 32 centímetros.
A rigor, no entanto, muitas infecções consideradas banais, como a gripe, podem, ainda que raramente, acarretar problemas para o embrião. Sem falar em outras condições, como o uso de drogas e o consumo excessivo de álcool, ou mesmo a exposição à radiação. E há também as causas genéticas: alterações no cromossomo que podem provocar danos cerebrais.

"A microcefalia pode ocorrer sempre que houver uma lesão cerebral significativa na fase de crescimento acelerado do cérebro, não é um problema específico de uma doença ou condição", explica o chefe da neuropediatria da Unifesp, Luiz Celso Vilanova. "Essa fase de crescimento é crucial nos primeiros três meses de gestação, mas se estende ainda por meses após o parto."
Até a constatação da relação entre o zika e o nascimento de bebês com microcefalia, o grande temor das grávidas sempre foi a rubéola. A infecção durante a gravidez pode causar diferentes tipos de má-formação fetal. Problemas de audição, de visão, doenças ósseas, alterações cardíacas e microcefalia são algumas das complicações decorrentes da infecção na gestante.

Mas a vacina existe e já está, inclusive, disponível no calendário regular de vacinação, o que vem fazendo diminuir muito a ocorrência da doença. O problema tende a se tornar cada vez mais raro, como aconteceu com o sarampo.
"Houve uma época em que havia enfermarias só para casos de sarampo", lembra o pediatra e infectologista Paulo Cesar Guimarães, diretor da Faculdade de Medicina de Petrópolis. "Hoje, isso não existe mais."

O sarampo também era uma das doenças que causava problemas aos fetos, mas, agora, com a vacinação em massa da população, deixou de ser uma ameaça. Eventualmente, com a interrupção da vacinação por algum motivo, o risco pode retornar – daí a importância de se seguir à risca o calendário de vacinas, alertam os especialistas.
Uma infecção para a qual não há vacina e com a qual as grávidas devem tomar cuidados é a toxoplasmose. A doença é causada por um protozoário que pode estar presente nas fezes de felinos e também em carnes malpassadas. Em geral se trata de uma febre branda.

"Normalmente é uma doença simples, que passa despercebida", explica o obstetra e ginecologista Alex Sandro Rolland de Souza, especialista em medicina fetal do Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), um dos centros de referência para microcefalia de Recife. "Na gravidez, no entanto, pode causar más-formações cerebrais no feto, entre elas a microcefalia."
Existe tratamento para a toxoplasmose e, se a doença for diagnosticada rapidamente, o risco de acarretar problemas para o feto diminui muito.
Outras infecções que podem causar problemas são aquelas causadas por citomegalovírus. Embora a infecção em si não seja grave, em geral apenas uma febre branda, as consequências para o feto podem ser sérias, sobretudo porque não há tratamento para a doença. No feto em formação essas infecções podem causar alterações no sangue, problemas de audição, microcefalia.

A sífilis é um outro problema para o qual as grávidas devem estar alertas. A doença, causada por uma bactéria, é sexualmente transmissível. Antigamente, quando não havia penicilina, representava um grande problema de saúde. Hoje, continua sendo considerada uma doença grave, porém tratável. No entanto, se acometer grávidas, pode trazer complicações de formação fetal, sobretudo anomalias ósseas.

De acordo com os médicos, cada uma dessas doenças ou condições que podem acometer as grávidas promovem alterações de formação relativamente similares.
Mas há particularidades dependendo de cada caso. Por exemplo, a rubéola é a única a provocar complicações cardíacas, enquanto que no caso da toxoplasmose, as complicações costumam ser mais oculares. A má-formação do crânio pode ocorrer em decorrência de todas elas, também com algumas peculiaridades.
"As infecções pelo citomegalovírus costumam provocar os danos mais extensos, mas isso pode variar muito", afirma Vilanova. "E sempre há casos de apresentações não usuais."
Para o chefe da neuropediatria da Unifesp, ainda é cedo para falar de características específicas dos casos de microcefalia relacionados ao vírus zika.
"Temos ainda poucos casos comprovados cientificamente da relação entre o zika e a microcefalia para tirarmos um padrão conclusivo", diz ele. "Por enquanto, há muitos casos inferidos (em que a mãe relata ter tido um problema cujos sintomas são similares aos do zika, mas sem comprovação por teste). Estamos na fase inicial do problema e querer tirar conclusões definitivas é muito precoce."
Um fator que conta muito para a extensão da lesão, no entanto, é o momento em que a gestante contrai a doença. Os especialistas concordam que o período mais crítico da gestação é o primeiro trimestre. Os primeiros três meses da gravidez equivalem ao período em que os principais órgãos e sistemas do embrião estão se formando e qualquer agente externo pode ter um impacto grave neste processo.

"De maneira geral, podemos dizer que quanto mais precoce (na gravidez) for a ocorrência da doença, mais graves são as repercussões que podem ser causadas no feto", explicou Rolland de Souza.
Em estágios mais avançados da gravidez – e, sobretudo, no final –, a repercussão tende a ser muito branda ou mesmo nula.
A prevenção desses problemas, obviamente, varia. A mulher deve sempre estar vacinada para as doenças cujos imunizantes estão disponíveis. Deve se prevenir de picadas de mosquitos, usando repelente ou andando mais coberta. Deve evitar a ingestão de carne malpassada e o contato com fezes de gato, no caso da toxoplasmose. E deve evitar locais fechados com muita aglomeração de pessoas – ambiente propício para o citomegalovírus e outros vírus mais comuns.
"Mas, claro, sempre existe um risco", diz Luiz Celso Vilanova.
Rolland de Souza lembra ainda que embora a dengue e a chikungunya sejam também febres causadas por um arbovírus, como a zika, nunca se estabeleceu nenhuma relação entre a infecção por essas doenças e o nascimento de bebês com problemas de formação.
"E a dengue, como é uma doença mais grave, que pode levar à morte, é muito mais estudada, há muito mais tempo, e em várias partes do mundo", acrescenta Paulo Cesar Guimarães. "E nunca nada neste sentido foi constatado."
Rolland de Souza lembra, no entanto, que entre as gestantes que contraíram dengue ou chikungunya se nota uma taxa maior de partos prematuros. E, portanto, as gestantes devem estar atentas ao problema.

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2...ika_lab_rj

Então, esse "surto" de microcefalia me parece mais campanha para divulgar casos que já aconteciam. Escutei na rede globo esses dias, 4000 casos SUSPEITOS de zika e 100 CONFIRMADOS. Ora, 100 casos não gera crise na saúde mundial, por favor.

Outros fatores que me levam a crer que isso é mais uma manobra do poder.

Econômico

Desde que essa campanha começou um ramo específico da indústria farmacêutica está rolando de ganhar. Repelentes com um agente específico estão esgotados.
Daqui a pouco mais uma vacina de uso obrigatório para toda uma sociedade com um produto pouco estudado. Daqui a alguns anos, veremos a notícia, "Agência mundial de saúde alerta que o medicamento "PQP" vem causando uma séria de danos a saúde". Vide o caso mais recente do, muito consumido, Nimisulida, pelos danos que causados ao estômago.

Crise política

O foco dos problemas de corrupção desse país estão ficando em segundo plano nas notícias. O mosquito está roubando a cena em ano de eleição municipal tão importante.

Temos todos os poderes podres e quando fazem uma campanha dessa todos acreditamos. O Poder não se preocupa com a gente. Até parece que querem que fiquemos protegidos contra perigos. Ai junta todos os agentes mais repugnantes do sistema para nos alertar ? Eu não tomo uma vacina, um remédio, um repelente. Deus é que sabe a hora da minha morte. Vou manter meu sistema imunológico forte, minha alimentação saudável, exercícios e paz, principalmente esta que evita tantas doenças psicossomáticas.

Ao que tudo indica, é a doença anual que gera milhões para a industria e nos amedronta artificialmente e beneficiam o poder com o medo.

Não descarto a possibilidade do tópico. Mas, não acredito que estão preocupados com nossa saúde.

É mais uma gripe suína, aviária, H1N1... cada ano uma coisa.

(04-02-2016 01:33 PM)MARCELO DF Escreveu:  Não, não faça isso a deusa Ciência é tão pura e casta é mil vezes virgem e inocente. Eu não creio que seus sarcedotes de jaleco branco possam cometer erros e é insolente de sua parte afirmar que qualquer coisa produzida pela deusa ciência produz maléficos e é pura heresia, pura HERESIA ( estou babando de raiva) com essa sua insinuação de que isso pode ser programado. O governo nunca permitiria. Quanto a Monsanto, bem, eles só querem o bem da humanidade. É claro que é apenas um detalhe eles considerarem 90% da humanidade não tão humana assim e por isso querer a todo custo controlar a produção de alimentos e a distribuição da mesma, para quem sabe num futuro próximo criar uma falsa quebra de produção e matar bilhões de fome.

Não julgue mal a deusa ciência, vai ver que ela é pura como uma semente de milho transgênico e a culpa mesmo é do governo. Ah! Se fôssemos geridos pelos cientistas, seria uma bela coisa. Tudo planejado. Esse pode nascer, aquele ali não, tantas pessoas podem morar aqui e só essas. Devemos ingerir determinadas calorias e não outras, Deus não existe proiba-se a religião e coloque em seu lugar o culto ao número Pi, o glorioso que apesar de ser apenas uma ideia permeia o Universo e a natureza.

Amém!

E quando as pessoas tentam alertar dos enganos a que estão submetidos, somos loucos. É tudo cabeça de paranoico! Conspiracionista maluco!!!

"Não é quem eu sou por dentro e sim o que eu faço é que me define." Batman.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 3 usuários diz(em) obrigado a Guigo Xavier pelo seu post:
John Dickinson (05-02-2016), spyroots (05-02-2016), Sunabouzu (11-02-2016)
05-02-2016, 10:55 PM
Resposta: #7
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Fiocruz detecta vírus zika com potencial de infecção em saliva e urina


[Imagem: coletivafiocruz1-400x260.jpg]
Pesquisadores da Fiocruz anunciam descoberta sobre zika vírus em coletiva nesta sexta-feira (Foto: Henrique Coelho/G1 RJ)


Detecção não significa que a transmissão por esses fluidos está comprovada.

Mais estudos são necessários para entender melhor se ocorre transmissão.


O presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Paulo Gadelha, disse nesta sexta-feira (5), no Rio, que o zika vírus foi encontrado de forma ativa na urina e na saliva. A descoberta foi feita a partir da análise de amostras de dois pacientes com sintomas compatíveis com o vírus zika.

Segundo Gadelha, isso "muda o patamar e a forma que estamos tendo que desdobrar as pesquisas". No entanto, "o significado dessa descoberta na transmissão ainda deve ser esclarecido".

Os cientistas observaram que o material coletado nas amostras dos pacientes - além de conter a presença do vírus zika, confirmada pelos chamados testes PCR - também foi capaz de provocar danos em células em testes de laboratório.

Isso comprova a atividade viral, segundo os cientistas. Ainda assim, pesquisas aprofundadas serão necessárias para comprovar se necessariamente haverá infecção através de fluidos.

"O fato de haver um vírus ativo com capacidade de infecção na urina e na saliva não é uma comprovação ainda, nem significa que necessariamente o será, que há possibilidade de infecção de outas pessoas de maneira sistêmica através desses fluidos", disse Gadelha.

"Antes, só foram encontradas partículas não infecciosas. Mas ainda é preciso pesquisar para saber se é possível que se infecte outra pessoa", reforçou.

Ministério da saúde pede cautela


Depois do anúncio da Fiocruz, o Ministério da Saúde recomendou que as pessoas adotem "cautela e prevenção" e reforcem medidas de higiene para evitar o contágio pelo vírus zika.

Entre as medidas sugeridas estão evitar compartilhar objetos de uso pessoal, como escovas de dente e copos, e lavar as mãos com frequência.

A Fiocruz também fez uma série de recomendações. O cuidado com gestantes é uma preocupação da pesquisa, segundo Gadelha.

"Recomendamos às gestantes que evitem grandes aglomerações, que evitem que compartilhem copos e materiais levados à boca. Pessoas que convivam com gestantes e tenham sintomas de zika devem ter uma responsabilidade adicional", afirmou.

"A evidência de hoje não faz com que nos digamos às pessoas que elas não podem ir para o carnaval", acrescentou Gadelha. Perguntado sobre a situação dos solteiros no carnaval em relação à possibilidade de infecção por Zika através da saliva, ele enfatizou que o maior cuidado tem de ser com as gestantes.

"O risco estará aumentando. Mas não temos isso (evitar o beijo) como uma medida de saúde pública, pelo amor de Deus. Pode beijar!", exclamou.

O fato de haver a possibilidade de contaminação por urina e saliva, segundo a Fiocruz, não diminui a necessidade de se combater o mosquito Aedes aegypti.

Apesar da descoberta, a Fiocruz acredita que não há possibilidades altas de contaminação por zika durante os Jogos Olímpicos do Rio, realizados em agosto.

"O mês de agosto é um mês de baixa transmissão vetorial. Já está sendo feito um trabalho para o controle de vetores. A população agora talvez entenda que tem que ajudar neste controle", afirmou Gadelha.

Regular para colaborar


O presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, afirmou que tem a informação de que algumas amostras brasileiras de zika já começaram a ser enviadas para a Organização Mundial de Saude, mas alertou que é preciso regulação para que haja uma melhor colaboração com a comunidade científica internacional.

Uma reportagem da agência AP citou nesta quinta que, segundo cientistas estrangeiros, o Brasil não está compartilhando amostras do vírus como se espera.

Gadelha é citado alegando ser ilegal enviar amostras desse tipo. O G1 ouviu o Ministério da Saúde e o Ministério do Meio Ambiente, e eles afirmaram que não haveria empecilho legal neste caso.

"Isso tudo tem que estar sob proteção e formas de regulação para que haja uma colaboração horizontal. Temos que ter cuidado também com a biopirataria, com a qual muitos países já sofreram", afirmou Gadelha. Segundo ele, há entraves na regulação que podem trazer "insegurança jurídica", detalhou.

"Há interpretação de quem um material genético seja patrimônio do vírus, ou seja, nacional. Outros acham que seja de patrimônio genético humano, então poderia ser levado a outros países", explicou.

- Fiocruz detecta a presença de vírus Zika com potencial de infecção em saliva e urina




FONTE: globo.com
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a John Dickinson pelo seu post:
Sunabouzu (11-02-2016)
Compre o Melhor do Mel e Derivados na Tudo Saudável
06-02-2016, 03:53 PM
Resposta: #8
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Causa da Microcefalia não é Zika Vírus, pode ser as vacinas em gestantes; diz estudo.


[Imagem: ITuqWpJ.png]

Autor do estudo: Dr. Plínio Bezerra dos Santos Filho, PhD. Realizou estudo e assinou denúncia junto ao Ministério Público. Vale à pena conferir.

Microcefalia em Pernambuco e Brasil. Acabo de fazer uma denúncia assinada junto ao Ministério Público Federal. Ver abaixo:

Denúncia de Crime contra a população brasileira, uma sequência de erros e procedimentos grosseiros, realizados pelo Ministério da Saúde, SUS, seus institutos associados e suas autoridades constituídas, que provocaram e continuam provocando a atual crise de MICROCEFALIA (MC) em todo o Brasil. Análise mais detalhada e específica de dados e fatos referentes ao Estado de Pernambuco.

Autor: Dr. Plínio Bezerra dos Santos Filho, PhD Pós-doutor pelas universidades americanas de Harvard, Washington University em St. Louis e North Carolina State University; Doutor pela Washington University em St. Louis; Mestre e Bacharel em Física pela UFPE; Áreas de atuação: Ressonância Magnética, com trabalhos em neurologia, próstata, Física do Estado Sólido, entre outros.

RESUMO DESTA DENÚNCIA


A crise de Microcefalia (MC) que surgiu no Estado de Pernambuco, com um pico máximo de casos em novembro de 2015, não se deve ao vírus ZIKV e nem é uma epidemia. Quatro fatos-causa principais existem e claramente explicam os dados, números de casos e períodos das notificações.

Os dados que aqui reporto e analiso estão sob o domínio público, na imprensa e Ministério da Saúde, podendo ser verificados.

Não fui permitido acesso a dados mais completos e precisos oficiais, o que, a meu ver, tornariam esta denúncia ainda mais evidente, por recuar o pico máximo da Microcefalia em Pernambuco para trás no tempo em um mês ou mais.

Atenho-me ao Estado de Pernambuco, em grande parte desta denúncia, pois é o que possui dados divulgados ao público de forma mais completa e também é o marco inicial da notificação compulsória da MC no Brasil.

Os 4 fatos-causa que explicam o comportamento temporal do gráfico que apresento são:


A) O pico máximo do número de casos em Pernambuco corresponde a um primeiro trimestre de gestação entre janeiro e abril de 2015 com nascimentos macrocefálicos. Isso se deve à vacinação de mulheres em período fértil contra o sarampo com a vacina tríplice, que contém o vírus vivo da rubéola. No Ceará, esta vacinação contra o sarampo em mulheres no período fértil com a vacina tríplice continuou até meados de abril;

B) O alarmante número de casos, que começam a aparecer em agosto-outubro de 2015, provoca a compulsoriedade, pelo Ministério da Saúde, de notificação de Microcefalia em todo o país. A obrigatoriedade de notificação pelo Ministério da Saúde aumenta o pico e alarga a curva gráfica em torno do seu máximo;

C) A causa que provocou o pico máximo de casos de microcefalia em novembro de 2015, nos dados para Pernambuco, fica rarefeita e é substituída, na atualidade, por outro fato-causa que embora presente nas notificações iniciais, era pouco evidente. Em novembro de 2014, o Ministério da Saúde inclui a vacinação contra Difiteria, Tétano e Pertussis no protocolo pré-natal de gestantes no último trimestre de gestação, a partir do sexto mês de gravidez; e

D) O pico máximo de casos de Dengue no Estado de Pernambuco é entre 20 de março e 10 de abril de 2015 e isso requereria, por associação, desde que temos o mesmo mosquito vetor, um pico máximo no gráfico de Microcefalia entre final de dezembro e início de janeiro de 2016 e não em novembro de 2015 como tivemos. Isso, por si só, colocaria possíveis efeitos do ZIKV como causador de Microcefalia em importância menor e não como o principal causador da Microcefalia.

APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS GRÁFICOS ANEXOS


É necessário lembrarmos que uma gravidez humana tem em média 9 meses.

O gráfico da Microcefalia em Pernambuco, notificação-a-notificação no tempo, mostra um evento com máximo em cerca de 20 novembro de 2015, curva VERMELHA; a totalidade dos casos notificados é apresentada na curva AZUL.

[Imagem: img_1335.jpg?w=720&h=397]

As curvas são baseadas em estatística muito simples, como as usadas para análise de epidemias. O número de casos é associado ao seu instante de notificação no tempo.

Três retângulos coloridos registram, no gráfico, regiões de interesse:

[Imagem: img_1334.jpg?w=720&h=420]

i) O retângulo vermelho, de 20 de setembro de 2015 a 18 de janeiro de 2016, marca a região da curva com notificações de Microcefalia em Pernambuco;

ii) Tomando-se o centro do retângulo vermelho e recuando todo este retângulo vermelho 9 meses no tempo, uma gestação, temos o retângulo violeta. O retângulo violeta corresponde à região no tempo de 1 de janeiro a 30 de abril de 2015. Um nascimento de microcefálico na curva do retângulo vermelho tem, necessariamente, um início de gestação no retângulo violeta, data em média 9 meses anterior;

iii) O retângulo amarelo, de 8 de novembro a 31 de dezembro de 2015, corresponde à vacinação contra sarampo em Pernambuco pelo SUS. Devido possivelmente à Copa do Mundo de Futebol, muitos estados e em sua maioria no Nordeste, apresentaram sarampo em forma quase epidêmica, entre 2013 e 2014;

iv) A curva vermelha e fina entre 15 de fevereiro e 30 de junho de 2015, com o seu máximo no início de abril, registra, para completude desta denúncia, a epidemia de Dengue em Pernambuco para 2015.

FATOS-CAUSAS, de A a D, acima:


A) VACINA TRÍPLICE: As chamadas públicas e oficiais para vacinação contra sarampo em Pernambuco, pelo Ministério da Saúde e SUS, foram de de 8 de novembro a 31 de dezembro de 2014. Isso foi devido às centenas de casos de sarampo em PE e CE.

No Ceará, a vacinação foi estendida até meados de abril de 2015 e inclusive com visitação para vacinação a domicílio. Nas chamadas oficiais, o convite é feito para a vacinação de mulheres em período fértil contra o sarampo.

Se a mulher em período fértil engravidar em até 3 meses após a vacinação ou se estiver grávida, no início da gestação e não o souber, os efeitos do Rubella Virus da vacina tríplice são devastadores ao feto e são conhecidos há décadas.

Problemas encefálicos, visuais ou cardíacos no feto/recém-nascido podem ser facilmente encontrados na literatura deviso à rubéola.

O que atualmente se divulga como sendo ZIKV é facilmente associado à rubéola. E tivemos sim uma grande vacinação com a vacina tríplice em Pernambuco no final de 2014.

Segundo o gráfico de Microcefalia para Pernambuco, Fig. 1, o máximo da curva corresponde e pode ser associado à vacina tríplice usada para o sarampo.

[Imagem: img_1336.jpg?w=551&h=493]

A microcefalia é então o efeito colateral do componente de rubéola da vacina tríplice para Sarampo, Caxumba e Rubéola. Este erro é grotesco e houve.

É preciso, também, ter em mente que o vírus da rubéola provoca, quando não o aborto, a síndrome da rubéola congênita e a microcefalia é apenas uma manifestação da tríade clássica: microcefalia, catarata e surdez.

Ver a fala do secretário de saúde de Pernambuco na época:

diariodepernambuco

Esta chamada foi feita pelas várias secretarias de saúde pelo nordeste, sob recomendação do Ministério da Saúde.

Devido à vacina tríplice em mulheres no período fértil, os casos de Microcefalia vão continuar até nove meses depois do término desta vacinação, mais o período inicial de atuação desta vacina no corpo da jovem, o que nos dá um total efetivo de pelo menos 12 meses após a vacina ter sido tomada.

Como um outro fato exemplo, aqui está uma das chamadas para vacinação de sarampo no Ceará:

globo.com

OBSERVAÇÃO


Não é o caso de vacinação com a vacina tríplice em mulheres grávidas. Isso pode até ter acontecido, erro grosseiro, mas não acredito ter sido a norma. Eu me refiro às mulheres que engravidaram após se vacinarem.

Temos as nossas grandes festas culturais de final de ano de 2014 e o carnaval de 2015.

Os gráficos apontam para inicio de gravidez entre janeiro a abril de 2015 em Pernambuco. E o efeito da vacinação de rubéola dura meses e estes estariam associados ao primeiro trimestre de gestação.

Também, não estou me referindo a vacinas vencidas ou contaminadas, neste caso da vacinação contra o sarampo com a tríplice. Afirmo que a vacinação foi efetiva e de grande alcance nos postos de saúde de Pernambuco.

A Microcefalia que se apresenta 9, 10, 11 ou 12 meses depois de uma jovem fértil ter sido vacinada com a tríplice é devido à componente da rubéola na vacina.

EXEMPLO


Por favor, notem este possível diálogo entre uma atendente em um posto de saúde e uma mulher jovem que foi tomar vacina de sarampo:


— Vim tomar a vacina de sarampo. Um conhecido meu está com sarampo.
Você está grávida?

— Não.

A sua carteira de vacinação… etc.

A jovem engravida nos próximos 3-4 meses e temos um percentual bem alto de casos de acometimento do sistema nervoso central do feto, devido a contaminação do feto no primeiro trimestre de gestação.

Nada mais claro do que isso para explicar como é que em Pernambuco a Microcefalia aparece com números descabidos em novembro de 2015, do litoral ao sertão, ao mesmo tempo.

A vacinação de sarampo foi oficialmente satisfatória no estado, segundo a Secretaria de Saúde Estadual.

A explosão da Microcefalia em Pernambuco provoca o próximo fato-caso:

B), abaixo.

B) NOTIFICAÇÃO COMPULSÓRIA: O alarmante número de casos, que começam a aparecer em agosto-outubro de 2015, provoca a compulsoriedade, pelo Ministério da Saúde, de notificação de Microcefalia em todo o país. A obrigatoriedade de notificação aumenta o pico máximo da curva no gráfico e a alarga em torno do seu pico para Pernambuco.

Aqui em Pernambuco existiam obstáculos consideráveis, mesmo para médicos, para se aprofundar nos dados de microcefalia existentes na Secretaria Estadual de Saúde. A SES recebia a Declaração de Nascido Vivo (DNV) de todo estado para digitalizar e assim centralizava os dados. Acontece que a DNV não contém o dado antropométrico de perimetro cefálico, somente peso ao nascer, idade gestacional e Índice de Apgar.

A notificação de defeito congenito (incluindo microcefalia) ficava dependente da observação do declarante (em geral um pediatra). Portanto, a única forma fiel de acessar dados sobre microcefalia era fazer uma busca ativa nos registros das maternidades.

Provavelmente devido a isso, o Ministério da Saúde torna compulsória a notificação de casos de microcefalia em todo o Brasil no final de outubro de 2015. Mas, não está claro neste momento se todos os estados notificam a totalidade dos seus casos.

C) VACINA DTP APÓS SEXTO MÊS DE GESTAÇÃO: Não fosse o “erro” operacional devido à vacinação de jovens no período fértil contra sarampo no Nordeste, dificilmente saberíamos do efeito da vacina DTP que está provocando Microcefalia em todo o Brasil presentemente.

Em novembro de 2014, o Ministério da Saúde inclui a vacina dTpa contra Difiteria, Tétano e Pertussis no protocolo pré-natal de gestantes no último trimestre de gestação, i. e., a partir do sexto mês de gravidez. A causa que provocou o pico máximo de casos de microcefalia em novembro de 2015, em Pernambuco, fica rarefeita e é substituída, na atualidade, por este outro fato-causa que embora presente nas notificações iniciais, era pouco evidente.

Em 2014, grande divulgação pública foi feita quanto à utilização da vacina dTpa (o a significa acelular) como parte do protocolo pré-natal nacional de gestantes. Foi veiculado um acordo entre o MS-SUS para repasse da tecnologia de fabricação da dTpa no Brasil, com o apoio técnico do laboratório GlaxoSmithKline Pharmaceuticals (GSK).

O instituto Butantan, que só produzia e ainda produz a DTP ou DTPw (com bactéria viva Bordetella Pertussis, da coqueluche atenuada) para o programa nacional de imunização, passaria a produzir a vacina sem a bactéria viva a vacina dTpa, usada no primeiro mundo.

A vacina DTP deixou de ser fabricada pela maior parte das indústrias farmacêuticas do mundo. O SUS ainda usa a DTP para vacinar as crianças de 2 meses a 7 anos.

Foi também anunciado, em 2014, que o Ministério da Saúde adquirira a dTpa no mercado internacional, 4 milhões de doses, ao custo de R$ 87,2 milhões, que cobririam as 2,9 milhões de gestantes e adultos em 2015, mas que progressivamente substituiria a DTP pela dTpa para todos.

blog.saude.gov

O problema com a vacina DTP ou DTPw (atenuada), que parou de ser usada nos EUA em 1995, é que ela causa, entre outras patologias, a microcefalia. É aqui que aparece o problema:

a) em meados de 2015, o Ministério da Saúde anuncia que não consegue comprar a dTpa no mercado internacional, pois está em “falta” e anuncia a sua troca pela vacina penta-valente, fabricada no Brasil pelo Instituto Butantan.

Isso é bastante estranho, pois na rede privada de saúde do Brasil, uma gestante pode tomar, pagando, a dTpa que não se encontra em falta.

Pergunto onde foram parar as 4 milnões de doses de dTpa para as gestantes e pessoal de saúde e que seriam usadas em 2015?

Por que em 2105 toda e qualquer menção ao acordo de transferência de tecnologia para a produção de dTpa com a GSK somem no Brasil?

Também, a própria vacina dTpa não é recomendada para uso em gestantes pelos laboratórios que as fabricam, e isso está escrito nas bulas destas vacinas.

correiobraziliense

D) O ZIKV: Uma causa e efeito devido ao ZIKV, necessariamente, acompanharia a epidemia causada pelo mosquito vetor. Não é o que a curva AZUL, Fig. 2, apresenta.

Neste momento, e desde após o pico em Pernambuco, a curva tende a uma constante de casos por dia, o que requer, em qualquer estudo de epidemias, uma causa diária constante de contaminação.

O mosquito vetor, Aedes Aegypti, é o mesmo para Febre Amarela, Dengue, Chikungunya e ZIKV.

É razoável considerar, ao menos em primeira ordem, que o período de uma epidemia de dengue estaria associada a uma epidemia de ZIKV no tempo. É o mesmo mosquito.

O período de incubação da dengue no homem varia de 4 a 10 dias, sendo em média de 5 a 6 dias; após este período surgem os sintomas de dengue; para o ZIKV isso está em estudo no momento. Mas o número de casos por dia é muito alto e se apresenta como uma constante, uma média de 15 casos dia desde o final de novembro de 2015.

A causa de efeito constante, os casos de microcefalia, requer uma contaminação constante.

A VACINA DTP, a versão usada pelo MS-SUS é esta causa, pois todas as grávidas devem se vacinar após o sexto mês de gestação. Temos aqui uma constante que não existia antes de novembro de 2014 e isso explica o porque de todo o Brasil está apresentando casos de microcefalia.

Para ZIKV a curva estaria aumentando, acompanhando o aumento do Aedes, como temos na propaganda oficial maciça neste momento.

Mas o comportamento do gráfico requer uma causa CONSTANTE! A dengue em Pernambuco foi entre 15 de fevereiro ao final de abril. Isso significaria, se fosse o ZIKV, que é o mesmo Aedes da dengue, uma grande contaminação neste período.

Acontece que isso deslocaria a curva da microcefalia para meados de janeiro de 2016 e esta não seria em novembro de 2015!

O pico da dengue que está em 15 de abril, provocaria uma região de casos centrados em 15 de janeiro como temos aqui!

Dengue em PE 2015 >> coren-pe.gov <<

Questiono, também, um dos marcadores usados para a identificação do ZIKV, o IgG, que aparece em contaminações pela rubéola/rubella, o que o torna inespecífico, exigindo, assim, uma procura pelo DNA do ZIKV, ou um marcador específico e único, para validar os testes de presença do ZIKV nas amostras provenientes de bebês com microcefalia.

CONCLUSÃO


Pelo que demonstro, as causas que provocaram e provocam o grande número de casos de microcefalia em Pernambuco estão associadas a 2 vacinas:

a) a vacina tríplice erroneamente administrada a jovens no período fértil e

b) a vacina usada para coqueluche no Brasil pelo MS-SUS.

Pernambuco teve, acredito, 60 municípios com sarampo em 2014. Foi recomendação oficial da Secretaria de Saúde do estado de Pernambuco que a vacinação de sarampo fosse feita em toda a população vulnerável nestes municípios e em quem teve algum contato com os acometidos nestes municípios.

Só esta constatação explica porque a microcefalia aparece por todo o estado de Pernambuco ao mesmo tempo. Mas isso é somente o pico máximo inicial da curva de microcefalia para PE. A largura do pico tem a ver com a notificação se tornar compulsória.

As notificações atuais não mais tem a ver com a vacina tríplice. O estado atual de 15 casos por dia de microcefalia em Pernambuco está relacionado com a vacina DTP, DTPw (e suas outras siglas) para difiteria, tétano e pertussis, administrada a “todas” as grávidas a partir do sexto mês de gravidez.

RECOMENDAÇÕES


Parar toda e qualquer vacinação de grávidas ou jovens no período fértil em todo o Brasil!

É muito fácil verificar o que apresento aqui:

1) Basta analisar as carteiras de vacinação das mães com crianças com microcefalia, por exemplo;

2) Fazer o cruzamento dos dados do posto de vacinação municipal, nos 60 municípios de PE com a ocorrência de microcefalia com a vacinação de sarampo;

3) Com dados oficiais completos, todo e qualquer estado da federação pode ter curvas de causa-efeito plotadas para microcefalia;

4) Apurar as responsabilidades de todas as instituições e suas autoridades, nas pessoas dos seus representantes constituídos, pelos erros e procedimentos que estão provocando este grande número de casos de microcefalia em todo o País; e

5) Acabar com esta aparente farsa que pretende singularizar o ZIKV pelos casos de microcefalia no País, quando temos duas causas gritantes que explicam o porque da quantidade absurda de casos de microcefalia no Brasil.

OBSERVAÇÃO FINAL


Me coloco à disposição do MPF para maiores esclarecimentos e para a transferência da grande quantidade de documentos, matérias e artigos científicos que pesquisei, para auxiliar as investigações.

Dr. Plínio Bezerra dos Santos Filho.

22 de janeiro de 2016.

LEIAM TAMBÉM O ARTIGO: microcefalia e zika a historia nao revelada

PDF c/todas informações da vacina DTpa – Tdap: http://www.gsksource.com/pharma/content/...OSTRIX.PDF

LEIAM: Os Riscos da vacinação na gravidez, analisem! – os riscos da vacinacao na gravidez analisem

- Vacciness -The truth behind vaccinations-




- Silent Epidemic; The Untold Story of Vaccines Movie dire




FONTE: quiteriachagas.com
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a John Dickinson pelo seu post:
Alimah (08-02-2016), Guigo Xavier (12-02-2016)
08-02-2016, 12:22 AM
Resposta: #9
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
Resumidamente: Ninguém sabe p. nenhuma e não querem resolver nada. Estado repugnante.

"Open your eyes!" - Vanilla Sky
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 1 usuário disse obrigado a Alimah pelo seu post:
John Dickinson (08-02-2016)
08-02-2016, 09:38 AM
Resposta: #10
RE: Surto do Zika Vírus Ligado à Liberação de Mosquitos Geneticamente Modificados
(08-02-2016 12:22 AM)Alimah Escreveu:  Resumidamente: Ninguém sabe p. nenhuma e não querem resolver nada. Estado repugnante.

@Alimah, o pior disso é que sim, eles sabem e realmente não vão fazer nada mesmo para a ajudar a resolver isso pois consta como parte de uma agenda de extermínio de futuras gerações.

Isso já está acordado entre ONU, Fundação Gates e governo brasileiro.

Aqui no fórum tem um tópico que eu criei que relaciona ponto a ponto os objetivos dos mosquitos geneticamente modificados.

Estamos largados e pelados, essa é a verdade.
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a John Dickinson pelo seu post:
Alimah (09-02-2016), Regulus T (08-02-2016)
Balas de Colágeno pelo melhor preço é na Tudo Saudável
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
  EUA passam a permitir manipulação de vírus mortais O Mensageiro 3 762 23-12-2017 08:18 PM
Última Resposta: O Mensageiro
  Zika Vírus foi criado para Controle Populacional e é vendido em site Mergulhador 28 7,946 30-08-2017 04:53 PM
Última Resposta: Beobachter
Exclamation A Farsa do Zika Vírus: Microcefalia ligada à larvicida na água Mediador 60 34,920 05-09-2016 11:03 AM
Última Resposta: Guigo Xavier
  Pesticidas do Zika Vírus Ligado a um Aumento de 60% de Autismo admin 0 1,185 19-08-2016 09:36 PM
Última Resposta: admin
  A Pandemia do Zika foi Projetada para Justificar o Bombardeio de Produtos Tóxicos admin 0 1,314 07-08-2016 07:23 PM
Última Resposta: admin

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Publicidade:
Loja de Produtos Naturais Tudo Saudável

Recomende o Fórum


Sites Associados: Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas
Rastreando Chemtrails
Site Notícias Naturais
Fórum Notícias Naturais Blog Anti-Nova Ordem Mundial

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 124 usuários online.
» 0 Membros | 124 Visitantes

Estatísticas do Fórum
» Membros: 20,540
» Último Membro: Boromir
» Tópicos do Fórum: 25,260
» Respostas do Fórum: 269,733

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
Nicks e avatar porque?
Última Resposta Por: djaga
Hoje 01:05 AM
» Respostas: 213
» Visualizações: 79317
Emmanuel Macron é o Anti-Messias?
Última Resposta Por: draggy29
Ontem 11:59 PM
» Respostas: 26
» Visualizações: 1557
MUSE -CONTRA OS ILLUMINATI
Última Resposta Por: Supermoderador
Ontem 09:04 PM
» Respostas: 3
» Visualizações: 332
A ridicularização e banalização das conspirações como arma de desinformação
Última Resposta Por: Doc S
Ontem 08:11 PM
» Respostas: 5
» Visualizações: 381
Profecia diz que Portugal desaparecerá na década de 20
Última Resposta Por: JoshuaInt
Ontem 11:19 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 245
Últimos acontecimentos ONLINE
Última Resposta Por: Jeyjin
Ontem 11:16 AM
» Respostas: 910
» Visualizações: 181812
QATAR WORLD CUP - ILLUMINATI FIFA
Última Resposta Por: Beobachter
21-07-2018 07:01 PM
» Respostas: 8
» Visualizações: 563
banco SATANder promovendo ideologia de gênero, pedofilia, zoofilia e zombando Cristo
Última Resposta Por: Bogoton
21-07-2018 08:44 AM
» Respostas: 125
» Visualizações: 14006
Nova Ordem Mundial: Introdução Básica
Última Resposta Por: CaféSemAçúcar
21-07-2018 03:48 AM
» Respostas: 3
» Visualizações: 564
Temer Decreta Intervenção Militar! Quem esperava por essa?
Última Resposta Por: Beobachter
20-07-2018 07:13 PM
» Respostas: 97
» Visualizações: 11210
Por que a pedofilia nos "países desenvolvidos" é tolerada e considerada um tabu?
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
20-07-2018 10:53 AM
» Respostas: 3
» Visualizações: 630
Clarín: Estados Unidos manejam a Lava Jato para destruir o Brasil e a América Latina
Última Resposta Por: tarcardoso
20-07-2018 09:30 AM
» Respostas: 8
» Visualizações: 797
Algumas músicas anom
Última Resposta Por: jonas car
20-07-2018 03:24 AM
» Respostas: 126
» Visualizações: 25572
Teoria da Terra Plana, como assim?
Última Resposta Por: Elenin20182024
20-07-2018 02:26 AM
» Respostas: 91
» Visualizações: 18029
Polícia pode entrar em residências SEM MANDADO, decide STF
Última Resposta Por: jonas car
20-07-2018 01:32 AM
» Respostas: 17
» Visualizações: 5075
Construindo a Nova Ordem Mundial Através do FMI e dos Bancos Centrais
Última Resposta Por: Doc S
19-07-2018 08:52 PM
» Respostas: 17
» Visualizações: 3669
Deputada de MS é eleita "Musa do Veneno” em debate sobre agrotóxico
Última Resposta Por: CaféSemAçúcar
19-07-2018 08:40 PM
» Respostas: 9
» Visualizações: 466
A verdade escondida sobre Cavaco Silva e a PIDE!
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
19-07-2018 03:51 PM
» Respostas: 10
» Visualizações: 258357
É estranho, mas parece que Zuckerberg está se preparando para o apocalipse
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
19-07-2018 02:49 PM
» Respostas: 24
» Visualizações: 14048
Apocalipse 12 e o céu em 23/09/2017
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
19-07-2018 02:46 PM
» Respostas: 94
» Visualizações: 26254
Vacinas com DNA de Fetos Humanos e Vírus que Podem Causar Autismo e Câncer
Última Resposta Por: Nikoloz
19-07-2018 02:41 PM
» Respostas: 7
» Visualizações: 1472
O massacre praticado por Israel, que o Estado Judeu quer esquecer.
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
19-07-2018 02:28 PM
» Respostas: 2
» Visualizações: 323
Interessante: Profecias diversas de 2014 em diante...
Última Resposta Por: jorgegb97
19-07-2018 12:31 PM
» Respostas: 43
» Visualizações: 47744
França - Campeão da Copa do Mundo Fifa 2018 (666)
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
19-07-2018 09:32 AM
» Respostas: 2
» Visualizações: 652
Projeto de lei ANTI-chip no Brasil
Última Resposta Por: CaféSemAçúcar
18-07-2018 10:15 PM
» Respostas: 46
» Visualizações: 42121
[FERRAMENTA] Mapeando Chemtrails/Rastros Químicos no Brasil - PARTICIPE!
Última Resposta Por: docaminho2017
18-07-2018 03:50 PM
» Respostas: 59
» Visualizações: 59362
Muito além da ideologia: o fenômeno da doutrinação na educação brasileira
Última Resposta Por: saviodom
18-07-2018 03:38 PM
» Respostas: 13
» Visualizações: 1806
Infiltração marxista nas universidades
Última Resposta Por: ULTRON
18-07-2018 11:26 AM
» Respostas: 15
» Visualizações: 698
O ser humano e seu semelhante
Última Resposta Por: Marcelo Almeida
18-07-2018 11:24 AM
» Respostas: 12
» Visualizações: 1572
Divididos nós caímos!
Última Resposta Por: Beobachter
18-07-2018 09:55 AM
» Respostas: 106
» Visualizações: 53639

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!

Camisetas:
camisetas resista à nova ordem mundial